SÓCIO DA GLOBO QUE JÁ TRABALHOU EM JALES ADMITE TER PAGO PROPINA PARA RICARDO TEIXEIRA

Nos tempos em que era pobre, J.Hawilla trabalhou na Rádio Assunção de Jales. E vamos agora à notícia que o Alexandre Garcia não vai comentar. Deu no Brasil 247:

Sócio da Globo, o ex-repórter esportivo e presidente da Traffic Assessoria e Comunicações, José Hawilla, prestou depoimento no caso Fifa nesta segunda-feira 4 na Suprema Corte do Brooklyn, nos Estados Unidos, chamado pelo governo norte-americano.

Com um tubo de oxigênio, J. Hawilla revelou ter pago propina para Nicolas Leoz, ex-presidente da Conmebol, Julio Grondona, ex-presidente da Federação Argentina, morto em 2014, e Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF.

Ele contou ainda que foi sócio da empresa argentina TyC (Torneos y Competencias), responsável pelo pagamento de propina e que negociava direitos de transmissão e anúncios em campeonatos como a Copa América e a Libertadores da América.

Depois de ter sido repórter de campo, Hawilla foi diretor de esportes da Rede Globo em São Paulo. Em 2003, fundou a TV TEM, sigla de Traffic Entertainment and Marketing, que forma uma cadeia de TVs afiliadas da Rede Globo no interior de São Paulo.

As TVs de Hawilla cobrem quase metade do estado de São Paulo: 318 municípios e 7,8 milhões de habitantes, alcançando 49% do interior paulista. Entre as cidades cobertas estão, São José do Rio Preto, Bauru, Sorocaba e Jundiaí.

Hawilla comprou também do Grupo Globo, em 2009, o Diário de São Paulo. Ele já era dono da Rede Bom Dia, de jornais em cidades da área coberta pela TV TEM.

12 comentários

  • Institutos de Pesquisas

    Lula é praticamente dono dos institutos de pesquisas. Mas derrota do PT nas últimas eleições desmente a fraude do primeiro lugar.
    “Eu quero aparecer em primeiro lugar”.
    O PT foi o partido que mais distribuiu dinheiro aos institutos de pesquisas do Brasil.
    Os escândalos envolvendo repasses milionários ao IBOPE, ao UOL, do Grupo Folha, que controla o DataFolha, e outros institutos podem ser encontrados em qualquer pesquisa no Google.
    Não há qualquer dúvida de que Lula e o PT usaram BILHÕES do dinheiro do contribuinte para aparelhar não apenas o estado, as universidades e os meios de comunicação.
    Os institutos de pesquisas sempre representaram uma ferramenta estratégica para os governos petistas não apenas em tempos de eleição, mas para auferir a satisfação da população com seus governantes.
    Lula é praticamente o dono dos institutos, tendo em vista a fortuna que distribuiu aos grupos controladores.
    Mas as últimas eleições municipais comprovaram que Lula e o PT não estão com esta bola toda, após a crise econômica sem precedentes que levou mais de 1 milhão de empresas à falência e deixou 14 milhões de desempregados em todo o país.
    No lugar de realizar uma autocrítica e reconhecer seus erros e os danos que causaram ao país, todos, absolutamente todos no PT permaneceram com a mesma arrogância e prepotência, desafiando a sociedade com seu cinismo e suas mentiras.
    Veio então as eleições municipais e o povo pôde finalmente dar sua resposta.
    Em São Paulo, o candidato Haddad sofreu uma das mais humilhantes derrotas do país e foi devolvido ao PT já no primeiro turno.
    No ABC de Lula, o berço da república sindical, outra derrota humilhante.
    No Brasil, o PT perdeu mais de 400 prefeituras, elegeu apenas 1 prefeito em mais de 100 cidades com mais de 200 mil habitantes, ficando apenas com prefeituras de cidades inexpressivas.
    Apesar do favoritismo dos candidatos petistas nas pesquisas divulgadas às vésperas das eleições, o PT não elegeu nenhum prefeito de capital não apenas no nordeste, mas praticamente em todo o país, ficando apenas com Rio Branco, no Acre.
    Marcus Alexandre (PT-AC) se elegeu mais pela influência dos Jorge e Tião Viana do que propriamente pelo apoio de Lula.
    O petista, que não conseguiu eleger o seu filho vereador em São Bernardo do Campo, aparece agora em primeiro lugar nas pesquisas nas pesquisas na disputa pela Presidência da República em 2018.
    Quem pode acompanhar alguns videos das ultimas caravanas de Lula, onde ele é hostilizado e chamado de ladrão por todas as cidades que percorreu, fica difícil acreditar nas pesquisas recentes.

  • Antonio Carlos Pinto

    O assunto não é instituto de pesquisa e sim corrupção na Fifa, CBF executada pela Globo. O que vc tem a dizer meu caro “Institutos de Pesquisas”? Ficou mudo….

  • Hawilla e o plim plim

    Certamente, Hawilla tem uma franquia da famosa rede globo de televisão sendo que ficou milionário pagando propinas para transmitir jogos e fazer anúncios, nos estádios de futebol.
    Logo, a Globo também pagou propinas para transmitir jogos de todos os campeonatos, na hora que quisesse e ate no dia que lhe conviesse. Se não pagasse, não teria o domínio do mercado do futebol!
    Hawilla e a Globo vão pagar milionárias multas para fazerem um acordo de leniência nos USA sendo que vão continuar fortes e milionários.

  • Mais uma vez um encéfalo, desprovido de qualquer inteligência humana, tendo dentro de seu cérebro um monte de merda, abriu sua latrina, pois o assunto em questão é a propina do sócio da Globo paga a Ricardo Teixeira e não sobre pesquisas sobre o PT e Lula.
    O Imbecil agora vem com a conversa que Lula é dono dos institutos de pesquisas, só por ai da para perceber o quanto o pseudo é um analfabeto e desprovido de massa cinzenta. Agora uma pergunta para o babaca quem ganhou a ultima eleição para presidente do Brasil, foi Dilma ou foi o Aécio? E como o mesmo pode soltar merda para todo lugar e falar que o PT perdeu nas ultimas eleições, pois para nos o que interesse é e será sempre o poder federal e também é claro o Estadual, que em SP ficou na mão de Alkimin..
    Como o insano pode afirmar que o PT foi o partido que mais deu dinheiro para o IBOPE, ao UOL, e o Data Folha, pois esses institutos são todos ligados a direita brasileira até hoje e consequentemente a Globo e o PSDB?Só um desequilibrado ,mental pode querer insinuar tal asneira.
    Se o PT usaram Bilhões do contribuinte para aparelhar o Estado, as universidades e os meios de comunicação, qual o problema, pois isso é competência do Estado ( União ) seu Jumento. Sua burrice é tão grande que a impressão que tenho é que quem escreveu este texto não passa de um Jumento e sem cabresto. Falando em dinheiro onde estão: os 51 milhões do Geddel ?, de onde foi tirado os 150 bilhões que Temer doou para os deputados não deixarem ele ser processado pelo STF?, de onde foi tirado os 200 milhões que Temer doou para os prefeitos o ajudarem a aprovar as mudanças na Previdência
    Jumento você e o Juiz |Moro tem como provar ou já provou que Lula faliu 1 milhão de empresas no Brasil? Seu Estrume no Brasil não existe 1 milhão de empresas e quando Dilma foi tirada do poder no Brasil existia 11 milhões e 500 mil desempregados e atualmente são quase 14 milhões seu gnomeo .
    Preste atenção na aula econômica que vou lhe dar:
    1***Indicador divulgado pelo IBGE revela a catástrofe brasileira: depressão econômica produzida pelo golpe produziu 13,5 milhões de desempregados; no fim de 2014, último ano em que a presidente Dilma Rousseff conseguiu governar, o Brasil alcançou a menor taxa de desemprego de sua história, que era de 4,8%; estrago foi consequência da sabotagem promovida pelo Congresso, capitaneada por Aécio Neves e Eduardo Cunha com o “quanto pior, melhor”, para promover o golpe, e da quebra de setores como os de construção, óleo e gás e indústria naval.
    ****A taxa de desemprego no Brasil ficou em 13,7% nos três primeiros meses deste ano; a depressão econômica provocada pelo governo Temer já produziu 14,2 milhões de trabalhadores sem emprego, um recorde da série histórica do IBGE; este contingente subiu 15% frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016, quando a desocupação foi estimada em 12,3 milhões de pessoas.
    2***Economia governo Dilma-**Dilma recebeu uma economia com bom desempenho dos últimos anos do governo de Luiz Inácio Lula da Silva e, apesar da desaceleração, conseguiu mantê-la com crescimento positivo até o final de 2013. No ano seguinte, em que a petista disputou a reeleição, o país ficou estagnado.
    3***Juros no governo Dilma:**Dilma herdou uma taxa de juros alta para os padrões internacionais, mas de acordo com o histórico brasileiro. Em seu primeiro mandato, a taxa Selic caiu para 7,25%. A Selic é a taxa de referência dos juros pagos pelo governos em seus empréstimos e norteia o comportamento das demais taxas aplicadas em operações de crédito. A presidente também reduziu as taxas praticadas pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil, o que influenciou na diminuição da taxa praticada por bancos privados. Em março de 2013, a taxa média de operações de crédito com pessoas físicas e jurídicas caiu a 21,3%. Juros baixos estimulam empresas a investirem e os consumidores, a comprarem mais produtos, aquecendo a economia. A queda da Selic também provoca a redução dos juros que incidem sobre parte da dívida pública do governogo.
    4***Evolução dos preços no governo Dilma:**A inflação anual medida pelo IPCA ficou acima do centro da meta estabelecida pelo Banco Central, de 4,5%, em todo o período Dilma, mas se manteve até 2014 dentro da faixa de tolerância, de até 6,5%. No ano seguinte à sua reeleição, o país enfrentou um pico inflacionário de 10,67%. Essa alta foi provocada, entre outros motivos, pela liberação de preços controlados pelo governo, como combustível e energia, mantidos artificialmente baixos no final do primeiro mandato da petista, e pela alta do dólar.
    5.**O desemprego no governo Dilma** A taxa de desemprego permaneceu baixa e estável no primeiro mandato de Dilma, uma das conquistas do período do governo Luiz Inácio Lula da Silva utilizada como trunfo do PT em campanhas eleitorais. No segundo semestre de 2015, contudo, a taxa começou a subir e superou a marca dos 7% no primeiro trimestre de 2016, algo que não ocorria há nove anos no Brasil.
    }6.***Combate a pobreza no governo Dila*** A taxa de desemprego permaneceu baixa e estável no primeiro mandato de Dilma, uma das conquistas do período do governo Luiz Inácio Lula da Silva utilizada como trunfo do PT em campanhas eleitorais. No segundo semestre de 2015, contudo, a taxa começou a subir e superou a marca dos 7% no primeiro trimestre de 2016, algo que não ocorria há nove anos no Brasil.
    7.***Combate a pobreza no governo Dilma**Dilma manteve a trajetória de queda da pobreza ao longo do seu primeiro mandato, reduzindo de 18,4% para 13,3% a proporção de pobres em relação à população total. Ainda não há dados disponíveis para o ano de 2015.
    8***Salário minimo no governo Dilma**O salário mínimo manteve a trajetória de ganhos reais, acima da inflação. Isso foi possível devido à continuidade da política de reajuste que soma a inflação do ano anterior mais o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) de dois anos antes. Essa regra está definida em lei e vale até 2019. Como a economia ficou estagnada em 2014, enfrentou recessão em 2015 e deve continuar retraída neste ano de 2016, o salário mínimo
    Seu analfabeto politico da direita golpista brasileira trocou de assunto levou no rabo.
    Mas meu caro escrever que o PT comprou o IBOPOE, o UOL, a DATA-FOLHA, O IBGE em todas as pesquisas além de burro tens as orelhas do mesmo e até relincha igual.
    Por favor se coloca debaixo da cama e nem me responda, pois ai a vergonha vai ser maior .kkkkkkkkkkkkkkk

    OBS***OBS***OBS No dia em que a população cruza os braços na maior greve geral da história recente do País, o IBGE divulga dado sobre o desemprego que confirma a indignação dos brasileiros contra Michel Temer; taxa de desemprego no Brasil ficou em 13,7% nos três primeiros meses deste ano; PSDB e depressão econômica de Temer dobraram o número de desempregados que hoje são 14,2 milhões de trabalhadores; um recorde da série histórica do IBGE; este contingente subiu 15% frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016, quando a desocupação foi estimada em 12,3 milhões de pessoas; no confronto com igual trimestre de 2016, o desemprego subiu 27,8%, significando um adicional de 3,1 milhões de pessoas desocupadas na força de trabalho.
    Tolo ahahahahahahahahah.

  • PSEUDO BABACA atenção não é comprada:—

    Na pesquisa do instituto Ibope foi divulgada nesta segunda-feira (30) com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018.
    O Ibope ouviu 2.002 pessoas, em 143 municípios, nos dias 18 e 22 de outubro de 2017. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.
    O nível de confiança da pesquisa divulgada nesta segunda-feira, segundo o Ibope, é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos percentuais, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.
    De acordo com o instituto de pesquisa, as perguntas nas quais a soma das porcentagens não totalizam 100% são decorrentes de arredondamentos ou de múltiplas respostas.
    Pesquisa estimulada
    Veja os resultados nos cenários estimulados, nos quais os pesquisadores apresentam uma lista de possíveis candidatos à Presidência:
    >>> Cenário 1:
    Lula (PT): 35%
    Jair Bolsonaro (PSC): 13%
    Marina Silva (Rede): 8%
    Geraldo Alckmin (PSDB): 5%
    Luciano Huck: 5%
    João Doria (PSDB): 4%
    Ciro Gomes (PDT): 3%
    Álvaro Dias (Podemos): 2%
    Ronaldo Caiado (DEM): 1%
    Chico Alencar (PSOL): 1%
    Henrique Meirelles (PSD): 0%
    João Amoêdo (Novo): 0%
    Em branco/nulo: 18%
    Não sabe/não respondeu: 5%
    Gostou.

  • PSEUDO AMEBA–não foi e não é comprada

    Lula lidera corrida presidencial em 2018, mostra Ibope
    Ex-presidente teria 35% dos votos; Bolsonaro, em 2º, tem 13%.
    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lidera com folga a corrida presidencial para 2018, mostrou neste domingo (29) uma pesquisa realizada pelo Ibope e divulgada pelo jornal “O Globo”.
    Se as eleições fossem hoje, Lula teria 35% dos votos contra 13% do deputado federal Jair Bolsonaro – na pesquisa estimulada, quando os nomes dos possíveis candidatos são falados pelo entrevistador.
    Após os dois, aparecem a ex-senadora Marina Silva, com 8%, seguida pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e pelo apresentador de TV, Luciano Huck, com 5% cada. Já o prefeito de São Paulo, João Dória, tem 4% dos votos e o ex-ministro Ciro Gomes aparece com 3%.
    A pesquisa também simulou um resultado sem Lula e, neste caso, Bolsonaro e Marina lideram com 15% das intenções de voto. Huck (8%), Ciro (7%), Alckmin (7%) e Doria (55) vem na sequência.
    Que lindo!!

  • Pseudo Ameba não é comprada pois o PT não tem dinheiro:

    Lula lidera no 1º turno; Bolsonaro cresce e empata com Marina em 2º
    ELEIÇÕES – 15.10.2017
    UOL.

    O ex-presidente Lula (PT) lidera todos os cenários para o 1º turno da eleição presidencial de 2018, e nas simulações de 2º só é alcançado por Marina Silva (Rede) e Sérgio Moro (sem partido), com quem empataria em uma disputa direta.
    Tendo como base de comparação cenários já testados em pesquisas anteriores, o petista ampliou sua liderança, e agora tem Jair Bolsonaro (PSC), que obteve taxa expressiva de crescimento, como adversário mais próximo ao lado de Marina Silva.

    No cenário com Aécio Neves como candidato do PSDB, o ex-presidente petista tem 30% das intenções de voto (em dezembro de 2016, tinha 25%), e na sequência aparecem Bolsonaro, com 15% (tinha 9%); Marina, com 14% (tinha 15%); Aécio, com 8% (tinha 11%), Ciro Gomes, do PDT, com 5% (mesmo resultado anterior); Michel Temer, do PMDB, com 2%; Luciana Genro, do PSOL, com 2%; Ronaldo Caiado, do DEM, com 1%, e Eduardo Jorge, do PV, com 1%. Uma parcela de 17% votaria em branco ou anularia o voto, e 4% não opinaram.
    Com Alckmin como candidato tucano, Lula é escolhido por 30% (em dezembro, 26%), Marina tem 16% (tinha 17%) e empata com Bolsonaro, que aparece com 14% (tinha 8%). Na sequência aparecem Alckmin (6%), Ciro (6%), Temer (2%), Luciana Genro (2%), Caiado (2%) e Eduardo Jorge (1%). Os votos em branco ou nulo somam 16%, e 4% não opinaram.
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK……AHAHAHAHAHAHAHAHAHAH

  • LUPA

    LULA: “apareço com o dobro dos votos de todos os candidatos juntos”. Será ?.
    Na segunda feira (4), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva inciou em Vitória (ES) a terceira etapa da caravana Lula pelo Brasil. Nos últimos dias de novembro, deu uma entrevista à Agência EFE, falando sobre as eleições do ano que vem e as pesquisas de intenção de voto em que aparece liderando. A LUPA conferiu algumas frases ditas por ele nessa conversa.
    ” Em todas as pesquisas de opinião pública feitas, todos os meses, eu apareço com o dobro dos votos de todos os candidatos juntos”.
    Procurado para comentar esta checagem, o ex-presidente reconheceu o exagero. Em nota, sua assessoria informou que a frase foi “só uma construção verbal equivocada” e que Lula pretendia “dizer que tem mais votos que todos os candidatos juntos”.
    Mas essa frase também é exagerada. Em 62 cenários, apenas 14 mostram Lula nesta situação. São nove pesquisas estimuladas e quatro espontâneas feitas pela CUT/Vox Populi e uma pesquisa espontânea do Ibope.
    Nos outros 48 cenários, Lula tem menos votos do que a soma de seus adversários.

  • Lula e o "ja' ganhei"

    INSTITUTO DE PESQUISAS
    Não podemos afirmar que o PT e’ o dono das pesquisas porem sabemos que o Lula e’ o único candidato que tem interesse em pagar para fazer pesquisas, a quase um ano da eleição. E paga?
    Lula tem dinheiro para bancar as pesquisas assim mostrar que ele esta’ na frente então dizer que a “direita” estará condenando de seus crimes, alias muitos.
    Na tentativa de misturar eleição com crimes, pois não se mistura, Lula pode estar bancando as pesquisas e se e’ e’ verdade.
    E’ lamentavel

  • LUPA E LULA E O JÁ GANHEI o lamentável nisso tudo é dois debiloide só falar asneira. meu tempo é muito precioso para ler ou ouvir burros. tchau

  • J. Hawilla com passagem pela Rádio Assunção,quem diria! O homem não encontrou dificuldades pra subir na vida – corrigindo a frase:O homem não respeitou as dificuldades pra subir na vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *