Arquivos do autor: cardosinho

NOVA ENQUETE: QUAL É O PRÉ-CANDIDATO MAIS PREPARADO PARA GOVERNAR JALES?

Não sei se os visitantes do blog repararam, mas eu já coloquei aí do lado direito uma nova enquete. Dessa vez, os leitores do blog poderão opinar sobre qual dos pré-candidatos que estão sendo lançados por aí seria o mais preparado para governar Jales. Particularmente, tenho minha opinião sobre qual seria o melhor, mas tenho minhas dúvidas se ele terá votos suficientes nas eleições de 2012.

Vale registrar que se trata apenas de uma consulta, sem nenhum valor científico. Coloquei apenas sete nomes – os mais falados – mas poderia colocar outros tantos. Somente na semana passada, várias pessoas se disseram dispostas ao sacrifício de ser candidato. Claudir Aranda, Macetão, Paulo Mariani e Jorge Pêgolo foram alguns.

Na enquete anterior, que perguntava qual time paulista tinha mais chance de ser campeão brasileiro, o Corinthians foi o mais lembrado, com 43% dos votos. Em seguida, vieram o São Paulo (25%), o Santos (19%) e o Palmeiras (13%).

Aproveite e dê a sua opinião sobre qual dos pré-candidatos  apontados  é o mais preparado para governar Jales. E não se esqueça que cada IP só consegue votar uma vez. 

PARQUE DE DIVERSÕES ‘ITA PARK’ CHEGA A JALES

Quem passar pela entrada da cidade, na Avenida João Amadeu, poderá observar que já está instalado por lá o Ita Center Park., com várias atrações adultas e infantis. Segundo me foi dito, o conhecido parque de diversões começou suas atividades em Jales no sábado e deverá ficar por aqui pelos próximos quinze dias.

TRIBUNAL DE JUSTIÇA-SP DÁ 90 DIAS PARA PREFEITURA REGULARIZAR LIXÃO MUNICIPAL

Na Prefeitura de Jales, comemorou-se o novo prazo concedido pelo TJ-SP para que o município apresente o projeto de encerramento do antigo lixão municipal, que inclui a disponibilização de uma nova área para depósito de entulhos. 

Agora, veja você, preclaro leitor, se existe motivo para comemoração: a juíza da 4ª Vara de Jales havia dado trinta dias para Parini se virar; o TJ-SP foi mais bonzinho e estendeu o prazo para noventa dias. Para quem teve seis anos para providenciar o tal projeto e não o fez, que diferença faz 60 dias a mais?

Apesar de ter dilatado o prazo, o relator do caso no TJ-SP, desembargador Antonio Celso Aguilar Cortez, não concordou com os argumentos dos advogados da Prefeitura, sobre a exiguidade de tempo para cumprir as exigências. Leiam o puxão de orelhas: “de fato, as providências demandam tempo, mas tempo é o que não faltou desde que a Prefeitura assumiu os compromissos. Repito: o compromisso foi assumido há seis anos.

Querem outro puxão de orelhas? A Prefeitura reclamou da multa – R$ 5 mil diários, caso o prazo de noventa dias não seja respeitado – e o desembargador escreveu isso: “a multa prevista deve ser tal que sensibilize a Administração Pública a cumprir obrigação que já deveria estar cumprida há anos“.

As reprimendas foram do TJ-SP. Os grifos são meus. 

NÃO FOI ONTEM!

Sou corintiano desde o dia 06/03/1968, quando o Corinthians quebrou um tabu de 11 anos e 22 jogos sem vencer o Santos pelo campeonato paulista. Apesar da fama do Santos e do Pelé, a maioria dos moleques da Vila Maria era corintiana e eu, influenciado por eles, resolvi ouvir a transmissão do jogo. Foi um jogo inesquecível que acompanhei pela Rádio Tupi, de São Paulo, com a narração emocionante do Haroldo Fernandes.

De lá para cá, não me lembro de o Corinthians ter ganho algum campeonato com facilidade. É sempre com um pouco de sofrimento. Mesmo nos tempos da Democracia Corintiana – de Sócrates, Casagrande, Biro-Biro e Cia –  e na época do Marcelinho Carioca, quando cansamos de ganhar títulos, nada foi fácil.

Em 2011, não está sendo diferente. Ontem, a torcida corintiana estava preparada para, novamente, soltar o grito de campeão. Aqui em Jales, o pessoal da Fiel Jales reuniu-se em sua sede, como o faz todas as vezes que o Corinthians joga. Estive por lá, antes do jogo, e pude ver que a confiança e a animação eram grandes. Quis, porém, o destino, que tudo ficasse para o próximo domingo e logo contra o verde, por quem não temos nenhuma admiração.

Certamente que, para domingo que vem, o aviso colocado na porta da Fiel Jales (foto acima) será reforçado.

     O corintianíssimo Cleber Tatoo era um dos mais animados. E a família de corintianos veio de Urânia para ver o jogo com a Fiel Jales.

BOM EXEMPLO: ÁRVORES ENFEITAM RUA DOS GUATAMBUS

No ano passado, nosso prefeito melhorou a posição da cidade no tal de ‘Município Verde Azul’ cortando as árvores da Avenida Francisco Jalles, em plena Semana da Árvore. Agora em 2012, ele tenta melhorar nossa posição mais um pouquinho, derrubando as árvores da Rodoviária.

Enquanto isso, a pouco mais de 200 metros do Terminal Rodoviário, um morador da Rua Guatambus zela, com o cuidado de um ourives, da árvore da foto. Segundo fiquei sabendo por um vizinho da casa em frente, a árvore – uma Resedá – foi plantada há cerca de quinze anos.

Esqueça a feiura do asfalto e repare, prezado leitor, como as outras árvores da foto estão, igualmente, bem cuidadas. Como se vê, apesar dos maus exemplos de quem administra a cidade, os moradores da Rua dos Guatambus estão fazendo a parte deles.     

DEPOIS DE ENFEITADA, PRAÇA DO JACARÉ SERÁ ‘INAUGURADA’ POR PARINI

Ouvi dizer que o prefeito Humberto Parini pretende, finalmente,  “inaugurar” a revitalizada Praça “João Mariano de Freitas”, a Praça do Jacaré. Será que é verdade isso? Tudo indica que sim! Como se pode ver pelas fotos, nos últimos dias andaram dando mais uma repaginada na Praça. Na verdade, uma pequena maquiagem, que incluiu até o corte de uma árvore para deixar mais visível o tal pórtico da Praça, uma das grandes obras da administração Parini.

A “inauguração” estaria marcada para o dia 5 de dezembro, uma segunda-feira, quando a Praça já deverá estar enfeitada com a decoração natalina. Claro que, com os enfeites natalinos, a Praça estará um pouco mais bonita e as porcarias que foram feitas por lá ficarão em segundo plano.

Não custa lembrar que a repaginação meia-boca da Praça do Jacaré custou R$ 180 mil, mas, apesar dos consideráveis recursos despendidos, o resultado não foi dos melhores. Vegetação mal cuidada, bancos quebrados, lixeiras horrorosas, parque infantil aos pedaços, banheiros fedorentos e por aí afora.  

ESTAÇÃO SESI DE CULTURA DEVE OCUPAR ÁREA VERDE DA RODOVIÁRIA

Boa parte das árvores que o prezado leitor vê nas fotos deverá ser cortada. Em que pese as discussões e as tentativas de mudar o local da obra, é bem provável que, na sessão da próxima segunda-feira, a Câmara deverá aprovar o projeto que doa cerca de 2.500m² da Praça “Deputado Antonio Cunha Bueno”, para construção da chamada Estação Sesi de Cultura.

A Praça “Cunha Bueno”, para quem não sabe, fica nos fundos da nossa Estação Rodoviária e já foi vítima de uma outra pequena invasão: recentemente, nossa doce e generosa primeira-dama mandou instalar em um dos cantos daquele espaço verde a inútil “Praça de Exercícios do Idoso”, um presente de grego da primeira-dama do Estado, dona Lu Alckimin.

Agora, é o estadista quem quer um pedaço da praça, para doá-lo ao Sesi. O assunto vem sendo tratado pelo prefeito desde o ano passado, mas, somente em agosto deste ano, foi encaminhado, oficialmente, à Câmara. E, como sempre, foi encaminhado com o recadinho para que fosse votado em regime de urgência.

Se tivesse um mínimo de articulação e um pouquinho de respeito pela Câmara, o nobre alcaide teria dado conhecimento do assunto aos vereadores, desde quando ele começou a ser discutido. Mas nós temos um estadista com o bumbum pregado à cadeira de prefeito, e os estadistas, todos nós sabemos, são pessoas incomuns.

Assim, se o estadista Humberto Parini decidiu, então está decidido que o melhor lugar para se instalar a Estação Sesi de Cultura é esse aí, das fotos. E não se discute mais isso! À Câmara, resta dizer amém. E aos “verdes”, que até agora  permaneceram omissos, resta continuar de boca fechada.

E quem quiser ver o que pensam sobre o assunto os vereadores Luís Especiato e Tatinha, vejam no portal Mais Interativa as entrevistas que eles deram à Ana Carla Bologna. 

DESTAQUES DOS JORNAIS

Estas foram as manchetes dos jornais locais, neste final de semana:

Folha Noroeste: “Jovens respondem por 50% das mortes no trânsito”

Folha Regional: “Duas pessoas morrem em acidente que envolveu comerciante de Jales”

Jornal de Jales: “Intervenção de bispo de Jales garante direitos de pequenos agricultores no novo Código Florestal”

A Tribuna: “Advogado diz que precatórios ultrapassam R$ 7 milhões”

A Folha Noroeste destacou dados divulgados pela publicação Saúde Brasil 2010, segundos os quais os jovens estão morrendo mais no trânsito do que qualquer outra faixa etária da população. Outras manchetes: “Nova área é ofertada para instalação da ‘Cidade Judiciária’ no município”; “GPH doa utensílios e alimentos para Santa Casa”. Na coluna FolhaGeral o editor Roberto Carvalho informa que os três peemedebistas que fazem parte do governo Parini não estariam dispostos a deixar a administração municipal em nome de uma pré-candidatura do PMDB.

Na Folha Regional, o destaque foi o acidente envolvendo um comerciante jalesense, que causou a morte de dois jovens – um mecânico de autos e um borracheiro – da cidade de Suzanapolis. Outras manchetes: “Prefeito de Santa Albertina pleiteia retro-escavadeira durante encontro com secretário Bruno Covas”; “Dirce Reis realiza várias ações na área da Saúde”. Na coluna Ella, destaque pro cativante sorriso da lindíssima estudante de Estética, Mirela Fernandes, clicada pelo fotógrafo Marcos Oliveira. A Mirela revelou que ama animais e adora ouvir música.

No Jornal de Jales destaque para a informação de que o intenso trabalho do bispo de Jales, dom Demétrio Valentini, garantiu tratamento igualitário aos agricultores familiares e pequenos agricultores no Código Florestal que está sendo votado na Câmara Federal.. Outras manchetes: “Ex-craque da Apafuj pode ser campeão brasileiro hoje”; “Júnior Marão, um prefeito que sonha com o impossível”. Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior informa que o tucano Jorge Pêgolo também está se lançando como pré-candidato a prefeito de Jales.

O jornal A Tribuna repercutiu a controvérsia sobre a dívida da Prefeitura de Jales para com os herdeiros do fundador Euphly Jalles, que, segundo o advogado da família, saltou de R$ 3,6 para R$ 7 milhões, em função da opção do prefeito Parini pelo pagamento através da Emenda 62. Outras manchetes: “Facip 2012 começa a ser definida”; “Estação SESI deve ocupar área verde ao lado da Rodoviária”. Na coluna Enfoque, o jornalista Paulo Reis Aruca calcula que Parini vai deixar uma dívida de R$ 23 milhões, apenas com os Jales e a Previdência Municipal. 

VOCÊ JÁ FOI AO BIG PLAZA? ENTÃO VÁ!

Ontem fui dar uns bordejos lá pelos lados do loteamento Big Plaza. O Big Plaza é um dos bairros mais novos da cidade e, talvez por isso mesmo, guarda alguns contrastes interessantes. É possível ver boas casas, com portão eletrônico e carros novos na garagem, mas, em sua maioria, as casas são humildes e muitas delas ainda inacabadas. E, como ontem era sábado, foi possível ver muita gente dando duro prá terminar seus barracos. 

Numa casa, roupas comuns dependuradas. Noutra, o sábado é dia de trabalhar o acabamento.

No Mercado Big Plaza, se encontra de tudo. E os católicos já tem um lugar para conversar com Deus.

Nessa rua, é possível encontrar até um pet-shop. E no discreto salão da Lucilene Cabeleireira, as mulheres do bairro cuidam da beleza.

GATO NO CARDÁPIO, NEM PENSAR…

Abrir um bom ponto comercial requer alguma experiência, tino para os negócios e, principalmente, muita criatividade. E criatividade, pelo jeito, é algo que não falta a alguns comerciantes jalesenses. O dono da lanchonete da foto acima, localizada na Avenida Salustiano Pupim, mostrou-se criativo já na escolha do nome do seu estabelecimento. Por sinal, a se julgar pelo nome, tudo indica que os fregueses da lanchonete não vão correr o risco de, inadvertidamente, comer um “churrasquinho de gato”. 

1 1.053 1.054 1.055 1.056 1.057 1.233