Categoria: Cidade

MINISTRA ROSA WEBER DIZ QUE EX-PREFEITA NICE TEM DIREITO A RECEBER FÉRIAS E DÉCIMO-TERCEIRO

Como os prezados leitores já sabem, a ex-prefeita Nice Mistilides ingressou, em janeiro deste ano, com duas ações de cobrança contra a Prefeitura de Jales, num total de R$ 56,4 mil, por conta de alguns direitos sociais que o general Mourão quer dar um fim.

Numa ação, a ex-prefeita está cobrando R$ 24,2 mil referente ao 13º salário, que ela alega não ter recebido durante os pouco mais de dois anos em que, de forma notável, administrou a cidade. Noutra, ela está cobrando R$ 32,3 mil referentes ao terço (1/3) de férias.

As duas ações foram julgadas procedentes, tanto pelo Juizado Especial Cível e Criminal (1ª instância), quanto pelo Colégio Recursal de Jales (2ª instância), e foram parar no Supremo Tribunal Federal (STF), onde a Prefeitura, depois de perder apelo no TJ-SP, protocolou dois Recursos Extraordinários para tentar evitar o pagamento.

Um desses recursos já foi julgado e a má notícia é que a Prefeitura perdeu novamente. Coube à ministra Rosa Weber botar um sorriso no rosto de Nice, como o da foto. Em sua decisão, a ministra registrou que, de acordo com jurisprudência do STF, não é incompatível com a Constituição Federal o pagamento de terço de férias e décimo terceiro salário a agente público detentor de mandato eletivo remunerado por subsídio, independentemente de lei municipal”.

O outro recurso tramita no gabinete do decano Celso de Mello. O ministro ainda não deu sua suprema opinião sobre o caso, mas o melhor que a Prefeitura poderia fazer, a essa altura, era já ir – sem trocadilho, pelo amor de Deus! – se preparando para desembolsar os caraminguás cobrados pela ex-prefeita.

Em tempo: o ex-prefeito de Urânia, Francisco Airton Saracuza, também recorreu à Justiça para cobrar R$ 95 mil relativos a férias e décimo-terceiro. Na primeira instância, o juiz de Urânia julgou a ação improcedente por achar que o pagamento desses benefícios dependem de lei municipal. Saracuza, porém, já recorreu e, como se vê, a chances dele virar o jogo são consideráveis.

A TRIBUNA: LUÍS ESPECIATO DIZ QUE EX-VEREADOR RIVELINO FOI DESELEGANTE E DESRESPEITOSO COM BISPO DOM REGINALDO

No jornal A Tribuna deste final de semana, mais um capítulo da saga enfrentada pelo ex-prefeito Humberto Parini, de quem o Tribunal de Contas da União (TCU) está cobrando a devolução da bagatela de R$ 1,4 milhão ao Ministério do Turismo. A duplicata está chegando agora, mas a encrenca é antiga e diz respeito à Facip 2009. Naquele ano, a Prefeitura de Jales – com a intermediação dos deputados Vadão Gomes e Celso Russomano – assinou um convênio com o Ministério do Turismo, que repassou R$ 600 mil para realização da Facip. O TCU diz que encontrou uma série de irregularidades na prestação de contas e responsabilizou o ex-prefeito.

Destaque, também, para matéria do repórter Alexandre Ribeiro, o Carioca, onde a Câmara Municipal, depois de alguma polêmica, está desmentindo a compra de bafômetros para medir as condições etílicas de vereadores durante as sessões. A compra do aparelho foi descartada, mas a punição a vereador que comparecer às sessões sob efeito de álcool – ou seja, embriagado – pode ser aprovada nos próximos dias. Projeto nesse sentido já foi assinado por sete vereadores.

As dicas sobre eleição para quem vai votar nesse domingo nas zonas eleitorais de Jales (152ª) e Urânia (427ª); os locais de votação nos nove municípios  vinculados às duas zonas eleitorais; a apreensão, pela Polícia Federal de Jales, de “santinhos” com propaganda eleitoral ilegal; a entrega, pela Coelho Engenharia e pela Cooperativa dos Comerciários, de mais 210 casas populares do conjunto Nova Jales; a retomada, nesta semana, do recapeamento asfáltico em várias ruas da cidade; e o início da cobrança de tarifa na nova Zona Azul, que está previsto para a segunda-feira, 08, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, a informação de que a Sindicância aberta na Prefeitura para apurar os malfeitos da ex-tesoureira Érica já ouviu 41 pessoas e está sendo prorrogada por mais 30 dias. Na página de opinião, o bispo emérito, dom Demétrio Valentini, escreve sobre o que nos espera depois das eleições, enquanto o ex-vereador Luís Especiato, em artigo, critica o que ele chamou de deselegância do também ex-vereador Rivelino Rodrigues que, na semana anterior, distribuiu críticas ao PT, ao Lula, ao bispo dom Reginaldo e ao papa. No caderno social, destaque, mais uma vez, para a coluna do Douglas Zílio.

FARRA NO TESOURO: GILMAR MENDES NEGA HABEAS CORPUS PARA DONO DA BETO CALÇADOS

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF) indeferiu o pedido de extensão da decisão liminar que soltou Marlon Fernando Brandt, o cunhado da ex-tesoureira Érica Cristina Carpi. O pedido de extensão foi feito pela defesa do ex-marido de Érica, Roberto Santos Oliveira, o Beto, que pretendia pegar uma carona na liminar concedida a Marlon. 

No pedido, a defesa de Beto, que está sendo feita pelo advogado Luiz Fernando de Paula, argumentou a chamada “similitude fática” da prisão de seu cliente com a prisão de Marlon e requereu, em nome de Beto, o mesmo tratamento dado por Gilmar a Marlon, que foi beneficiado por um habeas corpus.

Gilmar, no entanto, não concordou com a tese da “similitude fática”. Para o ministro, “o caso do requerente (Beto) não se assemelha ao do paciente Marlon”, embora ambos tenham sido alvos da mesma operação. Gilmar alegou que, ao conceder o habeas corpus a Marlon, levou em consideração não apenas a falta de fundamentação da prisão, mas também a menor participação do mesmo no crime.

OS LOCAIS DE VOTAÇÃO EM JALES

Com 38.021 eleitores distribuídos por 116 seções e 14 locais de votação, Jales deverá ter uma eleição tranquila nesse domingo. Os locais de votação já são bastante conhecidos dos eleitores, sendo que a única novidade é a substituição do CAIC pela EM “Iracema Pinheiro Candeo – Lola”, no JACB.

Com a alteração, os eleitores vinculados às seções 167, 172, 185, 199 e 207, que votavam no CAIC, agora terão que se dirigir à nova escola (foto acima), situada na Rua Mirassol, nº 786.

Os demais locais continuam os mesmíssimos de outras eleições. A EE. “Dr. Euphly Jalles”, na Rua Dois, é o local que concentra o maior número de seções e de votantes: nada menos que 5.373 eleitores estão distribuídos pelas 15 seções daquela escola. 

De outro lado, o Instituto Educacional Profissionalizante de Jales – IEP, na Avenida Salustiano Pupim é o local de votação com o menor número de eleitores: apenas 1.146, distribuídos em 04 seções.

No quadro abaixo, todos os locais de votação e as seções e número de eleitores de cada um:

Local Endereço Seções Eleitores
EE “Elza Pirro Viana” Rua Um, 2.337 01, 02, 03, 04, 05, 06, 07, 08, 09, 10, 11 e 12 4.227
EE “Dr.Euphly Jalles Rua Dois, 2.714 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 23, 24, 25, 176 e 177 5.373
ETEC “José Luiz Viana Coutinho (antigo DOC) Rua Treze, 2.422 26, 27, 28, 29, 30, 31, 32, 33, 34 2.893
EE “Dom Artur Horsthuis” Rua Vinte, 2.939 35, 36, 37, 38, 39, 40, 41, 95 e 128 3.220
EE “Juvenal Giraldeli Rua Otávio Graziani, 1.074, Jardim Oiti 94, 97, 98, 99, 104, 106, 180, 191 2.141
EE “Sueli da Silveira Marin Batista Rua Novo Horizonte, 5.128, Jd. Arapuã 108, 109, 110, 112, 113, 114 2.286
EE “Onélia Faggioni Moreira Av.Salustiano Pupim, 708, Jardim Soraia 115, 117, 118, 119, 121, 122, 123 e 146 2.581
Centro de Educação Infantil – CEIA Rua Belém, 2.585, Jardim Paulo VI 126, 131, 135, 141, 142, 144, 147 e 148 2.097
EM “Eljácia Moreira” Rua Tupinambás, 1.766, Jardim Paraíso 77, 78, 79, 85, 87, 88, 89 e 134 2.962
Cooperativa Regional de Ensino Rua Cândido Portinari, 64, Jardim Aclimação 151, 154, 155, 156, 157, 158, 159, 161, 162, 164 e 179 3.399
Instituto Educacional Profissionalizante-IEP Av.Salustiano Pupim, 1.164, Jd.Bom Jesus 166, 175, 184, 195 1.146
EM “Iracema Pinheiro Candeo – Lola” Rua Mirassol, 786, Cohab JACB 167, 172, 185, 199 e 207 1.623
EM “Jacira   Carvalho Silva Rua Nova Iork, 916, Jardim Monterey 168, 173, 205, 178, 189 e 198 2.054
EM “João Arnaldo Avelhaneda Rua Rubião Meira, 4.258, Jardim Paulista 165, 174, 182, 196, 190, 206 e 208 2.019

DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

No jornal Folha Noroeste, edição digital deste sábado, o principal destaque são as orientações sobre as eleições desse domingo, 07, quando os eleitores poderão escolher seis candidatos para cinco cargos. Por isso mesmo, a Justiça Eleitoral recomenda que o eleitor leve uma “cola” com os números de seus candidatos. No caso dos votos para deputado estadual ou federal, o eleitor poderá optar pelo chamado voto de legenda. Para isso, o eleitor deve digitar somente os dois números que identificam o partido e, dessa forma, ele ajuda o partido de sua preferência a conquistar mais vagas no legislativo, sem escolher um candidato.

Destaque, igualmente, para os questionamentos que o vereador Deley(PPS) está encaminhando ao DER, a respeito da tubulação para escoamento das águas da chuva em direção ao Córrego Tamboril. Como se sabe, o DER fez uma obra no cruzamento da “Euphly Jalles” com a “Vitório Prandi”, que custou quase R$ 2 milhões e estava provocando inundações. Recentemente, foram feitas reformas com a instalação de tubulações para permitir o escoamento da água, mas, segundo o vereador, o serviço foi feito pela metade e vai trazer mais problemas para o meio ambiente. Erosões e assoreamento do córrego estão entre esses problemas.

Na coluna FolhaGeral, o enfático redator-chefe Roberto Carvalho comenta que a Câmara Municipal de Jales poderá voltar às manchetes da mídia nacional, por conta do projeto que, supostamente, previa o uso de bafômetros durante as sessões camarárias. Segundo o colunista, sete dos dez vereadores jalesenses assinaram o projeto que, no entanto, não fala em uso de bafômetros. O projeto diz, apenas, que será considerada como infração à ética e passível de punição a conduta de vereador que comparecer à sessão emitindo “sinais exteriores de estar sob efeito de álcool ou de drogas”.

DIA DAS CRIANÇAS: ACIJ FAZ FESTA NA RUA PARA MENINADA

A notícia é da assessoria de imprensa da ACIJ:

Mais uma vez, a Associação Comercial e Industrial de Jales participa do Dia das Crianças levando muita diversão para a garotada no centro da cidade. São várias atrações que foram programadas para o próximo dia 11, quinta-feira, a partir das 19 horas, dentro da promoção “Feliz Dia das Crianças é com a ACIJ”.

Quem levar seus filhos para se divertir nesta noite de festa vai encontrar, brinquedos infláveis, cama elástica, esculturas de bexigas, pintura de rosto, touro mecânico, pipoca e algodão doce, além dos deliciosos Refrigerantes Saboraki. Tudo de graça, no meio de muita animação.

A festa vai acontecer nos cruzamentos da Avenida Francisco Jalles com a Rua 8 e com a Rua 10 e no cruzamento da Rua 10 com a Rua 11.

O presidente da ACIJ, Leandro Rocca Lima destacou que a associação não poderia deixar de realizar essa promoção, como forma de incentivar a movimentação dos consumidores pelo centro da cidade, na véspera do Dia das Crianças, uma data muito importante para o calendário de atividades dos lojistas, quando o comércio permanecerá aberto até as 22 horas.

 

HOMEM É PRESO EM JALES DEPOIS DE QUEBRAR VIDRO DE AMBULÂNCIA

Pelo jeito, ele não gostou do atendimento. Um homem de 60 anos foi preso ontem, 02, por quebrar o vidro de uma ambulância da Prefeitura de Jales. A pequena altercação aconteceu por volta das 00:50 horas da terça-feira.

Visivelmente descontrolado, o indivíduo conseguiu com um chute quebrar o vidro, que caiu na rua. O veículo estava levando o cidadão para ser atendido na UPA de Jales.

A fiança foi estipulada e, como não foi paga, o homem foi encaminhado para a Cadeia Pública de Santa Fé do Sul. Não se tem informações se o vidro da viatura também foi quebrado.

PINTINHO QUESTIONA PREFEITURA SOBRE PORTAL DA TRANSPARÊNCIA

A notícia é da assessoria de imprensa da Câmara:

O vereador Vagner Selis – Pintinho (PRB), em Sessão Ordinária (24), solicitou que a Prefeitura informe se está cumprindo o que consta na Recomendação n.º 55/2015, da Procuradoria da República de Jales, referente ao Portal da Transparência.

Após a última avaliação feita no Portal da Transparência de Jales, o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) recomendou que a Prefeitura fizesse alterações no Portal.

O Portal da Transparência é um site de acesso livre, no qual o cidadão pode encontrar informações sobre como o dinheiro público é utilizado, além de se informar sobre assuntos relacionados à gestão pública.

O Ministério Público Federal de Jales analisou o Portal da Transparência do Poder Executivo e constatou que a Recomendação feita pelo CGU foi cumprida parcialmente. Ao não cumprir totalmente a recomendação da Procuradoria, o Portal da Transparência da Prefeitura não atende ao padrão mínimo estabelecido pela CGU.

No requerimento, o vereador explicou que para evitar problemas legais, de repasses de recursos ou outros problemas que gerem danos ao município, a Recomendação n.º 55/2015 deve ser cumprida integralmente.

Pintinho indagou, caso a recomendação não esteja sendo cumprida, quais seriam os motivos.

O requerimento foi aprovado por unanimidade e encaminhado ao Poder Executivo, que tem até 15 dias úteis para enviar resposta ao Legislativo. Todos os requerimentos e suas respostas ficam disponíveis ao público no site da Câmara Municipal (www.jales.sp.leg.br).

JORNAL DE JALES: EMPRESÁRIOS E PECUARISTAS DE JALES PATROCINAM CARREATA EM FAVOR DE BOLSONARO

Eis a capa do Jornal de Jales deste domingo, onde um dos destaques é a Comissão de Sindicância que está investigando os desvios praticados pela ex-tesoureira Érica Cristina, descobertos pela operação “Farra no Tesouro”, da PF de Jales. Segundo o jornal, os integrantes da Comissão pretendem entregar o relatório final até o dia 10 de outubro. A sindicância já tinha ouvido 36 pessoas até a quarta-feira, 26, e planejava ouvir mais cinco até a sexta-feira. A ex-tesoureira, principal envolvida nos desvios,  prestou depoimento na manhã de quarta-feira, em sua residência, onde ela cumpre prisão domiciliar.

Destaque, igualmente para a carreata que os simpatizantes do candidato Jair Bolsonaro pretendem realizar em Jales neste domingo. De acordo com a matéria, a carreata terá funcionários públicos, empresários, policiais militares, etc. As despesas com a mobilização, diz o jornal, estão sendo bancadas por empresários e pecuaristas desiludidos com seus partidos.

O início da implantação da nova Zona Azul de Jales, que terá, em princípio, uma área menor do que a prevista; a captação de órgãos – fígado, rins e córneas – de uma mulher que faleceu na Santa Casa de Jales; a inauguração do sistema de lazer “Laurindo Palminonde”, no Jardim São Lucas; e o artigo do ex-vereador Rivelino Rodrigues – eleito três vezes em coligações com o PT – onde ele faz críticas a governos petistas e questiona o posicionamento político do bispo dom Reginaldo Andrietta, são outros assuntos do JJ.

Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior está informando que o campeão mundial de futebol Luizão, reserva do Ronaldo Fenômeno em 2002, foi a presença vip no 9º aniversário da torcida organizada do Corinthians em Jales, a Fiel Camisa 12. Luizão é candidato a deputado federal pelo PRB, o partido da Igreja Universal, e foi ciceroneado em Jales pelo empresário Du Venturini. Depois de posar para selfies com os corintianos que estavam na festa, Luizão manteve conversa reservada com o prefeito Flá e o candidato a deputado estadual, Luiz Henrique Moreira.

A TRIBUNA: GILMAR MENDES DIZ QUE CUNHADO DA EX-TESOUREIRA ÉRICA SOFREU CONSTRANGIMENTO ILEGAL

No jornal A Tribuna deste final de semana, destaque para a novo sistema de estacionamento rotativo da Zona Azul, que começa a funcionar na segunda-feira, 1º de outubro. A empresa ASG Engenharia Ltda, que irá gerenciar o sistema, já sinalizou algumas ruas e avenidas, demarcando no asfalto e nas guias e sarjetas os locais onde os automóveis poderão estacionar. São previstas 1.200 vagas com implantação gradativa, conforme cronograma aprovado pela Secretaria de Planejamento e Trânsito. Segundo o jornal, nos primeiros dias, enquanto os motoristas estiverem se acostumando com a novidade, não haverá cobrança de multa.

Destaque, também, para a multa de R$ 320 mil que a Polícia Militar Ambiental de Cassilândia aplicou ao espólio do falecido fazendeiro jalesense Francisco Simões de Mello, por maus tratos a animais. Depois de denúncias de vizinhos, os policiais ambientais fizeram uma incursão à Fazenda Picanha, de propriedade dos herdeiros do fazendeiro, onde encontraram diversos animais bovinos desnutridos, por falta de pastagem ou outro alimento. Os policiais encontraram, também, pelo menos nove carcaças de bovinos que não resistiram à falta de alimento e de água.

A opinião de alguns empresários dos três distritos industriais de Jales, que creditam a situação de quase abandono à falta de um deputado para Jales chamar de seu; a decisão do ministro Gilmar Mendes que concedeu a liberdade ao cunhado da ex-tesoureira Érica – Marlon Fernando Brandt – que estava preso desde o dia 31 de julho. Para Gilmar, Marlon sofreu constrangimento ilegal e abuso de poder; e a cessão de algumas salas do Centro Cultural para atividades da Secretaria de Administração Penitenciária, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, destaque para o virulento ataque que o polêmico prefeito de Embu das Artes, Ney Santos, fez à deputada Analice Fernandes, com repercussão aqui em Jales. Na página de opinião, o ex-vereador Rivelino Rodrigues, em artigo com o título “Votar com lucidez e responsabilidade”, rebate artigo do bispo dom Reginaldo Andrietta, publicado na semana passada. Na mesma página, a professora Rosângela Bigulim escreve sobre o papel dos educadores nas eleições deste ano. No caderno social, destaque para a coluna do Douglas Zílio e para a inauguração da loja Amo Prata, especializada em prata 925. 

1 2 3 4 423