ROBERTA CAMPOS – “CASINHA BRANCA”

Minha ex-colega de jornal A Tribuna, a Janete Fabiana – agora uma competente farmacêutica – é uma das pessoas que, de vez em quando, pede para ouvir a música “Casinha Branca“, no programa que apresento aos domingos, o Brasil & Cia, lá na Regional FM.

O detalhe é que ela faz questão de ouvir a versão do Gílson, que é a original, de 1976. Pessoalmente, prefiro a regravação da Maria Bethânia, do CD “Maricotinha ao Vivo“, de 2002. A interpretação da Maria Creuza, de 1991, também é bonita. Mas, a Janete prefere o Gílson.

Gílson Vieira da Silva, pode-se dizer, é um daqueles cantores de apenas um sucesso, feito o falecido piauiense João Só e sua “Menina da Ladeira“. Tanto que ficou conhecido como Gílson Casinha. Como compositor, porém, ele fez outras músicas interessantes. Duas delas foram gravadas pelo Emílio Santiago: “Lesões Corporais” e “Verdade Chinesa“.

É provável que a Janete vá continuar preferindo ouvir “Casinha Branca” com o Gílson, mas – moça aberta a novidades que ela é – aposto que vai gostar da releitura da mineira Roberta Campos, que pode ser ouvida no vídeo abaixo:

 

3 comentários

  • Gostei da interpretação mansa da Roberta Campos,não conhecia,a música se ajusta muito bem ao estilo-pop-folk da cantora.

  • Quanto aos cantores de apenas um sucesso,há vários casos no Brasil.E há algumas injustiças históricas também,como nos casos de Rosana (O amor e o Poder),Ritchie (Menina Veneno) e Biafra (Sonho de Ícaro),os três estão sempre associados a estes únicos sucessos,e não é o caso,eles emplacaram vários outros.O problema talvez seja que a música-carro-chefe dos três tenha se tornado maiores do que os próprios artistas.
    A Elis Regina,cantora que não se preocupava com ”paradas de sucesso”,disse certa vez que ia parar de cantar ”Romaria”,porque a música tinha se tornado maior do que ela(percepção que só os gênios tem).

  • JANETE FABIANA

    AMEIIIIII, AMEIIIII !!!! Belíssima a interpretação da Roberta Campos e que voz?! Suave e deliciosa de ouvir, confesso que gostei mais, a que a original do Gílson…rsrsrs. Há um tempo, estava em consulta médica com o renomado oftalmologista Dr Favaron, que é ouvinte assíduo do seu programa aos domingos e ele disse o seguinte: ” Que bom seria se o programa do Cardosinho pudesse ser diário, acredito eu, que muitas e muitas pessoas iriam gostar poder ouvir músicas de verdade”. Claro que tenho que concordar com a ideia, mas infelizmente sabemos que grande parte de população é bitolada em ouvir porcarias, afinal, aqui no Brasil para fazer sucesso precisa fazer porcarias! Cardosinho, amei amei essa nova interpretação, obrigada pela lembrança!!! Não nego, eu AMO MPB!!!! Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *