Arquivos mensais: Março 2013

DENGUE EXPLODE EM JALES

Como informou o repórter Alexandre Ribeiro, o Carioca, na Tribuna deste final de semana, Jales tinha, até a terça-feira, 26/03, nada menos que 61 casos confirmados de dengue. Ontem, fontes extraoficiais, mas bastante confiáveis, confidenciaram a este aprendiz de blogueiro que, somente na quinta-feira, foram confirmados mais 45 novos casos.

Chegamos, portanto, a mais de 100 casos oficialmente contabilizados. O problema é que nem todos os casos são notificados na Secretaria Municipal de Saúde. Hoje, um amigo me disse que os laboratórios particulares também estão registrando um número razoável de exames com resultado positivo. E nem todas as vítimas são contabilizadas nas estatísticas oficiais da Secretaria.

A situação é preocupante, principalmente porque, daqui a alguns dias, teremos a Facip 2013. A aglomeração de pessoas, como se sabe, facilita a disseminação da doença. Há alguns dias, a prefeita Nice anunciou que estava contratando mais algumas pessoas para reforçar a equipe de combate à dengue. Resta saber se a providência já não foi um pouco tardia. 

NANDO REIS – ‘VOCÊ NÃO VALE NADA’

Daqui a pouco, estarei lá na Regional FM, onde apresento, todos os domingos – das 10:00 às 14:00 horas – o Brasil & Cia. Antes, porém, creio haver tempo para sugerir mais um vídeo musical. 

Tempos atrás, eu postei por aqui um vídeo onde o Nando Reis canta “Muito Estranho”, do Dalto. Este outro vídeo é do mesmo show, “Bailão do Ruivão”, onde o Nando mostra sua versatilidade, cantando de Wando a Bee Gees.

No show “Bailão do Ruivão”, que está fazendo sucesso há mais de um ano, o ex-titã relembra os tempos em que ele cantava nos bailes da vida, com um conjunto musical. Vejam, abaixo, o vídeo em que Nando faz uma incursão ao universo brega, cantando “Você Não Vale Nada”, com uma participação legal de suas duas backing vocal.

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video  

JORNAL DE JALES: MAIS DE CEM POLICIAIS PARTICIPARAM DA ‘OPERAÇÃO PAIOL’

O Jornal de Jales chegou às bancas e aos assinantes, neste domingo, trazendo como principal destaque a operação das polícias Federal e Ambiental, realizada na região de Jales, que resultou na apreensão de 41 armas e na prisão de 11 pessoas.

Outro destaque do JJ é a denúncia de suposta  prática nepotismo contra a prefeita Nice Mistilides, que foi analisada e acatada pela Câmara Municipal, na segunda-feira passada. O jornal informa que a presidenta do Legislativo, Pérola Cardoso(PT), vai recorrer de liminar que possibilitou a participação do vereador Claudir Aranda(PDT) na Comissão Processante que vai investigar as denúncias.

E o JJ destacou, também, uma notícia que mostra que nem tudo está perdido: uma senhora de Santa Albertina – que, juntamente com o já falecido marido, havia doado um imóvel para a Santa Casa, com a reserva de usufruto – procurou a direção do hospital e abriu mão do usufruto. O que significa isso? Que o imóvel já pode ser passado para o nome da Santa Casa.

Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior registrou que uma platéia formada por simpatizantes e agregados do Paço Municipal vaiou, na sessão de segunda-feira, o vereador Gilbertão, enquanto o mesmo fazia contundente discurso contra a administração municipal.

ACEJ/SMECT VAI PARTICIPAR DE CAMPEONATO PAULISTA DE FUTEBOL, NA CATEGORIA SUB 20

O assessor de imprensa da ACEJ, Vinícius Néris, enviou a notícia abaixo:

ACEJ/SMECT de Jales foi confirmada para participar do “Campeonato Estadual de Futebol” -Categoria SUB 20- 2013!

A Federação Paulista de Futebol (FPF) e Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo, dará total apoio como: Arbitragem da Federação, Transportes Gratuito, Jogos de Camisas, Bolas, Alimentação, Hospedagem, tudo GRATUITAMENTE.

Da nossa região somente Jales e Votuporanga estará participando, são 90 equipes do Estado de São Paulo. O campeonato sub 20 vai acontecer em 2013, em 2014 estaremos disputando o sub 20 e sub 17, já em 2015, com o sub 15, sub 17 e sub 20.

Abaixo, os horários de treinos (ainda sem o SUB 20) para as crianças e adolescentes que se interessarem em treinar pela nossa escolinha de futebol, lembrando que os treinos são totalmente gratuitos:

CATEGORIA: INICIANTES (6, 7 E 8 ANOS)
HORÁRIO: 19:00 ÀS 21:00 HORAS (TERÇAS E QUINTAS)
LOCAL: ESTÁDIO MUNICIPAL ¨DR. ROBERTO VALLE ROLLEMBERG¨
Prof. Delcio José Miorini – Zé Bolacha –

CATEGORIA: SUB-10 (NASCIDOS EM 2003 E 2004)
HORÁRIO: 08:00 ÀS 10:30 HS E DAS 17:00 ÀS 19:00 HS (TERÇAS E QUINTAS)
LOCAL: ESTÁDIO MUNICIPAL ¨DR. ROBERTO VALLE ROLLEMBERG¨
Prof. Delcio José Miorini – Zé Bolacha –

CATEGORIA: SUB-12 (NASCIDOS EM 2001 E 2002)
HORÁRIO: 08:00 ÀS 10:30 HS E DAS 17:00 ÀS 19:00 HS (SEGUNDAS, QUARTAS E SEXTAS)
LOCAL: ESTÁDIO MUNICIPAL ¨DR. ROBERTO VALLE ROLLEMBERG¨
Prof. Delcio José Miorini – Zé Bolacha –

CATEGORIA: SUB-14 (NASCIDOS EM 1999 E 2000)
HORÁRIO: 08:30 ÀS 10:30 HS E DAS 15:30 ÀS 17:30 HS (TERÇAS E QUINTAS)
LOCAL: CAMPO DE FUTEBOL ¨DEVANIR ALVES DE LIMA¨ – FEPASA
Prof. Sergio Luiz Nacca –Serjão-

CATEGORIA: SUB-16 E SUB-18 (NASCIDOS EM 1995, 1996, 1997 E 1998)
HORÁRIO: 08:30 ÀS 10:30 HS E DAS 15:30 ÀS 17:30 HS (QUARTAS E SEXTAS)
LOCAL: CAMPO DE FUTEBOL ¨DEVANIR ALVES DE LIMA¨ – FEPASA
Prof. Sergio Luiz Nacca –Serjão- 

A PEOA CEGA QUE MONTA A MULA-SEM-CABEÇA: NICE CANCELA LICITAÇÕES PARA FACIP

Há alguns dias, nós publicamos aqui no blog que a prefeita Nice tinha autorizado a abertura de quatro licitações visando à realização da Facip 2013. Uma delas tinha como objeto a venda da exclusividade para distribuição de bebidas dentro do recinto. O lance mínimo, era de R$ 200 mil.

As licitações soaram estranhas, pois, como se sabe, algumas concessões da Facip 2013 – como é o caso da boate – já tinham sido feitas sem nenhum certame licitatório. Além disso, metade da cidade comenta que a festa já teria um compromisso com uma empresa do Paraná, para a distribuição das bebidas aos bares e barracas da feira.  

Pois bem, na quinta-feira passada, a Ungida publicou no Diário Oficial do Estado o cancelamento das quatro licitações. Menos mal. O episódio mostra, salvo engano, que a administração municipal ainda está meio que perdida quanto à forma de realização da Facip.

E não se pode dizer que tenha sido por falta de esforço do vice Pedro Callado. No entanto, a prefeita Nice, que cuidou pessoalmente da contratação de artistas e de outros detalhes da festa, dinamitou, com sua postura autoritária, todas as pontes que Callado tentou construir para obter o apoio da Câmara.

Claro que ainda é cedo para avaliar erros e acertos, mas, neste período pré-facipesco, os movimentos da prefeita Nice mais se assemelham ao do peão cego que monta uma mula-sem-cabeça. Resta-nos torcer para que as coisas se acertem e que, ao final, algumas biografias não sejam chamuscadas.

POLÍCIA CIVIL PRENDE SUSPEITO DE ASSALTO AO CORREIO DE SANTA ALBERTINA

A minha visita à polícia, neste sábado, não foi em vão. Ao chegar à sede da Polícia Judiciária, na Avenida João Amadeu, deparei-me com um rapaz que estava saindo de lá, algemado e acompanhado pelo delegado Sebastião Biazi. Ele estava sendo levado para a nossa Cadeia Pública, onde deverá passar alguns dias trancafiado.

Segundo as informações que obtive, tratava-se de R.M.S., de 27 anos, morador de Aparecida D’Oeste. Ele foi preso, na manhã deste sábado, pela polícia civil de Santa Albertina, que contou com o apoio das polícias civis de Jales e de Aparecida D’Oeste.

O rapaz é suspeito de ser um dos quatro meliantes que, no final da tarde do dia 19 passado, uma terça-feira, assaltaram a agência do Correio de Santa Albertina, levando cerca de R$ 30 mil.

As investigações que levaram a polícia até R.M.S. foram conduzidas pelo delegado operacional de Jales, Sebastião Biazi. Ele esclareceu que elas começaram no mesmo dia do assalto. O nosso delegado disse, ainda, que as investigações para chegar aos outros três suspeitos prosseguem.

Segundo Biazi, foi de suma importância a participação da Polícia Militar de Santa Albertina, que, no dia dos fatos, atravessou a noite participando de ações que ajudaram na investigação. Ele mencionou, também, a importante colaboração do tenente Ferrarezi, do 16º Batalhão de Fernandópolis. 

IRMÃO DO MOTORISTA DA PREFEITA TENTA AGREDIR APRENDIZ DE BLOGUEIRO

Vida de blogueiro não é fácil! Hoje, por volta das 11:30 horas, resolvi dar uns bordejos lá pelos lados da Facip, a fim de verificar como anda a preparação do recinto. E não é que tive que me defender para não ser agredido? 

Sucedeu assim: eu estava fazendo umas fotos do barracão onde será instalada a boate oficial – a Boteko Eventos – quando um sujeito de maus bofes se aproximou e, sem mais delongas, arrancou a máquina fotográfica das minhas mãos e tentou me desferir uns sopapos.

O valentão – a quem eu não conhecia – é conhecido por “Nelsão”, irmão do motorista da prefeita, José Aldo de Sá. A certa altura, não conseguindo me acertar, o jagunço apoderou-se de uma enxada, com a qual ameaçava acertar minha reluzente careca. Bom, resumindo, consegui sair ileso e, sob ameaças,  ainda recuperei a máquina.

Esse mesmo jagunço – a  quem, repito, eu não conhecia – já havia ligado no meu celular, há uns quinze ou vinte dias, fazendo ameaças veladas, tipo “você tem família…”. Levei o caso à polícia, que registrou um Boletim de Ocorrências. Como se vê, nossa prefeita está cercada de pessoas bem preparadas.

A TRIBUNA: SEGUNDO NICE, PREFEITURA DEVE R$ 46,5 MILHÕES

Escutei um barulho lá fora, agora de manhã, e fui conferir: era o jornal A Tribuna, que adiantou o expediente e está chegando aos assinantes, excepcionalmente, neste sábado. E, como se vê, a manchete principal destaca informação da prefeita Nice Mistilides, segundo a qual, nossa Prefeitura está devendo a bagatela de R$ 46,5 milhões.

Desse total, R$ 36,3 milhões referem-se à “dívida fundada”, que inclui precatórios e o Instituto de Previdência. O jornal destaca, também, o decreto da prefeita que suspendeu o pagamento a fornecedores.

Matéria do repórter Alexandre Ribeiro, o Carioca, mostra que metade das escolas estaduais de Jales não cumpriu as metas do IDESP. Outros destaques são as reformas que estão sendo feitas na recém-inaugurada UPA de Jales e o cancelamento de quatro licitações referentes à realização da Facip.

Destaque também para o imbroglio entre a Câmara e a administração Nice-Callado, por conta das denúncias de nepotismo protocoladas pelo ex-servidor Matogrosso. E a coluna que o vice-prefeito Pedro Callado escreve semanalmente, em A Tribuna, trata, nesta semana, da Páscoa.   

JALES PODERIA TER UMA EPIDEMIA DE DENGUE?

Em Minas Gerais, a epidemia de dengue já chegou a quase 38 mil casos confirmados e 31 mortes. Na nossa região, várias cidades também vivem situação de epidemia, principalmente Barretos e São José do Rio Preto. 

Aqui em Jales, o mosquito está, aparentemente, sob controle, mas muita gente já começa a ficar preocupada. Ontem, no facebook, pude  acompanhar a conversa entre uma enfermeira da nossa Santa Casa e uma amiga:

 – Não desejo isso que estou passando para ninguém…

 – Nossa, o que vc tem?????

 – DENGUE!!

 – nossssssssssa, que horror. melhoras. bjuss

A essa altura, um bancário aposentado, muito conhecido em nossa cidade, também entrou na conversa:

 – desejo melhoras! Jales está virando epidemia e não vejo ninguém fazer nada. Do lado da minha casa tem um casal com dengue, esteve internado por vários dias. Pelo amor de Deus responsáveis pela saúde pública, socorro… não deixem virar epidemia, cadê o secretário da saúde, por favor faça alguma coisa.

Não sei se é pra tanto! Com efeito, temos ouvido falar em casos de dengue por toda a cidade. Os números oficiais, no entanto, confirmam que a situação é preocupante, mas ainda está sob controle.

O último levantamento a que este aprendiz de blogueiro teve acesso – há mais de uma semana – registrava 304 notificações em Jales, com 50 casos confirmados, dos quais 37 eram autóctones e 13 tinham sido importados.

Esses números, repito, são de dez dias atrás. É muito provável que eles tenham aumentado, mas, para chegarmos a uma situação de epidemia,  a quantidade de casos confirmados precisaria ter triplicado. De qualquer forma, os números já bem superiores ao do ano passado, quando tivemos apenas 09 casos.

Post Scriptum: segundo matéria do Alexandre ‘Carioca’ Ribeiro, publicada  em A Tribuna deste final de semana, até a terça-feira passada, 26/03, Jales registrava 382 notificações e 61 casos confirmados.   

1 2 3 17