Categoria: Variedades

GILMAR MENDES VIRA PERSONAGEM DE HUMORÍSTICO DO SBT

Deu no Diário do Centro do Mundo:

Segundo publicação do UOL, a semelhança física entre o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes e o deputado corrupto João Plenário, de “A Praça É Nossa”, impressiona tanto que virou motivo de piadas na internet. A brincadeira, finalmente, migrou para a TV. O humorista Saulo Laranjeira, que dá vida ao político no SBT, atendeu aos pedidos do público e imitou o jurista pela primeira vez na televisão.

Saulo Laranjeira usou a semelhança entre seu personagem e o ministro na última quarta-feira (11), quando deu vida a Gilmar Memes –em referência às zoeiras na internet. Para se transformar, o humorista só precisou de uma capa semelhante à que ele usa no STF e nem precisou fazer caras e bocas para imitá-lo. Afinal, já tem cara e boca idênticas às do jurista.

Laranjeira, que neste fim de semana está em São Paulo com a peça “A Arte do Humor”, incorporou Gilmar Mendes a pedido de Carlos Alberto de Nóbrega, que queria brincar com a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no último domingo. O programa inteiro tinha sido gravado na semana passada, antes da disputa jurídica, mas o líder da “Praça” aproveitou o calor do assunto e escreveu o quadro na véspera de ir ao ar.

“O tema estava muito atual, então o Carlos abriu uma exceção. Foi uma coisa de última hora, resolveu colocar no dia e fez uma edição a toque de caixa, mas terminou dando certo. Ficou bacana, bem factual”, elogia. No quadro, Gilmar Memes solta Lula (Alexandre Porpetone) e contraria Sergio Morno (Viny Vieira), sátira ao juiz Sergio Moro.

LÉSBICAS TEM VIDA SEXUAL MAIS FELIZ DO QUE MULHERES HÉTEROS, DIZ ESTUDO

A notícia é do portal de amenidades Universa:

Não é só estereótipo: mulheres que se relacionam com mulheres realmente têm uma vida sexual mais satisfatória.  De acordo com a Public Health England deste ano, apenas metade das mulheres entrevistadas está feliz com a vida sexual – mas estudos mostram que entre as lésbicas o índice é muito maior: pode superar os 70%.

Segundo estudos publicados em 2014 no “Journal of Sexual Medicine”, enquanto as mulheres que transam com mulheres gozam 75% do tempo do sexo, as heterossexuais “chegam lá” em apenas 61% do tempo.  Entre os homens, por outro lado,a diferença entre o prazer dos gays e dos héteros é mínima: 85% e 86%, respectivamente. 

O motivo? “É simples: as mulheres lésbicas sabem onde é o seu clitóris e sabem o que fazer para conseguir um orgasmo. Eles não precisam mostrar ao parceiro o que fazer, o que significa que sua satisfação sexual é maior”, explicou  Matty  Silver, terapeuta de saúde sexual, em entrevista ao “The Guardian”.

Sue Mann, consultora de saúde pública responsável pela pesquisa da Public Health England, acrescenta que muitos homens deixam as preliminares de lado e acreditam que a parceira vai gozar apenas com a penetração, mas apenas 20% das mulheres, segundo a pesquisa, “chegam lá” sem estimulação clitoriana. 

“É uma das razões pelas quais muitas mulheres heterossexuais falsificam seu orgasmo”, diz Mann.

Um dado interessante da pesquisa é que, de acordo com as 7 mil entrevistadas, o sexo melhora com o passar do tempo.  Enquanto 50% das mulheres de 25 a 34 anos se dizem satisfeitas com a vida sexual, o número cresce para 71% na faixa etária de 55 a 64 anos.

ADVOGADA QUE VIROU PROSTITUTA SE NEGA A FAZER PROGRAMA COM QUEM SE DECLARA FÃ DE BOLSONARO

A jovem cortesã parece ser cheia de melindres. A anã Dafne também é advogada e não tem essas frescuras. A matéria é do portal Universa:

A vontade de fazer muito sexo, ganhar dinheiro e parar de ser assediada por colegas de trabalho fizeram com que a advogada e professora de direito Cláudia de Marchi, de 36 anos, decidisse se tornar “acompanhante de luxo feminista”, como ela se define.

Atendendo em Brasília há dois anos, ela só aceita cavalheiros “com português correto, intelecto de dar inveja” e que lhes deem muitos beijos. Informa que “ama sexo anal”, que detesta ser chamada “de meu amor” e que quem quiser “jantar em restaurante, aquela balela toda”, tem que pagar a mais.

Cláudia está lançando o livro “De encontros sexuais a crônicas – O diário de uma advogada e acompanhante de luxo feminista”. À Universa, ela diz que prostituição é opção e que é feminista, sim, porque é uma “mulher livre, realizando a própria sexualidade”.

Por que decidiu deixar de ser advogada para se tornar prostituta?

Fui muito assediada quando tinha escritório e tive sócios mega machistas, que ganhavam mais do que eu e que não me deixavam ficar responsável por alguns casos, só porque eu era mulher. Aquilo me irritava. Abandonei a advocacia, fui fazer mestrado e me tornei professora da Universidade de Cuiabá. Só que, na faculdade, aconteceu a mesma coisa, assédio por todos os cantos. Nessa época, me separei do meu marido e decidi que o que eu queria mais era fazer sexo.

Quanto você cobra?

A hora são R$ 650, o pernoite, R$ 4.500, e se ele quiser me levar para jantar, aquela balela além de trepar, mais R$ 1.000. Eu janto sozinha, não preciso de companhia de cara desconhecido querendo fazer o bom moço.

O preço sobe quando atende político que rouba muito?

Não. Já saí com vários políticos, mas nunca candidatos a presidente ou governador, porque é muita exposição para mim. E se o cara for de extrema-direita, da bancada evangélica, ruralista ou da bala, caio fora.

Muitos clientes carentes?

Sim. Um deles perguntou se durante a transa poderia me chamar pelo nome da ex. Eu disse que não e que era melhor ele ir embora e só voltar quando estivesse mais estável emocionalmente. Ele me pediu desculpas, pagou e, depois de dois meses, voltou outro cara. Aí nos demos bem.

O que você odeia que um cliente faça?

Odeio que me chamem de amor; nem conheço o cara, como ele pode dizer que me ama? Também detesto homem egoísta na cama. Um dia desses, um cara me chamou para tomar um vinho num restaurante. O programa acabou ali mesmo porque ele tentou me convencer que o Bolsonaro era legal. Falei: “Amigo, depois disso, nem viagra feminino resolve.

TRANSGÊNERO É ELEITA MISS ESPANHA E DISPUTARÁ MISS UNIVERSO 2018

A modelo transgênero Angela Ponce foi eleita Miss Espanha na noite de sexta-feira, 29, e representará seu país no concurso de Miss Universo que será realizado ainda neste ano.

Outras 20 misses com idades entre 17 e 26 anos disputaram a coroa de Miss Espanha 2018, cujo slogan era “Somos mais do que vês”.

Na cerimônia, Angela recebeu a coroa de Sofía del Prado, vencedora do concurso em 2017. Não será a primeira vez que uma mulher transgênero participa do concurso. Em 2012, a canadense Jenna Talackova ficou entre as 12 melhores da competição.

Em entrevista à imprensa espanhola, Ponce afirma que terminou sua mudança completa de gênero há quatro anos e que, com o título, quer “levar uma mensagem de inclusão, tolerância, respeito e amor”.

No Brasil, a amazonense Mayra Dias foi escolhida para representar o País no concurso global.

Veja, no Estadão, uma interessante galeria de fotos da Miss Espanha.

JAPÃO REALIZA SEGUNDA EDIÇÃO DO MISS BUMBUM

A notícia é iG:

Quem acha que o concurso “Miss Bumbum” é uma particularidade do Brasil está enganado. As orientais também se renderam ao charme da competição e os japoneses já estão atentos na dona do bumbum mais bonito de seu País. Pelo segundo ano seguido.

O polêmico e festejado concurso brasileiro “ Miss Bumbum ” terá uma nova edição em Tóquio. Ao todo são 15 candidatas. No próximo dia 25 de julho acontece o anúncio da vencedora do “ Miss Bumbum Japão ”, que irá concorrer entre as finalistas do concurso no Brasil, em evento marcado para o dia 05 de novembro.

Em um concurso com “ar tão brasileiro” não poderia faltar uma representante do país de origem da competição. A amazonense Rosie Oliveira, atual Miss Bumbum do Brasil, vai marcar presença na final, em Tóquio. Ou seja, vai ser um verdadeiro “intercâmbio de bumbuns”.

DEZ FILMES QUE COMEÇAM COM CENAS DE SEXO

Depois de perder 01 hora e 40 minutos assistindo a um dos piores filmes que já vi – Anon, uma produção da Netflix com o Clive Owen como protagonista – fui atrás de ver algo mais interessante e encontrei, no UOL, algumas indicações.

Uma delas diz respeito às dez películas que já começam com cenas calientes. A seleção não inclui Fora de Rumo, com mesmo Clive Owen e a graciosa  Jennifer Aniston. E por dois justíssimos motivos.

Primeiro porque a cena de sexo entre os dois não ocorreu logo no começo do filme. E segundo porque, quando começava a esquentar, a cena foi interrompida por um bandido cruel. Eis a seleção do UOL:

01) Crash: Estranhos Prazeres

Esse filme de 1996 do diretor David Cronenberg já mostra logo na abertura que haverá cenas quentes ao longo das quase duas horas. Na cena inicial, a personagem Catherine Ballard (papel de Deborah Kara Unger) aparece tocando um dos seios contra uma asa de avião. Em seguida, um homem se aproxima e os dois começam a trocar carícias.

02) Instinto Selvagem

Esse é provavelmente o filme mais conhecido em que há uma cena de sexo logo no início. Nessa produção do diretor Paul Verhoeven, a cena de sexo (e morte) é o mote para a história do longa, no qual a personagem Catherine Tramell (papel de Sharon Stone) é suspeita do crime, sendo investigada pelo detetive Nick Curran (Michael Douglas).

03) Laurel Canyon – Rua das Tentações

Um exemplo perfeito de filmes que começam com cenas de sexo é o drama “Laurel Canyon – Rua das Tentações” (2002), da diretora Lisa Cholodenko. O longa começa com o personagem Sam (papel de Christian Bale) fazendo sexo oral em Alex (Kate Beckinsale). Os dois estavam no rala e rola quando a mãe de Sam liga, tirando a concentração de Sam. Alex chega ao orgasmo, mas ele não.

04) Distante Nós Vamos

Esse filme de 2009 do diretor Sam Mendes também começa com uma cena sexo, mais precisamente de sexo oral. Os personagens Verona De Tessant (papel de Maya Rudolph) e Burt Farlander (John Krasinski) estão na cama. Quando a câmera mostra os protagonistas, Burt aparece fazendo sexo oral em Verona. Tudo acontece sob os lençóis e de forma um pouco desajeitada.

05) Antes que o Diabo Saiba que Você Está Morto

O drama do diretor Sidney Lumet “Antes que o Diabo Saiba que Você está Morto” (2007) começa uma cena hardcore de sexo entre os personagens Andy (papel de Philip Seymour Hoffman) e Gina (Marisa Tomei). É daquelas cenas de dar inveja até a filme pornô.

06) Betty Blue

Esse drama de 1986 do diretor francês Jean-Jacques Beineix começa com uma cena quente (foto acima) entre os personagens da atriz Béatrice Dalle e do ator Jean-Hugues Anglade. “Betty Blue” foi elogiado na época do lançamento e chegou a concorrer ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 1987.

07) Anticristo

Esse polêmico filme do diretor Lars von Trier mal espera 60 segundos antes de mostrar o pênis do ator Willem Dafoe em câmera lenta durante o ato sexual com a personagem de Charlotte Gainsbourg. Em preto e branco, a cena de sexo é tensa, pois acontece no mesmo momento em que o filho pequeno do casal morre ao cair de uma janela.

08) E Sua Mãe Também

Esse excelente longa de 2001 do diretor mexicano Alfonso Cuarón é outro que vem com cenas quentes logo no início. E o filme não mostra apenas uma, mas duas cenas de sexo, nas quais os personagens dos atores Gael García Bernal e Diego Luna se despedem de suas namoradas, que vão juntas para a Itália.

09) Um Tiro na Noite

O ato sexual que aparece no prólogo desse clássico de 1981 do diretor Brian De Palma é uma parte secundária da cena em que há um assassinato. A sequência, na verdade, é uma paródia aos filmes B de terror e serve como gancho para mostrar o protagonista do longa, o personagem Jack (papel de John Travolta), que trabalha como editor de som nesse gênero de filme.

10) Vestida Para Matar

Na polêmica abertura desse filme do diretor Brian De Palma, Kate Miller (papel de Angie Dickinson) é vista se masturbando no chuveiro enquanto seu marido faz a barba. De repente, um homem surge e começa a estuprá-la, sem seu marido esboçar qualquer reação. Na sequência da cena, De Palma revela que o estupro é apenas uma fantasia de Kate enquanto ela e seu marido estão transando na cama. 

THAMMY MIRANDA E ANDRESSA FERREIRA SE CASAM EM LAS VEGAS

A notícia é da Folha de S.Paulo:

Ontem, sexta-feira (16) foi dia de comemorar união. Thammy Miranda e Andressa Ferreira se casaram em Las Vegas, de acordo com vídeo divulgado pelo Multishow. Nas imagens, Gretchen, mãe do noivo, aparece reunida com familiares em um restaurante em São Paulo para acompanhar o casamento por transmissão ao vivo pela internet. 

A celebração da união ocorreu em uma famosa igreja de Las Vegas, a Little White Wedding Chapel, segundo o canal. Por lá já passaram casais como Demi Moore e Bruce Willis, Frank Sinatra e Mia Farrow e até Britney Spears com o amigo de infância Jason Alexander. 

Embora não tenha participado da cerimônia, a rainha do rebolado explicou no vídeo que o casamento e a comemoração da família, em São Paulo, serão transmitidos no reality Os Gretchens, que estreia no dia 23 de abril no Multishow. Neste sábado (17), a também rainha dos memes se apresenta com a cantora americana Katy Perry na capital paulista.

PRODUTOS ERÓTICOS PARA EVANGÉLICOS

Depois do “kama sutra gospel” (aqui), temos a Feira Erótica Evangélica. Agora só está faltando o vibrador ungido. E eu tenho uma conhecida, não evangélica, que vai querer alguns frascos do tal adstringente “Virgem Novamente”.

A repórter assanhadinha é a moça da foto acima, Rebeka Francys, a Miss Bumbum Evangélica:

CANTOR SERTANEJO É ACUSADO DE VAZAR IMAGENS ÍNTIMAS DE EX-NAMORADA

O rapaz parece ter antecedentes. Em 2014, ele foi acusado de chantagear sua ex-namorada Lola Melnick, ameaçando divulgar fotos íntimas da moça. A notícia é do Diário de Pernambuco:

O cantor sertanejo Eduardo Costa está sendo acusado pela ex-namorada Victória Villarim de ter vazado fotos íntimas dela. Na terça-feira (13), várias fotos da modelo e bailarina foram publicadas na conta dela no Instagram e, de acordo com ela, foi o cantor que hackeou a conta e postou as fotos do celular dele. Em vídeo postado na rede social, Victória tentou explicar a situação e esclarecer que não foi ela que postou as fotos. Ela ainda cita que Eduardo Costa já fez isso com Ana Paula, outra ex-namorada.

Para ela, o cantor cometeu o ato porque estaria inconformado com o término do namoro, há três meses. Ela afirma, no vídeo, que tem um novo namorado e que só esclarece os fatos porque não quer ser julgada. Victória ainda alegou que, graças ao contato de Eduardo Costa com uma “força maior”, ela teria sido impedida de arrumar um novo emprego como bailarina. 

Eduardo Costa se defendeu. Também por meio de um vídeo, ele disse que acha estranho que o vazamento aconteça no carnaval e definiu o acontecimento como “negócio sem explicação”. O cantor afirmou que estava passando o carnaval em família, com um padre e com crianças. De acordo com o artista, ele estava dormindo e acordou com a notícia. O sertanejo pediu desculpas aos fãs pela polêmica e, ao lado do padre Marcelo, disse estar orando para que Victória supere o ocorrido.

O cantor também afirmou que não tem fotos de mulheres peladas no celular porque suas filhas mexem no aparelho e que não recebe fotos desse tipo. Falou várias vezes, ao lado do padre amigo, que estavam passando o carnaval em oração, em família e com crianças perto. “Não sei o que a Victória fez ou deixou de fazer. Até porque não me interessa mais”, completou o cantor.

Os vídeos citados na matéria podem ser vistos aqui.

1 2 3 55