Arquivos do autor: cardosinho

BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS

Que tal vermos mais um didático comentário do mais reacionário dos comentaristas da TV brasileira. Dessa vez, porém, parece que o Luiz Carlos Prates tem alguma razão. O comentário é sobre a farra das passagens, em Brasília, lembram-se? Até a Adriane Galisteu andou viajando de graça para a Europa. Será ela uma das sirigaitas a que o comentarista se refere? Vamos ao vídeo:

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

BEBÊ NASCE EM RODEIO E MÃE NEM SABIA QUE ESTAVA GRÁVIDA

Em festa de rodeio acontece de tudo, mas dizer que não sabia que estava grávida, convenhamos… A notícia foi veiculada pelo Bom Dia São Paulo:

A comerciante Kátia Maria Cruz deu à luz nesta quinta-feira um menino durante um rodeio que estava sendo realizado em na cidade de Itanhaém, a 101 quilômetros da capital, no litoral de São Paulo. O inusitado da história é que a mulher nem sabia que estava grávida. O nascimento do pequeno Samuel, que pesa 1,4 kg, foi uma surpresa para ela.

Kátia, que estava trabalhando na praça de alimentação do rodeio, começou a sentir dores durante o show do cantor Luan Santana. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estava de plantão preparada para atender principalmente casos de fraturas ou gente que passa mal por causa do excesso de álcool. A comerciante, que sentia muitas cólicas, foi até o posto do Samu.

Os paramédicos, entretanto, perceberam que as dores eram sinais do parto. O bebê nasceu ao lado do rodeio, e não havia completado sete meses de gestação. A criança foi levada para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal do Hospital Regional de Itanhaém, onde está internada em estado grave.

– Eu nem sabia que estava grávida. Foi uma surpresa – disse a comerciante que já é mãe de quatro filhos.

A mãe ficou em dúvida sobre qual nome colocar.

– Eu gosto do Luan Santana, mas também gosto de Samuel. Por causa das pessoas do Samu, que me atenderam, resolvi colocar o nome de Samuel mesmo – contou Kátia Maria Cruz.

Ela mora em Franca, no interior do estado, e tinha ido a Itanhaém para trabalhar no rodeio.

– Vai ser uma surpresa muito grande para a minha mãe, enorme. Ninguém estava esperando isso – afirmou.

Post Scriptum: Agora à tarde, a Agência EPTV noticiou que, infelizmente, o bebê Samuel não resistiu. Vamos a um trecho da notícia:

O bebê que nasceu durante o show do cantor Luan Santana em um rodeio em Itanhaém, morreu na manhã desta sexta-feira (22) e foi enterrado no início da tarde, na própria cidade.

O menino que nasceu prematuro, era filho da comerciante Kátia Maria Cruz. Muito emocionada, após o enterro do filho, disse que não sabia que estava grávida. Ela chegou a desconfiar e realizar um exame de gravidez que deu negativo.

NIPO JALESENSE FESTEJA OS 70 ANOS DE JALES

A Associação Nipo-Jalesense – que há 40 anos participa da Facip, com a Festa do Arroz – não conseguiu participar da Facip 2011, uma vez que, como já foi dito por aqui, a empresa organizadora da festa, a BX Eventos, não abriu mão da cobrança de uma taxa pela utilização do Pavilhão “Massaharu Nagata”, que foi construído pela colônia japonesa. Nem por isso, no entanto, o pessoal do Nipo deixou de festejar os 70 anos de Jales, como comprovam as fotos:

A foto acima mostra alguns dos participantes do 14. Campeonato “15 de abril” de Gateball. O tradicional campeonato foi realizado no domingo, 17 de abril, com a participação de competidores das cidades de Urânia, Santa Fé do Sul, Votuporanga, São José do Rio Preto, Pereira Barreto, Palmeira D’Oeste, Fernandópolis, Birigui e, é claro, de Jales.

Durante todo o dia, atletas com idade entre 13 e 92 anos disputaram os troféus que, por três anos consecutivos, são patrocinados pelo ex-vereador Flávio Prandi Franco, o Flá, assessor parlamentar do deputado federal Rodrigo Garcia(DEM). Na abertura do torneio, o Executivo foi representado pelo vice-prefeito, Clóvis Viola. Na ocasião, foi feito também o lançamento do Livro Nominata da Associação Nipo Jalesense, que será distribuído gratuitamente para todos os sócios. Segundo o presidente da Associação, vereador Sergio Nishimoto, “o livro contém o cadastro de todos os associados e representa uma iniciativa inédita, pois o Nipo de Jales foi o primeiro a efetuar esse tipo de trabalho em toda a região”.

FOLHA NOROESTE: BX QUERIA COBRANÇA DE INGRESSO PARA ENTRAR NO RECINTO DA FACIP 2011

A bem da verdade, um amigo muito bem informado já havia me telefonado prá falar sobre a tentativa de cobrança de ingressos no portão de entrada da Facip 2011. Segundo ele, a cobrança somente não foi efetivada porque o dono do Parque “chiou” e também porque o presidente da Facip do ano passado, Ayrton Hentz, teria aconselhado o Bexiga a não fazer isso.  De tão absurdo o assunto, eu nem escrevi nada a respeito. Mas…

… Mas, na quarta-feira passada, dia da abertura da Facip 2011, eu havia notado que algumas catracas estavam sendo instaladas às pressas no portão de entrada do recinto, conforme se vê na foto acima. Confesso que estranhara aquilo, mas, após a Facip, em uma entrevista radiofônica, o Bexiga deu a entender que aquelas catracas haviam sido colocadas ali apenas para que ele tivesse o controle de quantas pessoas entrariam no recinto, diariamente. Prefiro acreditar nessa versão, mas, de todo modo, estou reproduzindo, abaixo, o que foi publicado na coluna FolhaGeral, do jornal Folha Noroeste, edição deste final de semana:

Na catraca
Segundo se comentou lá no botequim da vila, a demora do parque infantil em começar a funcionar na festa country da semana passada, foi devido o impasse na cobrança de ingresso. Disseram que a intenção dos organizadores da festa era cobrança de ingresso nos portões de entrada via catraca, liberando a entrada do público aos shows. Ai a chiadeira foi grande. Muita gente teria prejuízo, inclusive o parque, cujo proprietário ameaçou desmontar o pouco que estava montado e se mandar.

ARTIGO: “COM O FUSION PRETO DO PAPAI EU POSSO ATÉ INFRINGIR AS LEIS DE TRÂNSITO!”

O advogado Alessandro Martins do Prado mandou um artigo onde expõe o seu inconformismo com a falta de educação e a incivilidade no trânsito de Jales. Abaixo, a íntegra do artigo:

COM O FUSION PRETO DO “PAPAI” EU POSSO! POSSO ATÉ INFRINGIR LEIS DE TRÂNSITO! PAPAI É RICO! EU POSSO!!!
Alessandro Martins Prado

O trânsito de Jales, e, a bem da verdade, do país como um todo, realmente é algo capaz de provocar muito estresse. Imagine a cena leitor. Estou chegando a Jales nesta quinta feira a noite, por volta de quase 23:00 horas, exausto depois de uma longa viagem. Logo na entrada da cidade, me deparo no que deveria ser o convite de boas vindas para quem chega a nossa cidade, o “Cartão Postal” de Jales, com uma bagunça generalizada de veículos e carros. É um indício sério de falta de civilidade de parte dos “cidadãos” que aqui residem.

Redobro o cuidado, passo por essa concentração de pessoas, carros e motos, sem problemas, apesar de não achar correto que veículos sejam manobrados de luz apagada, e com o som alto, apenas para citar dois exemplos de infração da Lei.Não há sequer uma viatura da polícia militar na entrada da cidade, apesar da “bagunça generalizada”.

Quando me aproximo, por meio da Avenida João Amadeu, na altura do Posto BR, me deparo com dois veículos andando em fila dupla em velocidade bem lenta. Dou vários sinais de luz alta, quero apenas passar, ultrapassar pela esquerda e chegar ao meu lar. Apesar dos vários sinais de luz alta, o motorista do veículo Ford Fusion Preto ignora meus apelos e a lei de trânsito solenemente. Certamente a conversa com o seu amigo do carro ao lado é mais importante do que o respeito à Lei e ao cidadão que quer ultrapassar pela esquerda para chegar ao seu lar.

Após vários sinais de luz, pressiono a buzina do meu veículo de forma bem firme. Somente após vários sinais de luz alta e da forte “buzinada” o motorista do veículo abre passagem. Ultrapasso o veículo e sigo meu caminho. No semáforo localizado em frente da Caiado Pneus eu paro, sinal estava vermelho. O motorista do Ford Fusion para ao meu lado, abaixa o seu vidro e pergunta se eu estava com pressa? Digo que sim. O motorista do Fusion começa a me agredir verbalmente. Inicia-se uma forte discussão entre eu e o motorista do veículo ao lado.

Logo a frente, após o semáforo, está havendo um comando da polícia militar. Acredito que perceberam que estava havendo uma forte discussão entre eu e o motorista do Fusion. Imagino que seremos parados no comando para prestar esclarecimentos. Não somos parados, tanto eu, como o motorista do Fusion passam pelo comando normalmente.

Chego em casa, inconformado escrevo esse artigo. Qual poderia ser a explicação para um garoto sair com o carro de seu pai, cometer infrações de trânsito e ainda achar ruim que alguém não gostou de suas “artes”?

A resposta, acredito, é: Eu posso, meu pai é rico, possui um veículo Ford Fusion Preto, neste país, rico não vai para cadeia nem se dirigir embriagado e matar no trânsito, eu posso cometer algumas infrações de trânsito. “Meu pai tem um Fusion Preto, ele é rico! Está acima da Lei!”.

KASSAB REJEITA NÚMERO 51 PARA O PSD POR CAUSA DA MARCA DE PINGA

Kassab não achou uma “boa idéia” adotar o número 51 para o seu novo partido. Será que o 24 ainda está disponível? A notícia saiu em vários sites, inclusive no Conexão Penedo, nesta quinta-feira:

Fundador do PSD (Partido Social Democrático), o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, disse nesta quinta-feira que não vai adotar o número 51 para a legenda por estar “muito associado” a conhecida marca de aguardente.

O número é um dos poucos ainda disponíveis para novos partidos e chegou a ser cogitado por entusiastas da legenda por ser de fácil memorização. “51 é uma marca muito famosa”, disse.

O prefeito disse ainda que não tem um número de sua preferência. Um dos discutidos é o 30. “Existem alguns disponíveis. O 30 é um desses números, mas o momento da escolha do número é o momento quando concluir esse processo. O número 41 também não está disponível”, disse.

Kassab evitou comentar a debandada de seis vereadores tucanos de São Paulo. A maioria deles deve seguir para a nova sigla. “Eu não participo desse movimento. É questão interna do PSDB”, afirmou.

“Estamos representados em quase todos os Estados. Aqui na Bahia, por exemplo, temos sete deputados federais, vice-governador, dez estaduais e dezenas de prefeitos”, disse.

Kassab ainda minimizou o cancelamento da participação da presidente Dilma Rousseff no fórum de empresários de Comandatuba (BA). Dilma havia confirmado presença, mas depois teria sido aconselhada a evitar um contato com empresários considerados hostis ao governo. “Se ela viesse seria muito bem recebida. Não veio por um motivo de foro pessoal. Não é fácil a vida de presidente da República”, concluiu.

LULA DIZ QUE PT GOVERNARÁ POR 20 ANOS

Ex-presidente ironiza profecia tucana, diz que PSDB vive crise de identidade e prevê domínio petista até 2022. A notícia está na Folha.Uol:

O ex-presidente Lula afirmou ontem que o PSDB passa por uma “crise de identidade” e que o PT governará o país durante 20 anos. Para que a previsão se confirme, a sigla teria que vencer as disputas presidenciais de 2014 e 2018, acumulando cinco vitórias seguidas desde a sua eleição, em 2002.  A afirmação foi feita em entrevista à TVT (TV do Trabalhador), que pertence ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde Lula começou sua carreira política.

“Quando o Fernando Henrique [Cardoso] ganhou as eleições em 1994, eles projetaram 20 anos de governança do PSDB, e o que vai acontecer é que teremos 20 anos de governança do PT”, disse. “Eles não se conformam é que o PT vai ter o tempo necessário para mudar definitivamente a cara do Brasil”, emendou o ex-presidente.

Lula ironizou a profecia do tucano Sérgio Motta, ministro das Comunicações de FHC, que disse, em 1995, que o PSDB tinha “um projeto de poder para 20 anos”. O ex-presidente disse que o PSDB sofre de “fragilidade ideológica” e não tem “perfil ideológico definido”. Para ele, “disputas internas” entre o ex-governador José Serra, o senador Aécio Neves (MG) e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, agravam o quadro.

“A crise do PSDB é uma crise de identidade. Primeiro, tem a disputa interna: Serra, Alckmin e Aécio. Depois, tem as brigas nos Estados. Pessoas estão desconfortáveis”, avaliou.

Lula disse que “está chegando o momento” de o PT vencer na capital paulista. “Precisamos apenas montar a chapa perfeita.” Ele voltou a defender a escolha de um candidato a vice-prefeito à direita do PT, com perfil conservador. “O PT não precisa encontrar um vice à esquerda do PT”, disse. “O PT vai ganhar em São Paulo quando encontrar seu José Alencar.”

PSDB NAMORA CLAUDIR ARANDA

O ex-vereador e empresário José Pedro Venturini, uma das lideranças tucanas desta cidade de céu sempre azulado, esteve reunido, na terça-feira, com o vereador do PDT, Claudir Aranda, atual presidente da Câmara. Na pauta da reunião, o principal assunto foi o convite feito por Venturini para que Claudir deixe o partido do saudoso caudilho Leonel Brizola e voe de mala e cuia para o PSDB.

Ao que parece, o PSDB de Jales, agora presidido pelo ex-vereador Carlos Roberto Cardoso da Silva, está mesmo disposto a recuperar o tempo perdido. Depois de cooptar o juiz aposentado, Pedro Manoel Callado, o partido já deu sinais de que estaria mantendo contatos imediatos de primeiro e segundo graus com o vice-prefeito, Clovis Viola, e com o provedor da Santa Casa, José Devanir Rodrigues, o Garça. A idéia, conforme confidenciou um tucano de razoável plumagem, é ter candidatos com grande densidade eleitoral, tanto para o Executivo, quanto para o Legislativo. 

Segundo fontes, o bate-bola entre Venturini e Claudir tem grandes possibilidades de dar em samba. Resta saber se, depois de tucanar, Claudir vai continuar na base de apoio do prefeito Humberto Parini. Nesta cidade, tudo é possível.

ZÉLIA DUNCAN – “NAQUELA MESA”

“Naquela Mesa” é um samba canção feito pelo jornalista e compositor Sérgio Bittencourt, numa homenagem póstuma ao seu pai, o grande Jacob do Bandolim. Originalmente, a música foi gravada pela Elizeth Cardoso, com participação especial do próprio Sérgio. Recentemente, como parte do projeto “Samba Social Clube”, juntaram-se dois dos maiores instrumentistas da atualidade para acompanhar a Zélia Duncan, numa nova e bonita releitura de “Naquela Mesa”. Abaixo, o vídeo, com Zélia cantando, acompanhada pelo cavaquinho de Nilze Carvalho e pelo bandolim do Hamilton de Hollanda. Vale a pena ver e ouvir:  

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

JUÍZA MANDOU SOLTAR ASSASSINO CONFESSO DE UNIVERSITÁRIA

Todos os dias acontecem crimes novos e a gente acaba se esquecendo dos “antigos”. Lembram-se do caso daquele vigia de 50 anos que matou – por paixão, segundo ele – a estudante Mariana Gonçalves de Souza, de 21 anos, filha da dona da escola onde ele trabalhava? Pois bem, temos notícias novas sobre o tal vigia, chamado Luiz Carlos Oliveira, no Extra on Line. Vejam como funcionam bem as nossas leis:

 A dor de Sueli Gonçalves de Souza — que teve sua filha, a estudante Mariana Gonçalves de Souza, de 21 anos, executada, em 7 de março deste ano, por um homem que alegou amá-la — não interferiu na opinião da juíza Elizabeth Louro, do 4º Tribunal do Júri, que resolveu soltar o assassino confesso Luiz Carlos Oliveira, de 50 anos.

— Foi um ato episódico, um desatino de paixão e que dificilmente ele (Luiz Carlos) vai encontrar outra mulher pela qual ele se apaixone dessa maneira. Não vi clamor público que motivasse a manutenção de sua prisão. Ele facilitou as investigações se entregando no dia seguinte e confessando o crime. Também não vi, nos autos, qualquer ameaça a outras pessoas envolvidas no processo, como familiares da vítima — disse a magistrada.

Revoltada, a mãe de Mariana, Sueli Gonçalves de Souza disse se sentir injustiçada, numa entrevista à rádio BandNews: “Eu estou indignada com a injustiça, porque um homem desses, um assassino, um monstro, fez o que fez com minha filha, na escola. E agora essa juíza deu liberdade a ele para ficar solto por aí? Daqui a pouco vai ter outra Mariana na vida dele e ele vai fazer a mesma coisa”.

Uma tia de Mariana, Sirley Gonçalves disse, também à BandNews, que acha a decisão da juíza absurda: “O que mais ele vai precisar fazer para ela se convencer de que ele causa perigo?”.

Nesta quarta-feira o Ministério Público recorreu da decisão de primeira instância que colocou Luiz Carlos em liberdade.

1 1.057 1.058 1.059 1.060 1.061 1.126