AGORA VAI! – 3

E na Praça “Euphly Jalles”, os problemas que atrasaram as reformas, ao que parece, estavam na placa da obra. Comecemos pelo começo:

Tudo começou em 2007, quando o Ministério do Turismo enviou recursos para a reforma da Praça. As reformas incluíam uma repaginação nos banheiros e a instalação de uma fonte luminosa. Depois de tudo contratado, o prefeito Parini – ou talvez a primeira-dama, que é quem entende de praças – resolveu mudar o projeto. Fez-se apenas a reforma dos banheiros. Repare que o valor do investimento era R$ 81.900,00.

Quase cinco anos depois, em fevereiro de 2012, as reformas foram, finalmente, retomadas. O gênio que se senta à cadeira de prefeito – ou, quem sabe, a primeira-dama – trocou a fonte luminosa por melhorias na iluminação da Praça, construção de estacionamentos e pela troca dos bancos. Os bancos foram retirados antes do aniversário da cidade e, até hoje cedo, não haviam sido repostos. Ah!, repare que o valor do investimento era de R$ 64.573,67.

A obra está paralisada há dois meses, mas, pelo menos, ganhou uma nova placa. A novidade foi instalada na semana passada. As letrinhas da placa são miúdas, mas, com algum esforço, dá pra ver que o “valor total da obra”, ou seja, do investimeno, mudou para R$ 95.106,01. Bom, agora que já está resolvido esse problema das placas, só nos resta torcer para que a “obra” seja, finalmente, concluída.  

2 comentários

  • Marília Gabriela

    É VÁLIDO LEMBRAR TAMBÉM QUE A REFORMA NO BANHEIRO NÃO FOI TOTALMENTE CONCLUÍDA, POIS AINDA SE ENCONTRA SEM AS PORTA…

  • JM

    nossa eu não sabia que construir estacionamento e os bancos custavam tão caros assim, mano na boa eles tinham que tomar vergonha na cara e reativar aquela fonte. Bons tempos aqueles que ela(a fonte) funcionava.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *