ZÉ RAMALHO – “ADMIRÁVEL GADO NOVO”

Como explica o livro “A Canção no Tempo“, o paraibano José Ramalho Neto é autor de uma obra surrealista, que funde o rock com o repente nordestino. Ele atingiu um de seus melhores momentos com “Admirável Gado Novo” que, gravada no LP “A peleja do diabo com o dono do céu”, de 1979, o tornou conhecido em todo o país.

Inspirada no título de um livro do escritor britânico Aldous Huxley, a composição comenta a sina do povão, que se repete a cada geração, manipulado pelos interesses dos poderosos. Lançada há quase 40 anos, a música de Zé Ramalho continua atualíssima.

Em sua composição, Zé Ramalho traça um paralelo entre a vida de parcela da nossa sociedade e a vida do gado, que não tem pensamento, nem ideologia e nem mesmo o senso crítico. O gado, como os manipulados de agora, apenas segue ordens, sem nenhum questionamento.

No vídeo abaixo, versão ao vivo de “Admirável Gado Novo”, que já tem mais de 23 milhões de visualizações no Youtube:

 

2 comentários

  • E o Zé Ramalho conseguiu ser um artista popular,com sua voz cavernosa,cara de cangaçeiro e uma poética quase sempre cifrada – É um desses fenômenos difícil de explicar.

  • ”Admirável Gado Novo” é uma das canções mais fáceis de serem assimiladas de Zé Ramalho.O Bob Dylan do sertão,além da fusão de música nordestina com o rock,tem um texto que mistura esoterismo,filosofia,questões sociais e algumas viagens psicodélicas,muita gente canta suas letras sem entender bulhufas.Não,eu não acho que para gostar de uma música a pessoa precisa entendê-la,é como ele mesmo disse,mais importante que entender minha música é sentir e intuir a mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *