Arquivos do autor: cardosinho

PARINI CONSEGUE LIMINAR PARA CONTINUAR NO CARGO

Fontes confiáveis dizem que o prefeito Humberto Parini conseguiu uma liminar junto ao Tribunal de Justiça de São Paulo que vai permitir a ele continuar no cargo por mais algum tempo. Não estou ouvindo rádio, mas me disseram que o chefe de gabinete, Léo Huber, já anunciou a novidade em uma das emissoras locais.

Parece que esse assunto ainda vai longe, o que é ruim para a cidade. De outro lado, é preciso reconhecer que o prefeito tem o direito de utilizar-se de todos os instrumentos legais possíveis para se defender. Afinal, não está em jogo apenas o seu cargo de prefeito, mas também o seu cargo de fiscal do Estado.

A liminar de hoje foi concedida pelo juiz substituto em 2. grau, José Luiz Germano, do plantão judiciário de segunda instância. A decisão suspendeu os efeitos do despacho da juíza da 4a. Vara de Jales, Renata Longo Vilalba Serrano Nunes, até segunda-feira. O juiz substituto fundamentou sua decisão de conceder a liminar no fato de o processo estar tramitando já há treze anos e, portanto, não haveria nenhum problema em se esperar mais um final de semana.

Na segunda-feira, a liminar será distribuída para uma Câmara de Direito Público, que nomeará um relator para analisar o caso. Normalmente, a liminar seria distribuída, por prevenção, para a mesma Câmara que já julgou o prefeito Parini. Ou seja, o prefeito continua respirando por aparelhos.    

EX-PADRE ZECA VAI SE CASAR NOS ESTADOS UNIDOS

Em agosto, José Luiz Jansen de Mello Neto subirá ao altar novamente. O ambiente é familiar para ele. Mas desta vez a emoção será diferente. O ex-padre Zeca ocupará uma posição distinta da que estava habituado há alguns anos: a de noivo.

Zeca vai se casar com uma americana, em Nova York. Atualmente, o ex-sacerdote está no interior do estado descansando numa propriedade de sua família. Ele negou que será pai, como já foi dito.

Desde 2007, quando afastou-se da Igreja Católica, Zeca trocou o sermões oferecidos aos fiéis pelas lições de gestão dadas aos estudantes. Atualmente ele é professor da área de administração na Coppe/UFRJ e na Fundação Dom Cabral. Também ministra palestras em empresas.

Mais jovem padre diocesano ordenado no país — aos 25 anos — , Zeca ficou conhecido como “padre-surfista”. De classe média alta do Leblon, ele criou o movimento “Deus é Dez”. Mas os holofotes já não o atraem. Tudo que ele quer agora é deixar de ser “padre Zeca” para ser “professor José Luiz”:

— Estou tentando construir uma nova vida. Não quero me expor.

LULA SE EMPOLGA COM UMA MILITANTE EM SÃO PAULO

Dona Marisa não vai gostar. O flagra também é do Extra on Line:

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi fotografado em uma situação desconfortável. Ao sair de um congresso da União Geral dos Trabalhadores, nessa sexta-feira, o ex-presidente cumprimentou uma militante com um beijo bastante empolgado. O evento aconteceu no Centro de Convenções do Anhembi, em São Paulo.

A MORENA DA LAJE

Hoje é dia de ressaca cívica. Vamos, então, tratar de assuntos mais leves. A notícia abaixo é do Extra on Line. A foto também. Aliás, a foto é bem mais interessante que a notícia:

Dona de curvas generosas, a atriz Karine Camargo, a “Morena da Laje” do humorístico “Zorra Total”, posou no estilo pin up para as lentes do fotógrafo Guilherme Fernandes. As fotos estarão na sessão Pin Up da Revista Sexy. Acima, uma prévia.

IMPRENSA REGIONAL DESTACA CASSAÇÃO DE PARINI

Vários sites de notícias, inclusive de outras regiões do Estado,  destacaram, nesta sexta-feira, a cassação do mandato do prefeito Humberto Parini. Na imprensa regional, incluindo a televisiva, a saga do nosso prefeito também foi destaque.  Abaixo, a notícia do DiarioWeb:

A juíza da 4ª Vara Cível de Jales, Renata Longo Vilalba Serrano Nunes, determinou a notificação da Câmara de Jales para providenciar os trâmites burocráticos para a cassação do mandato eletivo do prefeito Humberto Parini (PT) por improbidade administrativa.

A determinação da juíza ocorreu ontem, 14, após o Supremo Tribunal Federal (STF) negar agravo de instrumento proposto pelo petista em sua tentativa de permanecer no cargo.

A Câmara de Jales deverá cumprir a determinação judicial e convocar o vice-prefeito Leoni Clóvis Viola para assumir a administração após notificação judicial. Viola deverá assumir o cargo após a realização de sessão extraordinária convocada pelo Legislativo nos próximos dias.

Parini foi condenado a perda da função pública – cargo de prefeito – em processo movido pelo Ministério Público por conta de irregularidades na festa da Facip em 1997, quando ele se envolveu em escândalo de emissão de notas fiscais frias.

E clicando aqui, você poderá ver a matéria divulgada hoje à noite, pelo Tem Notícias, da TV TEM. Aumente o volume, pois o som do vídeo está baixo.

NOTIFICAÇÃO PARA DAR POSSE A CLÓVIS VIOLA NÃO CHEGOU À CÂMARA

O ofício com a notificação da juíza Renata Longo Vilalba Serrano Nunes, solicitando providências do presidente do Legislativo para dar posse ao vice-prefeito Clóvis Viola, não chegou à Câmara nesta sexta-feira. Informações dão conta de que funcionários da Justiça estiveram na Câmara um pouco depois das 18:00 horas e já não havia mais ninguém para receber o documento.

Como se trata de um ofício, e não de um mandado, o documento deverá ser entregue na Câmara, na segunda-feira. Teremos, porém, um complicador: na segunda-feira, cinco vereadores estão escalados para integrar a caravana de jalesenses que vai a São Paulo para audiência na Secretaria de Justiça e Cidadania. A saída da caravana está marcada para as 6:00 horas da manhã.

Por volta das 18:15 horas, o diretor da Rádio Antena 102, Wanderley Garcia, anunciou uma nova decisão da juíza Renata, que rejeitou o pedido de reconsideração apresentado pelos advogados do prefeito Parini. Segundo Wanderley, os ofícios já haviam sido expedidos. O da Câmara, infelizmente, não chegou a tempo.    

EM TEMPO: para quem acreditou no boato de que a juíza teria atendido ao pedido de reconsideração dos advogados de Parini, a íntegra do indeferimento do pedido foi publicada agorinha mesmo na página do Tribunal de Justiça. Infelizmente, ainda não consegui copiar.

CENTRAL DE BOATOS CONTINUA NA ATIVA

A central de boatos da cidade espalhou, agora mesmo, a versão de que a juíza da 4a. Vara Judicial, Renata Longo Vilalba Serrano Nunes, teria – a pedido da advogada do prefeito Parini – concedido uma suspensão da decisão proferida ontem. Pura mentira! O pessoal da 4a. Vara está trabalhando na confecção dos ofícios – que são vários – para que a juíza possa assiná-los todos de uma só vez. Só por isso a Câmara ainda não recebeu a notificação para dar posse ao vice Clóvis Viola. Mas existe a possibilidade de o presidente da Câmara, Claudir Aranda, ser notificado ainda hoje.

VEREADORES REUNEM-SE COM DEPUTADO CARLÃO PIGNATARI

Enquanto a notificação da Justiça não chegava, Claudir Aranda e Rivelino Rodrigues aproveitaram para uma esticada até Votuporanga. A matéria é do assessor de imprensa da Câmara, Roberto Timpurim:

Os vereadores Claudir Aranda (PDT) presidente da Câmara Municipal e Rivelino Rodrigues (PPS) 1º secretário, estiveram em audiência nesta sexta-feira 15, com o deputado estadual Carlão Pignatari (PSDB) em Votuporanga. 

Claudir reivindicou junto ao deputado a construção de uma avenida no trecho da Rodovia Jarbas de Moraes (SP-561), aproximadamente 1,4 metros a partir do trevo de entrada do JACB, devendo ser construída uma nova rotatória. 

O objetivo, segundo o presidente Claudir Aranda, é dar mais segurança aos usuários da alça de acesso aos Bairros JACB, JACB I, Jardim Alvorada e alunos da Universidade Aberta e ampliar a entrada do município com a construção de uma moderna avenida. 

Já o vereador Riva protocolou três ofícios: o primeiro solicitou recursos para a revitalização do Comboio. Segundo o vereador, o local precisa de investimentos na infraestrutura para melhor atender nossa população. 

Nos outros ofícios reivindicou R$ 60 mil para Liga Jalesense de Futebol e R$ 150 mil para a construção de uma pista de Kart no município. O vereador informou ao deputado que são 16 equipes de Kart e que aos finais de semana ocupam as ruas e calçadas da cidade para treinos e competições, o que torna perigosa tal prática esportiva. 

Os vereadores deixaram a audiência otimistas em relação as reivindicações. “Levando em consideração o bom desempenho que o deputado obteve na última eleição em nossa cidade, esperamos que a população de Jales seja agraciada com os recursos necessários para a realização dessas obras importantes”, reafirmaram Claudir e Riva.

SEGUNDO LÉO HUBER, JUÍZA COMETEU “EQUÍVOCO JURÍDICO”

Na entrevista que deu ao Antena Ligada, o professor Léo Huber disse que o (ex) prefeito Humberto Parini e sua equipe de advogados receberam com surpresa a decisão da juíza Renata Longo Vilalba Serrano Nunes. Segundo ainda o grande jurisconsulto Léo Huber, a juíza teria cometido um “equívoco jurídico forte”, uma vez que ainda não teria ocorrido o trânsito em julgado do processo. Ele esclareceu, também, que a juíza será informada de seu “equívoco” ainda hoje, por uma das advogadas do prefeito, que pedirá a reconsideração de sua decisão.

Léo Huber disse que Parini “está tranquilo” e que o (ex) prefeito teria se reunido com seus advogados ontem à noite, em São Paulo. O chefe de gabinete confirmou que os defensores de Parini pretendem ingressar com um Mandado de Segurança junto ao Tribunal de Justiça-SP. Léo Huber disse, também, que Parini e seus advogados ainda não foram comunicados “oficialmente” da decisão da juíza. 

Como já era de se esperar, Léo Huber não disse quase nada de aproveitável. E, para piorar a situação, ele foi entrevistado pelo confuso João Luiz Garcia, que, aparentemente, estava mais preocupado com o Arraial na Praça. Quem ouviu o Jornal do Povo, da Rádio Assunção, ficou muito melhor informado sobre o assunto. O noticioso apresentou entrevista gravada com o mesmo Léo Huber e também com o presidente da Câmara, Claudir Aranda.

Na sua entrevista, Claudir esclareceu que, assim que receber a notificação da Justiça – o que deve acontecer agora pela manhã – ele convocará uma sessão extraordinária para dar posse ao vice-prefeito Clóvis Viola. Claudir disse, também, que Clóvis mantém um bom relacionamento com os vereadores e que a Câmara vai estar ao lado do novo prefeito.

Ouvido, o comentarista do Jornal do Povo e também vereador, Osmar Rezende, confirmou que a Câmara não terá nenhum problema em apoiar Clóvis Viola e ajudá-lo no que for necessário. Rei morto, rei posto!

Em tempo: qualquer aprendiz de blogueiro, como é o meu caso, sabe que o prefeito e seus advogados não tem que ser comunicados “oficialmente” do que foi despachado pela juíza. Quem vai ser notificado – se já não o foi – é o presidente da Câmara.  

LÉO HUBER VAI AO ANTENA LIGADA EXPLICAR SITUAÇÃO DE PARINI

O Antena Ligada está anunciando para daqui a pouco uma entrevista ao vivo com o professor Léo Huber. Segundo a manchete, o chefe de gabinete do (ex) prefeito vai nos explicar a posição de Parini e seus advogados diante do despacho da juíza Renata Longo Vilalba Serrano Nunes. Preparem-se para ouvir besteiras!

O professor Léo Huber esteve na rádio Moriah, há alguns dias, onde garantiu que o ministro Joaquim Barbosa – atendendo a um recurso de Parini – havia determinado a devolução do processo à origem para que o mesmo fosse recomeçado do zero. Antes, o professor já tinha ido à mesma Rádio Moriah para falar sobre o caso da merenda escolar, quando teria desdenhado da Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público.

Consta que o MP teria pedido cópia da entrevista para, se for o caso, tomar algumas providências.

1 1.087 1.088 1.089 1.090 1.091 1.201