A TRIBUNA: GASTOS DE PARINI COM PUBLICIDADE QUASE TRIPLICAM EM 2011

Matéria do jornal A Tribuna, deste final de semana, revela que os gastos da Prefeitura de Jales com publicidade, em 2011, bateram em R$ 165 mil. Tal valor representa quase três vezes o valor gasto em 2010. Além disso, A Tribuna trará informações sobre a Facip 2012, bem como a respeito de mais um caso de leishmaniose em Jales.

E tem, também, uma matéria escrita por este aprendiz de blogueiro sobre os perigos da campanha eleitoral antecipada. Aqui em Jales, já temos muitos veículos desfilando com adesivos de prováveis candidatos, mas, por enquanto, nenhuma providência foi tomada para coibir a suposta propaganda antecipada.

Um outro assunto desta edição de A Tribuna é o projeto de lei que prevê a doação de um terreno, na Rua das Palmeiras, para a Cáritas Diocesana de Jales. No local, a Cáritas pretende desenvolver um projeto de atendimento a jovens dependentes de drogas. Tudo isso e muito mais na edição de A Tribuna, desse domingo.  

3 comentários

  • Funcionária Publica

    È ai depois não tem como pagar 1/3 de férias para o funcionalismo, gasta tudo em publicidade, inclusive contratando gente de fora.

  • anonima

    é ele ker publicidade , se mal sabe administrar , cidade morta , cheias de buracos , sujas , jardins horríveis , ah por falar em jardim onde foi parar as verbas destinadas aos jardins de jales , pois ficamos sabendo mas não vimos nada ate hoje diga se a anos né,enfim tudo se acabando e o sr ker publicidade sr prefeito , porque num aproveita ki ta ai na teta da prefeitura e faz uma plastica , porque jales ja ta a cara do sr feia pra caramba , ja ki num conserta a cara de jales . aproveita a grana e conserta a sua…. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Anonimatus

    Por falar em reforma das praças que coisa feia, a reforma que esta sendo feita na Praça Euphy Jales, que serviço mal feito nos estacionamentos da rua 13, que vergonha só em Jales com administração do PT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *