JALES CONTINUA PERDENDO PARA SANTA ALBERTINA NA GERAÇÃO DE EMPREGOS

Os números divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), há alguns dias, mostram que, em outubro, Jales teve 234 admissões e 237 demissões. Ou seja, no mês passado o resultado da geração de empregos foi negativo, com fechamento de 03 postos de trabalho com carteira assinada. O Comércio jalesense abriu 14 empregos, mas, em compensação, a Indústria e o setor de Serviços fecharam 20.

Com o saldo negativo de outubro, Jales contabiliza, nos primeiros dez meses de 2018, a abertura de 123 novos empregos, resultado que, em 16 anos, só é melhor que os primeiros dez meses de 2016, 2015 e de 2014.

Enquanto Jales abriu 123 novos empregos de janeiro a outubro, Santa Fé do Sul já abriu 745 novos postos de trabalho, enquanto Fernandópolis gerou 744. Votuporanga, com apenas 106 novos empregos em 2018, é a pior da turma.

Mas não é só para Santa Fé do Sul e Fernandópolis que Jales está perdendo na geração de empregos. Nós estamos atrás, também, de Santa Albertina, que, nos dez meses de 2018, já produziu nada menos que 175 novos empregos, ou 52 a mais que Jales.

7 comentários

  • Coitado dos desempregados.

    E os nossos governantes preocupados em fazer empréstimo, aff.

  • observador

    Enquanto isso lah em SANTA FE DO SUL, depois do termino da ampliaçao da POLO CLIMA(+5000M2), de fabrica; irah gerar mais 200 novos empregos, e a MSF(molas STA FE), estah tbm ampliando o terceiro modulo(+2000m2), gerarah mais 100 vagas, o frigorifico convocou mais 100 candidatos p/ o turno noturno(totalizando 572 vagas). A RAGUIFE(leia-se GRUPO AMBAR AMARAL), hoje ela estah moendo 360 tons/dia de raçao e a meta eh moer 500 tons/dia; isso necessitarah de mais maos de obras e que sua frota logistica hj conta com 37 caminhoes e em breve completarah 50 caminhoes, isso tbm gerarah mais maos de obras/motoristas. Jah começaram a terraplanagem p/ a construçao das 250 casas do CDHU, soh no alojamento da empreiteira existem acomodaçoes p/ 80 pessoas fora as pessoas que irao recrutar de SANTA FE DO SUL, E que a ENGERB estah duplicando uma das vicinais tornando-a numa avenida(saida do B.SAO FRANCISCO), soh p/ servir o seu loteamento e tbm p/ a construçao das 300 casas populares que irao construir(minha casa minha vida do gov.federal)., tbm precisarao de maos de obras. E pelo que comentam, a ZIPPY ALIMENTOS, irah reabrir a piscicultura/frigorifico e serao mais 400 vagas de empregos.

  • Eufly jalez

    E nosso prefeitinho que dizia ser influente!! Babaca! Fra nunca mais.

  • Paulo

    Aqui em Jales funciona assim,nenhum político vai atrás de empresas ,quando alguma quer vir,a prefeitura não tem condições de doar terrenos,estamos perdendo para bertina pode ,não desmerecendo Santa Albertina falo pelo tamanho das cidades e jalão toda troca de prefeito eu falo agora vai e num vai,nem a situação do aeroporto eles resolveram fica lá atravancando aquela região da cidade parece-me que a fuga o frigorífico não conseguem ampliar por isso,vou parar porque aja problema que não resolvem , rodoviária,etc etc…

  • Eu

    Mas agora o vice governador para o ano que vêm é:
    PADRINHO POLÍTICO DO PREFEITO!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *