BRASIL SÓ ESTÁ CRIANDO EMPREGOS DE ATÉ DOIS SALÁRIOS MÍNIMOS

Com informações da Folha de S.Paulo:

O Brasil só criou empregos formais, neste ano, com remuneração de até dois salários mínimos (R$ 1.908,00). Em todas as faixas com salário maior do que dois mínimos, foram fechadas vagas de trabalho. Ou seja, as demissões foram maiores que as contratações entre os assalariados que ganham mais.

Norte e nordeste têm situação mais dramática: lá, a magra abertura de empregos teve o teto de apenas um salário mínimo (R$ 954).

A fragilidade dos dados sobre o emprego fez o Ibre (Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas) revisar a projeção de 800 mil vagas para 2018, que agora baixou para 630 mil. O Ministério do Trabalho não quis comentar os números.

Em 2017, quando a reforma trabalhista foi aprovada, o governo Temer – e o ex-urubólogo Alexandre Garcia também – dizia que seriam abertos dois milhões de novos empregos 

Agora o dado que que vai deixar os coxinhas nervosos. Segundo a Folha golpista, “anos atrás, o Brasil criava oportunidades com remunerações maiores. No primeiro trimestre de 2008, por exemplo, foram geradas vagas de até quatro salários mínimos e também de sete a dez”.

2008? Quem era mesmo o presidente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *