SEM PRESSA DE ECONOMIZAR

Assim não dá! Passava um pouco das sete da manhã e já recebo a primeira reclamação do dia. A proprietária da empresa Ki-Pão, que fornecia os pães para a merenda escolar, disse que a Gente Nutrição Ltda ainda não pagou os R$ 16 mil que estão pendurados já há algum tempo. Segundo ela, a Prefeitura teria pago, na semana passada, cerca de R$ 300 mil à empresa Gente, mas, mesmo assim, os fornecedores da empresa responsável pela merenda escolar continuam a ver navios. 

Por outro lado, o prefeito Parini continua sem assinar o novo contrato com a Gente Ltda, apesar de já estar fazendo quase um mês que a empresa ganhou a licitação aberta pela Prefeitura de Jales. Na segunda-feira, os alunos da rede municipal voltam às aulas e, enquanto não se assina o novo contrato, a Prefeitura vai continuar pagando R$ 1,64 por refeição. Como se sabe, quando o novo contrato for assinado, as refeições passarão a custar R$ 1,39, ou seja, vinte e cinco centavos a menos, por refeição, diferença que significaria uma economia mensal de mais de R$ 30 mil para os combalidos cofres municipais. Mas, pelo jeito, ninguém está com pressa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *