JALES TERÁ CASAMENTO ENTRE DUAS MULHERES

A novidade está no jornal Folha Noroeste, que publica os editais de proclamas do nosso Cartório do Registro Civil. Natália Fernanda, de 25 anos, e Sara Larissa, que completará 29 anos em agosto,  decidiram levar os documentos até o Cartório para juntar, oficialmente, as escovas de dentes.

Posso estar enganado, mas acredito que se trata da primeira união civil entre pessoas do mesmo sexo – ou casamento gay, como dizem por aí – registrada aqui em Jales.

28 comentários

  • Sandra Regina

    FELICIDADES PARA ESSE CASAL, AFINAL O QUE IMPORTA É SER FELIZ! PARABÉNS MENINAS!!!

  • Carla Ayres

    Amigo Cardosinho, que ótima notícia.
    Apenas um pequeno detalhe burocrático que União Civil e “Casamento” ainda são coisas diferentes em se tratando de casais homoafetivos.
    Sendo que para o segundo caso elas ainda precisarão, se for o caso e desejarem, pedir uma conversão da União Estavel em Casamento. E neste caso ainda dependemos da boa vontade e da boa interpretação dos juizes.
    Em todo caso, vida longa às pombinhas…

    • Anônimo

      …isso porque a CONSTITUIÇÃO não considera duas pessoas do mesmo sexo como CASAL!!!
      SENDO ASSIM, UNIÕES DESSE TIPO NÃO SÃO CONSIDERADAS CASAMENTO!!!

  • Guilhermina

    O pior é que a ku klux klan lá no inicio do seculo passado, qdo fazia atrocidades com as pessoas negras, também se escondiam no anonimato, ou sejas os preconceituosos continuam covardes.

  • Carla Ayres

    Não queria estender demasiadamente o debate, que confesso ser exaustivo. E, devido ao fato também, de que provavelmente o post do amigo Cardosinho teve um intuito muito mais informativo que causador de polêmica. Mas, uma vez no assunto, vamos a ele.
    Creio que o anonimato do amigo(a) acima pode ter fundamento, sim no preconceito/estranhamento alastrado em nossa sociedade machista de sexualidade/identidade/afetividade fundada no binarismo homem-mulher.
    O que se busca e tenta-se conseguir é apenas a IGUALDADE tão bem defendida e supostamente garantida pela CONSTITUIÇÃO.
    No entanto a população LGBT, assim como os Negros já passaram (e passam)tem sido alvo (sempre foi, no entanto temos tido maior visibilidade) de ataques vergonhosos (concomitantes a conquistas importantes, mas não suficientes, como é o caso do fato exposto no post).
    Segue abaixo trecho do artigo publicado hoje por Toni Reis – presidente da ABGLT – Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais – publicado integralmente aqui (http://www.abglt.org.br/port/basecoluna.php?cod=236)

    “A igualdade é uma das questões no cerne deste debate. O Brasil é um estado laico – não há nenhuma religião oficial, as manifestações religiosas são respeitadas, mas não devem interferir nas decisões governamentais – e o País é regido por uma Lei Magna, a nossa Constituição Federal. E a Constituição garante que todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, e que não haverá discriminação. Por isso as proposições legislativas que visem a restringir nossos os direitos se veem derrotadas uma a uma.

    No caso da população LGBT no Brasil, ainda não temos igualdade de direitos em todos os quesitos, e ainda sofremos muita discriminação. Os dados oficiais do governo federal para o ano 2011, obtidos através do módulo LGBT do serviço telefônico Disque-denúncia, revelam que houve 6.809 denúncias de violações de direitos humanos de pessoas LGBT, representando 18.6 violações por dia. As violências mais denunciadas são as de ordem psicológica (42.5%), por discriminação (22.3%) e a violência física (15.9%).

    Este quadro, e incluindo também o elevado nível de assassinatos, se repete todos os anos no Brasil. Apesar disso, o Congresso Nacional tem sido omisso e em 11 anos não aprovou nenhuma proposição em resposta a esta situação. Esta omissão é mais um sinal de desrespeito aos preceitos constitucionais da igualdade, da não discriminação, da dignidade humana, entre outros e, acima de tudo, um sinal claro do desrespeito e da indiferença quanto à situação vivida pela população LGBT. Diante disso, não podemos mais ficar de braços cruzados e aceitar o descaso. Buscamos junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) a possibilidade do reconhecimento de nosso direito à proteção jurídica contra a violência e a discriminação homofóbica, como já existe em 58 países.”

    • O Anônimo

      …Como assim??? Preconceito!?!?! Eu nem dei minha opnião.. apenas relatei um FATO!!!
      Mas é impressionante… é só alguém não aplaudir a causa GAY que já é considerado PRECONCEITUOSO.
      Nesse país podemos falar mal de todos, da Presidenta, dos Evangélicos, do Papa… e até de Deus!!! Mas dê a sua opnião contra a de um Gay e vc já é considerado homofóbico.
      Acho sim que a classe gay deve lutar pelos seus direitos, só não devem querer obrigar todos acharem lindo e concordarem. Vocês que querem tanto defender a liberdade são os primeiros a Não respeitarem a liberdade dos que apenas tem uma opnião contrária.. isso não é homofobia… HOMOFOBIA É A VIOLÊNCIA CONTRA O GAY… e pra isso já existem leis que protegem todos os cidadãos.

  • Anônimo Func. Publico

    Você já leu um post do amigo Cardosinho que seja elogio ou crítica construtiva. Estou aguardando.

  • Júlio

    kkkkkkkkkkkkkkkk,

    Vai corinthiansss!!!!! kkkkkkkk

    Só que devem torcer para outro time…kkkkk

  • debora moreira

    olá ,
    quando sera realizada a cerimonia?

  • anonimo

    também acho que não são preconceituosas as pessoas
    que não concrodam, e sim que cada um tem o livre arbitrio de pensar do jeito que quizer…
    do memos jeito que uns acham que é certo outros acham que não!!!
    também é preconceituoso vcs terem preconceito de gordinhos de pessoas feias para os olhos de vcs claro!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • felicidade

      mas pelo que sei na biblia conta , pra bom entendedor que mesmo na época de cristo ja existia homossexualismo, é so vc cs procurarem , porque a cidade de codoma e porque ela foi destruida, entre outras paginas da biblia, nao sou preconceituosa, cada um que viva que desejar e que acha que lhe faz bem, .

  • anonimo

    gostaria de saber em qual lei de DEUS que diz que as pessoas devem ser unir com mesmo sexo
    isso não é preconceito só é biblico…………….

    • JOÃO

      nem todos acreditam na biblia e o DEUS que vcs tanto idolatram é o mesmo DEUS que ama qualquer filho como ele seja. SE ISSO FOR MENTIRA que me julgue!

  • Natalia e sarah

    Agradecemos os elogios de muitos e lamentamos o ignorante preconceito de poucos…. O casamento foi maravilhoso e estamos mto felizes.

    Obrigada pelo apoio de muitos comentarios aki deixados…
    Naty e sah

  • ..

    “Triste época ! É mais fácil desintegrar um átomo que um preconceito.” (Albert Einstein)

  • Anônimo

    uruuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu

  • dany...

    achei interresante saber q uma cidade como jales,acontesse um casamento GAY,fico feliz por estarmos assim tão atualizados….vcs sabem me dizer se ja teve mais algum casamento GAY aqui em jales fora esse?

  • lucilene

    parabéns as duas que elas sejam muito felizes!!!!!!!!! E elas sabem que terá que enfrentar varios preconceitos,porque o que mais tem aqui em jales é pessoas preconceituosas…Mais uma vez meninas Parabéns!!!

  • anonimo

    Basta!!! O Sodomismo

  • anonimo

    cria vergonha deus deixou certo o homem e amuher tem muito homem bonito aqui em jalles

  • anonim o

    homem bonito em jales? tem muitos mas nao guenta bancar um lar, agua , luz, aluguel, e papapapapa nao quer responsabilidade, entao mulheres sao MAIS FIRME
    HEHEHEHEHEHEHEHEHEHEH

  • anonima

    pois e ne tem, gosto pra tudo ne faze o que ne so sei que Deus não gosta disso não, pois se ele gostasse ele so tinha feito o home ou a mulher ne povao

  • Anônimo

    eta povao rui de portugues ; aviso as aulas vao voltar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *