UNIDADES DE SAÚDE DE JALES CELEBRAM O ‘DIA INTERNACIONAL DA MULHER’

A notícia é da Secretaria Municipal de Comunicação:

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado na quinta-feira, 8 de março, todas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF) de Jales, Núcleo Central de Saúde e o Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento de Jales (SAE/CTA), ofereceram um café da manhã e atividades especiais como, homenagens, orientações sobre saúde e autoestima feminina, para marcar a data.

Cada unidade de saúde programou suas ações. Além de palestras, foram oferecidos testes rápidos de sífilis, hepatite e HIV, com resultados apresentados em 10 minutos. Vale ressaltar que qualquer pessoa interessada em realizar os testes rápidos pode procurar a ESF mais próxima de sua residência, independente da data comemorativa do Dia Internacional da Mulher.

Segundo a secretaria municipal de Saúde, Maria Aparecida Moreira Martins, foram feitas ações voltadas à saúde e à conscientização do cuidado da mulher, dando ênfase a importância da autoestima e dos cuidados em relação à saúde, principalmente a prevenção do câncer de mama e de colo de útero. As mulheres também foram orientadas sobre os autoexames e mamografias.

“Foram momentos de reflexão sobre o que representa a mulher no mundo atual e seu papel enquanto mãe, esposa, trabalhadora e outros papéis que desempenha na vida da família e da sociedade”, ressaltou Maria Aparecida.

Mais comemorações

No sábado, dia 10, as comemorações em alusão ao Dia Internacional da Mulher continuam. Haverá uma campanha na Praça João Mariano de Freitas, onde os funcionários do SAE/CTA (Serviço de Atendimento Especializado / Centro de Testagem e Aconselhamento de Jales) estarão realizando testes rápidos e a distribuição de brindes para as mulheres que participarem. O evento 

“O objetivo é realizar os testes rápidos para detectar precocemente as doenças, além de promovermos a conscientização das mulheres. Os casos positivos serão encaminhados para tratamento e acompanhamento no SAE/CTA”, disse a secretária de Saúde.

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *