ESQUINA DA SAUDADE

Uma das mais antigas e tradicionais residências da nossa cidade está sendo demolida. Trata-se da casa localizada na esquina da Rua 11 com a 10, onde por muito tempo residiram o senhor Sebastião Moraes e família. Segundo o livro “Precursores e Pioneiros”, do nosso historiador Genésio Mendes Seixas – Gê da Marina, para os íntimos – o senhor Sebastião Moraes foi o proprietário do primeiro estabelecimento farmacêutico registrado em Jales.

Por aqui, pouca gente parece ter notado a demolição, mas, na internet, o assunto já ganhou as redes sociais, como o Facebook, onde o pessoal da comunidade Jales Forever, a maioria morando fora de Jales, relembra fatos acontecidos naquela esquina, que, nos anos 70, era uma das mais frequentadas pelos casais de namorados. Era, por assim dizer, o point da juventude da época.   

Vejam o que escreveu, por exemplo, o Ivan de Carvalho, que eu não sei por onde anda:    

  • Ivan de Carvalho quem lembra quando o seu moraes passou graxa nas madeiras em frente à sua casa, pra ninguem sentar….ficavamos todos empoleirados na frente da casa dele……..
  • 4 comentários

    • Meu querido, Ivan e Melão moram em São Sebastião e ele tem uma Jetmarine. Estes são os anfitriões do JF nesta semana.
      Abraços

    • anonimo

      sera q os seguranças do ame não poderiam passar por um treinamento para tratar melhor os pacientes que por ali passam.
      ondtem fui levar minha esposa para uma consulta quando fui abordado por um senhor “Eduardo” de maneira quase selvagem fiquei assustado com a forma em que ele me abordou.
      você não pode entrar aqui.
      ele nem sabia o que iria fazer. foi presciso a intervenção da assistente socialpaara que eu pudesse esperar por minha esposa na recepção
      cardosinho você sabe se eles passam pór algum tipo de treinamento ou esse senhor essta simplesmente de mau humor

    • marcião

      cardosinho fui quem postou o comentário sobre o ame
      desculpe ter mandado anonimo

      • Preclaro Marcião, o mais provável é que o cidadão estava de mau humor mesmo. Quem garante que a sogra do segurança não foi visitá-lo no fim de semana? Ou quem sabe não foi o frango do Júlio César que estragou o humor dele? Confesso que a minha segunda-feira também foi de muito mau humor, principalmente por conta das mensagens que alguns santistas me mandaram. Seja compreensivo com o segurança.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *