Categoria: Política

PREFEITO FLA ASSINA CONVÊNIO COM GOVERNO ESTADUAL PARA MELHORIAS EM VIAS MUNICIPAIS

Da Secretaria Municipal de Comunicação:

Na última terça-feira, dia 18 de junho, o prefeito de Jales, Flávio Prandi Franco, o Flá, assinou junto ao governador do Estado de São Paulo, João Doria e o vice-governador Rodrigo Garcia, um convênio com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran.SP), no valor de mais de R$ 553 mil  que visa garantir melhorias em vias municipais. Na mesma oportunidade, o governador e o vice-governador e Secretário de Governo, Rodrigo Garcia, apresentaram as ações do programa Respeito à Vida – São Paulo Dirigindo com Responsabilidade. O programa envolve atividades focadas em educação no trânsito, obras em rodovias e convênios, além de nova campanha de mídia voltada para motociclistas, grupo que lidera as estatísticas de acidentes de trânsito no Estado.

O convênio assinado pelo prefeito Flá tem por objetivo a transferência de recursos para a execução de ações ou serviços no âmbito do Programa Movimento Paulista de Segurança no Trânsito. Entre as ações previstas para Jales está a instalação de novos semáforos em avenidas, campanhas educativas que possam contribuir para a redução de acidentes, entre outras ações.

Os convênios com o Movimento Paulista já beneficiam 91% da população do Estado, com projetos que impactam positivamente o cotidiano de quem mora nas cidades parceiras.

“O programa Respeito à Vida vai garantir à população, por meio de ações, medidas preventivas e educativas, o direito de transitar por vias e rodovias paulistas com segurança. Ressalto ainda que com foco em educação e comunicação, o programa Via Escola, que será desenvolvido pela Secretaria de Educação e o Detran, vai levar para as escolas da nossa rede os conceitos de paz, tolerância, responsabilidade e orientação no trânsito, para que as crianças levem aos seus pais esses conhecimentos e multipliquem essas ações”, afirmou o Governador João Doria.

O vice-governador Rodrigo Garcia ressaltou que “a parceria com os prefeitos é uma estratégia para auxiliar não apenas financeiramente as cidades, mas também prestar suporte técnico para a geração de projetos eficientes e com base nos dados do Infosiga SP. Os recursos, cerca de R$ 200 milhões, vêm das multas do Detran.SP. Ou seja, o dinheiro do infrator é revertido em ações para um trânsito mais seguro, sem onerar o Estado”.

Já o prefeito Flá disse estar muito feliz pelo fato de Jales ter sido comtemplada com o convênio que vai garantir recursos para serem investidos nas vias da cidade e na segurança da população. “Queremos contribuir para a redução do número de acidentes e de mortes. Dados do Conselho Federal de Medicina apontam que a cada hora, morrem cinco pessoas em acidentes de trânsito no Brasil. Precisamos mudar essa realidade, portanto quero parabenizar o governador João Doria e o vice-governador Rodrigo Garcia por eleger essa causa como uma das prioridades do governo e agradecer por ter inserido Jales no programa”

JEAN WYLLYS SUGERE QUE CARLOS BOLSONARO SAIA DO ARMÁRIO E SEJA UMA BICHA ORGULHOSA

Deu no Brasil 247:

O ex-deputado Jean Wyllys fez nesta segunda-feira, 17, uma sequência de tweets para defender que o vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ) assuma uma suposta homossexualidade. 

“O filho do presidente teve todas as chances e meios de enfrentar a homofobia do pai e ser uma bicha como eu sou – orgulhosa de mim, inteligente, ativista e honrada, disposta a lutar por justiça social – mas optou por ser essa vergonhosa fábrica de fake news homofóbicas”, disse Wllys. 

“Aliás, quero deixar claro que só estou me referindo à homossexualidade enrustida do filho homofóbico, burro e mau do presidente porque este vem sendo o motor dos horrores perpetrados por ele contra mim e outras pessoas honradas na internet”, acrescentou o ex-deputado do PSOL. 

As declarações de Jean Wyllys foram dadas após a divulgação de reportagem que relacionava o ataque massivo de robôs contra o jornalista Glenn Greenwald, seu companheiro, o deputado David Miranda (PSOL-RJ) e o próprio Wyllys.

O jornalista Ivan Freitas demonstrou no Twitter a ação de robôs para subir a hashtag ShowdoPavão, em referência a uma conta suspeita com acusações fakes contra Glenn Greenwald, que divulgou escândalos da Lava Jato. Freitas também citou uma postagem de Filipe G. Martins, assessor especial da Presidência. Quem responde no post é Carlos Bolsonaro (PSL): “já sabe o que fazer com as penas do pavão”, disse o Carlucho.

ZÉ SIMÃO FALA SÉRIO E DIZ QUE MORO É CRIMINOSO

Deu no Brasil 247:

O ministro da Justiça do Brasil, o ex-juiz Sergio Moro, é um criminoso, na avaliação do colunista José Simão, da Folha de S. Paulo. Nos últimos dias, Moro também já foi classificado como criminoso pela revista Veja e pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal. Confira, abaixo, o tweet de Zé Simão sobre o caso:

JORNALISTA AMERICANO SOBRE PRÓXIMAS REVELAÇÕES DO CONLUIO MORO-DALLAGNOL: “É MUITO MAIS PESADO”

A notícia é do UOL:

Ontem, em seu programa na rádio Guaíba, o jornalista Juremir Machado da Silva entrevistou Glenn Greenwald, cofundador do site The Intercept Brasil, que está divulgando as conversas secretas de Sergio Moro. Juremir publicou um resumo do que disse Greenwald, em sua coluna no Correio do Povo, num formato que faz uma referência irônica às 10 medidas contra a corrupção proposta pela República de Curitiba.

O norte-americano falou em português claro:

1) O mais explosivo do material de que dispõe ainda está para ser divulgado.

2) Ele quer ver Sérgio Moro ficar no cargo depois que tudo for revelado.

3) Nos Estados Unidos, Moro já teria sido demitido.

4) É inaceitável, do ponto de vista da legislação brasileira e da ética, o conluio entre o juiz e o Ministério Público em desfavor da parte a ser julgada.

5) A Rede Globo queria esconder os vazamentos ou só abordá-los como crime cibernético, focando num possível hacker a narrativa e não no seu conteúdo.

6) O material é vasto e será processado sem pressa para evitar erros.

7) Nada que não seja de interesse público será divulgado.

8) A proteção da fonte é constitucional e ele não exporá a sua.

9) O caso Snowden deu-lhe experiência para lidar com esse tipo de situação.

10) Aguardem.

TIAGO ABRA SOLICITA À PREFEITURA INFORMAÇÕES SOBRE PAGAMENTO DE HORAS EXTRAS

A notícia é da assessoria de imprensa da Câmara:

O vereador Tiago Abra (PP), em Sessão Ordinária (10), encaminhou um requerimento à Prefeitura solicitando dados de servidores municipais que receberam pagamento de horas-extras, entre 1º de janeiro e 31 de maio de 2019.

Abra justificou que a função do Poder Legislativo é fiscalizar as práticas administrativas da Prefeitura e a preocupação deve ser redobrada, pois já houve ocorrências de práticas impróprias à boa gestão dos recursos públicos.

O vereador falou sobre o requerimento: “No mandato passado, gastava-se menos da metade do que o atual prefeito gasta com horas-extras. Será que todo mundo faz esse monte de horas-extras para gastar quase R$ 200 mil por mês? Será que todo mundo que está ganhando por horas-extras faz essas horas-extras? Ou é o chefe que coloca no caderninho? Estamos aqui para fiscalizar o dinheiro do povo”, disse.

O vereador Vanderley Vieira – Deley (PPS) comentou sobre a propositura: “Até parece que pegamos Jales às mil maravilhas de gestões passadas. Lá [Prefeitura] tem pessoas altamente capacitadas. Eu sempre valorizo os funcionários públicos. Se um falhou, não foi todo mundo. Lá teve erros, mas graças à Polícia Federal e ao Ministério Público esses erros estão sendo corrigidos”.

Abra solicitou os nomes dos servidores que receberam horas-extras, das Secretarias às quais estão vinculados, a quantidade de horas-extras pagas, o valor total dos vencimentos e o valor pago de horas-extras.

O requerimento foi aprovado por unanimidade e encaminhado ao Poder Executivo, que tem até 15 dias úteis para enviar resposta ao Legislativo.

LUCIANO HUCK COMEÇA A APAGAR FOTOS COM SÉRGIO MORO DAS REDES SOCIAIS

Pelo jeito não é só a Xerazedo que está arrependida. A notícia é do iG:

Assim como fez com Aécio, Accioly, Joesley e outros ex-amigos, o apresentador Luciano Huck, candidato virtual à presidência da República nos próximos 50 anos, já está dando sumiço nos retratos com Sergio Moro de suas redes sociais.

Se faltava um sinal de que a casa caiu para o Conje, é esse.

CÂMARA APROVA PRORROGAÇÃO DA CEI “FARRA NO TESOURO 2”

Da assessoria de imprensa da Câmara:

O vereador João Zanetoni (PSB), presidente da Comissão Especial de Inquérito (CEI), em Sessão Ordinária (10), apresentou um requerimento solicitando à Mesa da Câmara a prorrogação por mais 90 dias dos trabalhos da Comissão.

Zanetoni justificou que o prazo final da investigação termina no próximo dia 17 de junho, porém os trabalhos ainda não foram concluídos pela Comissão.

No dia 14 de fevereiro, a Polícia Federal deflagrou a operação “Farra do Tesouro 2”, para apurar se as contratações dos planos de seguro de forma unitária pela Prefeitura, sempre com valores abaixo do exigido pela Lei de Licitações, foram feitas para criar uma situação fictícia que não exigia a realização de licitação.

A CEI foi criada para apurar suspeitas de irregularidades nos contratos e compras feitas pela Prefeitura, entre 1º de janeiro de 2013 e 14 de fevereiro de 2019. A Comissão tem como membros o vereador Zanetoni, presidente, Tiago Abra (PP), vice-presidente e Vanderley Vieira (PPS), relator.

O vereador Luiz Henrique Viotto – Macetão (PP) apoiou o requerimento: “Acho importante que seja esclarecida essa questão dos recursos que sumiram na “Farra do Tesouro 2”. Os nossos vereadores estão pedindo mais três meses. Há umas duas semanas, eu vi que há uma pilha de documentos e é salutar contratar uma empresa especializada para ver se existem erros. Essa CEI quer investigar todos os contratos que são parecidos com aquele”.

O vereador Tiago Abra (PP) falou sobre o trabalho da CEI: “São quase 5 mil páginas de contratos feitos sem licitação. Fiz um pedido por escrito ao presidente da CEI para que contrate, o mais rápido possível, uma empresa de auditoria, porque nenhum de nós três têm formação na área contábil. A Polícia Federal também está nos enviando o relatório. Acho que com a empresa de auditoria, o relatório que vamos receber e ouvindo as testemunhas, a população vai conseguir descobrir o que realmente aconteceu”, disse.

A Comissão Especial de Inquérito, criada pelo Requerimento nº 17/2019, iniciou seus trabalhos no dia 20 de março e está analisando os documentos que foram solicitados à Prefeitura.

O requerimento foi aprovado por unanimidade e o prazo para a conclusão da CEI foi prorrogado por 90 dias, contados a partir do dia 18 de junho.

1 2 3 365