Categoria: Cidade

FLÁ ENTREGA CARRO PARA ASSOCIAÇÃO COMUNITÁRIA MORIAH

O prefeiturável Flávio Prandi Franco, o Flá (DEM), esteve na 1ª Igreja Batista de Jales, há alguns dias, para entregar um veículo adquirido com recursos da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, cujo titular é o secretário Rodrigo Garcia. Flá – que é assessor de Rodrigo – foi o autor do pedido dos recursos e, por isso mesmo, foi escalado pelo próprio secretário para representá-lo na entrega.

Flá esteve acompanhado, no ato, pelo servidor público  municipal Jesus Martins Batista, que frequenta aquela igreja evangélica. Ambos foram recepcionados pelo pastor Elias Fernandes de Matos, que agradeceu a doação do veículo.

A Associação Comunitária Moriah é a mantenedora da Rádio Moriah FM, de Jales, e, além disso, realiza um trabalho voluntário com mulheres vítimas de violência, coordenado pela pastora Amélia de Matos.  

MINHA CASA, MINHA VIDA: PROGRAMA CONSTRUIRÁ MORADIAS EM 2.582 MUNICÍPIOS

Enquanto nossos políticos se distraíam com a Facip, a presidenta Dilma anunciava,  no dia 12 de abril, que o governo federal investirá  cerca de R$ 2,8 bilhões na  construção  de 107.348 moradias populares, em 2.582 municípios com população abaixo de 50.000 habitantes. Trata-se da segunda fase do programa Minha Casa, Minha Vida. 

Diferentemente das 368 “casas populares” que estão sendo construídas por uma empresa privada, em Jales – cujas prestações que podem passar de R$ 500,00 mensais – as novas moradias anunciadas por Dilma  beneficiarão famílias com renda de até R$ 1.600,00 e as prestações custarão cerca de R$ 50,00. Ou seja, essas sim, são verdadeiras moradias populares.

No Estado de São Paulo, 68 cidades serão beneficiadas com 2.763 casas. E, como Jales tem menos de 50.000 habitantes e é uma das poucas cidades administradas por um prefeito do PT, o amigo já deve estar imaginado que somos, com certeza, uma das beneficiadas, certo? Ledo e Ivo engano! O nome de Jales não consta da lista.

HORÁRIO ESPECIAL: CARTÓRIO ELEITORAL JÁ ESTÁ ATENDENDO DAS 9 ÀS 18 HORAS. INCLUSIVE HOJE

Desde ontem, segunda-feira, o Cartório Eleitoral de Jales, que, além da cidade sede, atende outros 09 municípios, está atendendo em horário especial, das 09:00 até às 18:00 horas. O horário especial vai até o dia 09 de maio, último prazo para que os sem-título façam seu alistamento eleitoral e possam votar nas eleições de outubro deste ano. É também o último prazo para transferência de títulos eleitorais ou para mudança de local de votação.

Nesta reta final do prazo para alistamento eleitoral, o Cartório estará funcionando todos os dias, inclusive no sábado e domingo próximos. Hoje, por exemplo, feriadão do Dia do Trabalho, toda a equipe do Cartório está a postos, sob o comando da Kátia Alessandra Boschetto, que, além dos seus dois eficientes colaboradores – João Edson Rubelo e Wagner Julião – agora conta com o reforço da ex-servidora municipal, a Nilva Aparecida do Prado. 

PREFEITURA DE JALES CONDENADA POR BURACOS NO ASFALTO

Neste início de ano, a Prefeitura de Jales já foi condenada em duas ações por danos morais e materiais, por conta de acidentes ocorridos nas esburacadas ruas da nossa cidade. As decisões são de primeira instância e a municipalidade, certamente, recorrerá ao Tribunal de Justiça-SP.

No primeiro caso, uma moradora do bairro São Judas Tadeu fraturou o pé ao enfiá-lo em um buraco no asfalto e, por conta do acidente, teve que passar por uma cirurgia. Na data da audiência (18/04/2012), no Fórum de Jales, ela ainda se locomovia em uma cadeira de rodas.

No outro caso, uma motociclista passeava tranquilamente com sua moto, quando, de repente, viu-se de cara no chão, após deparar-se com um dos milhares de simpáticos buracos que enfeitam nossas ruas. As condenações foram alvo de matéria do jornal A Tribuna, deste final de semana, que pode ser lida aqui

O FACTÓIDE BEXIGA, SOB A ÓTICA DO JORNAL DE JALES

Reproduzo, abaixo, um trecho da coluna Contexto, do Jornal de Jales de ontem, onde o jornalista Deonel Rosa Júnior comenta o lançamento da pré-candidatura do empresário Osvaldo Costa Júnior, o Bexiga:

(…) Qualquer perito em política de bastidores identificará, sem maiores dificuldades, as impressões digitais do prefeito Humberto Parini(PT) no lançamento de Bixiga, filiado formalmente ao PR, mas carne-e-unha com o chefe do Executivo, a quem deve a escolha de sua empresa, a BX Eventos, para tocar a Facip privatizada.

Na verdade, não dá para esconder a mão de gato de Parini. Afinal, o presidente do PR é Jorge Valério, que ocupa cargo de confiança na estratégica Secretaria Municipal de Planejamento. Ou seja, se, no dia 20 de abril, Valério veio a público para fazer o pré-lançamento de Bixiga, é difícil crer que agiu sem a anuência ou, pelo menos, sem o conhecimento do prefeito.

Aí, com todos concordando que o presidente do PR jogou esta partida de truco de mano com o prefeito, vem a pergunta que não quer calar: qual o objetivo do lançamento de mais um nome atrelado ao Paço Municipal, que já tem um candidato do PT (Luís Especiato), dois do PMDB (José Devanir Rodrigues, o Garça, e Rivelino Rodrigues) e outro do PPS (Clóvis Viola, ainda não de todo descartado)?

Para uns, o esquema prefeitural e a cúpula do PT estimularam o pré-lançamento de Bixiga na expectativa de que este novo nome, que não tem o desgaste de todos que já disputaram eleições ou exerceram mandatos, roube votos dos candidatos da oposição, no caso, Nice Mistilides (PTB) e Flá Prandi Franco (DEM), empatados tecnicamente e líderes de todas as pesquisas idôneas feitas nos últimos três meses.

Para outros mais desconfiados, Bixiga seria um balão de ensaio das hostes governistas para encarnar o papel de Plano B caso a candidatura do vereador Luís Especiato, por um ou outro motivo, faça água até a data limite das convenções que escolherão os candidatos (…)”.

O comentário da coluna Contexto, completo, pode ser lido aqui.

COM MACETÃO, DESPESAS DA CÂMARA SUBIRAM 20% NO PRIMEIRO BISMESTRE

A edição de ontem do jornal A Tribuna publicou matéria sobre os gastos da Câmara Municipal de Jales, onde se lê que, sob Macetão, eles cresceram cerca de 20% nos primeiros dois meses do ano. A matéria se refere aos valores efetivamente pagos, e não aos valores empenhados, que são maiores ainda.

O aumento de despesas, de um ano para outro, é coisa normal. O anormal são os 20%. Para que vocês tenham uma idéia, entre 2008 e 2011, os gastos do primeiro bimestre aumentaram – no total – apenas 26%, passando de R$ 134 mil, em 2008, para R$ 170 mil, em 2011. Em 2012, com Macetão, esses gastos foram a R$ 205 mil.

É claro que ainda é cedo para se tirar conclusões. É claro, também, que Macetão vai inventar explicações para isso, mas o dado concreto é que o discurso demagogo do atual presidente, sobre economia do dinheiro público, já começou a ser desmentido pelos números. E os números não mentem. Pelo menos, não tanto quanto o Macetão. Abaixo, os gastos do primeiro bimestre de cada ano, de 2008 para cá: 

Ano Presidente   Valor Pago-R$
2008 Aracy de Oliveira M. Cardozo(PPS)

133.968,00

2009 Osmar Pereira de Rezende(PMDB)

160.403,00

2010 Luís Especiato(PT)

155.443,00

2011 Claudir Aranda(PDT)

169.961,00

2012 Luiz Henrique Viotto(PSD)

205.333,00

 

FÉRIAS SEM AFASTAMENTO: ESTADISTA RETIRA-SE PARA MERECIDO DESCANSO NA EUROPA

Além de registrar o aniversário da belíssima rainha da beleza negra, a Valquíria, o Jornal de Jales de ontem publicou, em sua coluna social, a notícia de que o nosso premiado estadista – depois da maratona de inaugurações de abril – retirou-se para um merecido descanso em plagas européias.

Segundo a nota, o dolce far niente do prefeito no Velho Mundo durará 12 dias, período em que a nossa Prefeitura permanecerá acéfala. Se bem que, a bem da verdade, não se notará grande diferença.

Apesar de, na prática, estar em férias, o prefeito não se licenciou para gozo de férias. Se o fizesse, abriria brecha para que o vice-prefeito Clóvis Viola assumisse o comando da azeitada máquina prefeitural, substituição que, certamente, desagradaria a primeira-dama.

Resta saber se o estadista não voltará da Europa com alguma novidade na bagagem. Não custa lembrar que, após uma de suas viagens internacionais, Parini nos presenteou com o pinhão manso. Fiquemos atentos, pois sempre se corre o risco de ele voltar com alguma idéia nova na cabeça. 

BANCO DO BRASIL APRESENTA LINHAS DE CRÉDITO ESPECIAIS PARA ASSOCIADOS DO SINDICATO RURAL

(por Vívian Curitiba)

Produtores rurais associados ao Sindicato Rural de Jales assistiram na manhã da última sexta-feira, dia 27, a apresentação de uma proposta do Banco de Brasil que ofereceu financiamentos especiais e linhas de crédito rural aos presentes.

A proposta inclui linhas de investimento para custeio de safra e implementos agrícolas para incentivar as atividades do agricultor familiar, além de médios e grandes produtores. Foram apresentadas também propostas de financiamentos para aquisição de tratores, implantação de sistemas de produção orgânicos, comercialização de produção própria entre outros benefícios com taxas de juros e encargos diferenciados.

Após a palestra do Banco do Brasil, os associados participaram de um debate com o 1º secretário executivo da Faesp (Federação da Agricultura do Estado de São Paulo), José Eduardo Lelis, que, representando o presidente Fábio Meirelles, falou sobre o Novo Código Florestal, aprovado na quarta-feira (25) pela Câmara dos Deputados. “É um momento de tranqüilidade para o produtor. Com a aprovação, conquistamos uma segurança jurídica fundamental para a produção no Brasil”, disse

Na oportunidade, Lelis abordou aspectos como a reserva legal e a regularização ambiental da produção. “A partir de agora, com a atuação do Sindicato Rural de Jales, através do Sr.José Candeo, temos um importante instrumento para dar respaldo aos produtores quanto a informação no que diz respeito às mudanças no Código Florestal”, completou. O projeto de lei do Novo Código Florestal ainda terá que passar pela presidente Dilma Rouseff, que poderá sancioná-lo ou vetá-lo.

Sobre o assunto, o presidente do Sindicato Rural de Jales, José Candeo, adiantou que o sindicato estará atendendo a todos os associados, de forma individual, por meio de sua assessoria jurídica, quanto às dúvidas sobre a nova lei.

É HOJE: COMUNIDADE REALIZA MAIS UM LEILÃO EM BENEFÍCIO DA SANTA CASA

Está marcado para daqui a pouquinho, às 10:00 horas deste domingo, no recinto da Facip, o início do 6º Leilão Beneficente em prol da Santa Casa de Jales, que visa angariar recursos para melhorias no nosso hospital.

Se eu fosse você, daria um pulinho até lá, munido do talão de cheques. E eu até que recebi um gentil convite da Vívian Curitiba e da Adriana Mariano, mas tenho meu compromisso domingueiro na Regional FM, justamente no mesmo horário.

Como sempre, o Leilão apresenta uma inovação: dessa vez, aqueles que arrematarem alguma coisa, além de estar colaborando com o hospital, estarão, também, concorrendo a dois sorteios. Num deles, será sorteada uma viagem até a Pousada do Rio Quente, uma gentileza da Costa Azul Turismo, da tucaníssima Licinha Ramirez.

E o outro sorteio tem valor  cultural: o feliz ganhador fará juz a um semestre inteirinho de um curso de Inglês ou Espanhol, totalmente grátis e com material incluso. A novidade é uma gentileza da escola de idiomas CCAA, do amigo Fábio Fiorani, que também é parceiro da nossa Santa Casa.

DESTAQUES DOS JORNAIS

Estas foram as manchetes dos jornais locais, neste final de semana:

Folha Noroeste: “Festival de Violeiros em Jales”

Folha Regional: “Prefeitura de Jales inaugura Centro Comunitário no Conjunto Habitacional Dr. Pedro Nogueira”

Jornal de Jales: “Desatando o nó”

A Tribuna: “Comunidade faz 19 sugestões para o trânsito de Jales”

Na Folha Noroeste, destaque para o Festival de Violeiros que será realizado pela Secretaria Municipal de Esportes e Cultura, nos dias 11 e 12 de maio, com o objetivo de incentivar a divulgação da música raiz brasileira. Outras manchetes: “80% dos brasileiros apresentam algum tipo de desvio no septo“; “Inaugurações, festa junina e shows marcarão aniversário de Urânia“. Na coluna FolhaGeral, o editor Roberto Carvalho informa que um nome forte do PMDB local estaria conversando com um pré-candidato de outro partido, oferecendo-lhe apoio.

Na Folha Regional, o assunto principal foi a inauguração do Centro Comunitário do Conjunto ‘Pedro Nogueira”, que, segundo o jornal, vai atender os moradores das 250 casas do bairro e das outras 60 que estão sendo construídas no Conjunto ‘João Colodetti’. Outras manchetes: “Polícia prende assassinos do dono do Porto“; “Administração Parini incentiva geração de empregos“. Na coluna Ella, as lentes do fotógrafo Marcos Oliveira realçaram o olhar cativante da belíssima estudante Ana Carolina Brigatti Biscardi, que gosta de dançar, cantar e ouvir música.

No Jornal de Jales, destaque para a reunião realizada na quarta-feira, 25, quando representantes do Fórum da Cidadania entregaram ao prefeito o documento que contempla 19 sugestões para melhorar o trânsito. Outras manchetes: “PT sondou PSDB sobre aliança na eleição municipal“; “Sindicato Rural discute mudanças na agricultura com o novo Código Florestal“. Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior informa que o prefeito Humberto Parini está na Europa, mas não passou o cargo para o vice porque ficará por lá menos de 15 dias.

No jornal A Tribuna, o destaque também foi para a iniciativa do Fórum da Cidadania, que, após três meses de estudos e discussões, entregou um relatório ao prefeito Humberto Parini com sugestões para melhorar o trânsito de Jales. Outras manchetes: “Prefeitura de Jales condenada por buracos no asfalto“; “Gastos da Câmara de Jales aumentam 20% no primeiro bimestre de 2012“. Na coluna Enfoque, a informação de que a polícia teve que enviar três viaturas ao Paço Municipal, na terça-feira, por conta do bate-boca entre um secretário de Parini e um contribuinte.

1 389 390 391 392 393 423