LEITOR QUESTIONA DEMORA DA POLÍCIA AO ATENDER ACIDENTES

Quem ouviu o noticiário policial desta segunda-feira deve ter percebido o expressivo número de acidentes registrados no final de semana. Somente na Avenida “Paulo Marcondes” foram dois ou três acidentes, todos envolvendo motos. Num deles, um pedreiro de 52 anos perdeu a vida.

Pois bem, hoje à tarde, um leitor do blog mandou e-mail sobre o assunto, onde ele questiona sobretudo a demora da polícia para chegar ao local dos acidentes. Vejam o que o leitor escreveu: 

Cardosinho, boa tarde!
Me corrija se eu estiver errado. Não tenho dados estatísticos, mas tenho observado que a quantidade de acidentes que ocorrem em nossa cidade teve um aumento significativo. Vou citar 2 casos que presenciei só neste final de semana na mesma esquina, na Av. Paulo Marcondes, com a Rua Adelmo Bocchi, defronte a Igreja Batista e próximo à minha residência.

O primeiro ocorreu na sexta à noite envolvendo um carro e uma moto (entregador de pizza) e o outro ocorreu no domingo à noite envolvendo um ônibus (que tinha acabado de deixar os fiéis na Igreja), uma moto e um carro (que quase passou por cima do motociclista caído no asfalto). Nos 2 casos o SAMU prestou atendimento com máxima rapidez e eficiência, já a nossa polícia deixou a desejar.

No segundo caso por exemplo, a ambulância do SAMU saiu do local com a vítima e a polícia ainda não havia dado o ar da graça para colocar ordem no trânsito e registrar a ocorrência. Quanto ao trânsito não sei se há alguma coisa a se fazer com os maus condutores jalesenses, que ao meu ver estão cada dia piores, mas o que mais me chamou a atenção foi a demora da polícia para chegar no local do acidente.

16 comentários

  • Dunha

    19:30 é o horario de pico das caminhadas no Jales Clube deve ser por isso a demora…hehehhee

  • Anônimo

    Realmente está ruim o atendimento. Liguei do celular na PM – 190 – esses dias e caiu em São José do Rio Preto.

    Outra vez liguei do fixo para dar jeito no som automotivo dos desoculpados… demoraram mais de uma hora para resolver aparecer

  • Fiel

    Realmente o atendimento da nossa Policia Militar esta deficiente, sempre a mesma ladainha não tem viatura disponível no momento.

  • Anônimo

    Concordo plenamente com os comentários acima o atendimento da nossa Policia Militar esta péssimo. A noite quando solicitamos a Policia para resolver alguns problema de perturbação e sempre a mesma coisa as viaturas esta em diligencias e pede para aguardar.

  • anônimo

    criticar é a coisa mais fácil do mundo, principalmente quando estamos confortavelmente sentados numa cadeira de frente a um PC.

  • Polícia para o povo

    Que bom seria poder enviar essa mensagem para a direção de nossa polícia e solicitar explicações, já que os policiais são funcionários públicos e pagos com nosso dinheiro, portanto, devem ao menos, obrigações à população quando ocorrem situações desta apresentada. Com a palavra a direção de nossa polícia.

  • Marquito

    Essa de que não tem viatura no momento é a pior, estou cansado de passar pelo batalhão da PM e ver muita mas muita viatura parada lá, se tem um lugar protegido em Jales é o Batalhão da PM.

  • Pit Bull

    Entendo ser interessante, a distribuição de viaturas em pontos estratégicos – viatura o pátio está cheio, não sei se tem verba pra combustível – no período diurno com blitz, deixando a ronda para o período noturno .

    Como : – Pontilhão próximo o portal;
    – Rotatória próxima a Polícia Ambiental;
    – Rotatória saída para Santa Albertina;
    – Proximidades do campo – saída Paraiso, etc…

    É simplesmente uma proposta, o fato deve ser avaliado pela autoridade competente, quanto, aos eixos de maiores riscos de acidentes, fluxos de veículos, maiores pontos de incidências de furtos,etc..

    Acredito que haveria economia de combustível e agilização nos atendimentos.

  • eloiza

    Desculpe ( digo) Jales.

  • Anônimo

    Realmente o pátio da companhia da polícia militar está sempre repleto de viaturas, isso é fato, mas tem outra questão que não está sendo levada em consideração: para que viaturas se desloquem da base até o local de uma determinada ocorrência é necessário que haja policiais para conduzi-las e, essa é uma deficiência na instituição. Acho pertinente esse questionamento e entendo a revolta, mas é uma responsabilidade do governador.

  • colega

    Realmente o pátio da PM está sempre cheio de viaturas, porém deficiente não é a quantidade de viaturas e sim de policiais que são em números bem menores do que os necessários para a cidade.Por vezes acontecem 2 ou até 3 acidentes quase que ao mesmo tempo, até mesmo porque nunca vi tanta gente que dirigi mal como nesta cidade; desta forma fica difícil a PM chegar em todos esses locais ao mesmo tempo; e sem contar que a policia tem outros serviços a fazer, não só atender acidente de trânsito.
    É muito fácil criticar a polícia quando se não sabe o que realmente se passa lá dentro.
    Que tal reclamar com o nosso digníssimo governador, que forma em média 1.200 PMs a cada 3 meses e não deixa que os mesmos saem da capital para trabalhar no interior?

  • Pit Bull

    Estimados Anônimo e colega,

    Concordo com seus comentários quanto a escassez de recursos humanos para o trabalho de “campo”.

    Entretanto, se voltarmos para as atividades burocráticas, vamos nos deparar com policiais treinados para ação ostensiva/preventiva, ocupando espaços de escriturários, principalmente, nos maiores comandos da corporação.

    O que precisa ,realmente, é o comando maior da instituição sair da mesmice e propor ao orgão governamental, nova política de segurança pública.

    Acredito que a unificação das policias civil e militar, seria um gigantesco passo na performace da ação policial ; com otimização dos recursos humano/material, além do ganho financeiro.

    Seria hipocrisia, não aceitar que o egoismo, a sensação de perda de poder, o estrelismo da patente, etc.., seriam fatores inibidores para o avanço neste sentido.

  • Ungida

    Criticaram os radares.ta aí.Na Paulo Marcondes,precisamente no inicio dela próximo ao hospital da boca precisa ser colocado quebra molas as motos principalmente passam em sua maioria em alta velocidade.

    • Anonimo

      Se colocar quebra molas as motos passam correndo da mesma forma, sou a favor dos radares sim, mas que coloquem radares fixos onde é preciso.
      E que tal fazer uma rotatória nos cruzamentos das marginais da rodovia euclides da cunha com a avenida joão amadeu?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *