PARINI REGISTRA BOLETIM DE OCORRÊNCIAS CONTRA APRENDIZ DE BLOGUEIRO

O premiado estadista Humberto Parini aproveitou um momento de folga, na segunda-feira, 18, para comparecer até o 1. Distrito Policial de Jales, onde registrou um Boletim de Ocorrências acusando este aprendiz de blogueiro  de ter cometido os crimes de injúria e difamação contra sua impoluta pessoa.

Vamos ao histórico do Boletim de Ocorrências:

Comparece nesta unidade policial a vítima, informa ser prefeito municipal desta cidade e de ter tomado conhecimento, conforme cópias extraídas via internet, de várias denúncias contra sua honra, as quais partiram do blog alimentado pelo autor acima qualificado.

Esclarece, como disse, que as ofensas partiram de uma página de notícia virtual alimentada pelo autor, cujo teor se vê em toda a documentação exibida e anexa.

Informa também, que além das ofensas promovidas pelo autor, há outras anônimas. A vítima, neste momento, afirma demonstrar total interesse na apuração dos fatos e autoriza as medidas pertinentes ao seu esclarecimento. Vítima orientada acerca do prazo de seis meses para propor a devida ação penal. 

Na verdade, algumas pessoas próximas ao prefeito já haviam me alertado sobre a disposição do nosso estadista de fazer alguma coisa contra o blog. O prefeito Humberto Parini é useiro e vezeiro na tática da intimidação judicial para tentar calar aqueles que o criticam. Em certa ocasião, Parini me questionou pelo fato de eu ter rejeitado a proposta – feita por uma pessoa ligada a ele – de processar um jornal da cidade. Eu disse a ele que não concordava com aquilo e fiquei na minha. Mas o prefeito não gostou da posição que adotei.

ADVOGADOS DE PARINI ENTRAM COM EMBARGOS DE DECLARAÇÃO JUNTO AO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

A página do Tribunal de Justiça-SP registrou, ontem, a entrada de um embargo de declaração, muito provavelmente por iniciativa dos advogados do prefeito Parini. O wikipédia nos explica que o embargo de  declaração é a peça processual interposta com a finalidade de pedir ao juiz prolator da sentença para que elimine alguma obscuridade, omissão ou contradição.

Traduzindo: os advogados do prefeito estão pedindo algum esclarecimento ao relator Nogueira Diefenthäler, provavelmente apenas com o intuito de protelar o cumprimento da sentença. Isso era esperável, mas, segundo os entendidos, o embargo de declaração não é um remédio muito eficaz. Apenas prolonga a agonia do paciente por mais algumas horas.

Por outro lado, aqui em Jales também tivemos novidades: os promotores que acompanham o caso, pediram, ao que parece, o imediato  cumprimento da sentença, mas a juíza da 4a. Vara, Renata Vilalba Serrano Nunes despachou no sentido de que seja aguardada a publicação da cassação da liminar no Diário da Justiça do Estado. O que pode demorar um pouco. Abaixo, a publicação com a decisão da juíza:

 

OSMAR SANTOS, O PAI DA MATÉRIA, COMPLETA 62 ANOS

Ouvir os jogos do Corinthians, com a narração do Osmar Santos, era algo indescritível. Ontem, quinta-feira, ele completou 62 anos de idade. Nada mais justo, portanto, do que homenageá-lo.

Osmar Santos é autor de bordões que marcaram época especialmente nos anos 80, quando foi o principal narrador da rede Globo durante a Copa do Mundo de 1986. ”Pimba na gorduchinha”, “ripa na chulipa” e “tiruliruli, tirulirulá” são algumas de suas marcas registradas. O locutor trabalhou também na TV Record e na extinta rede Manchete, onde transmitiu a Copa de 1990.

Fora das cabines de transmissão, Osmar teve um papel de destaque durante a campanha das Diretas Já, em 1984, além de também trabalhar como apresentador tanto na rede Globo quanto na Manchete. Mas foi no rádio que Osmar brilhou como um narrador fantástico.

Abaixo, dois vídeos com a narração de Osmar Santos. O primeiro é do histórico gol de Basílio, que tirou o Corinthians da fila. E o segundo é da Copa de 1994, a última em que Osmar Santos atuou, trabalhando para a rádio Globo. Em dezembro do mesmo ano, o radialista sofreu um grave acidente automobilístico que deixou sequelas neurológicas que o impediram de seguir exercendo a função de narrador. Desde então, o ex-narrador tem se dedicado à pintura.

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

VEREADOR RECEBE VOZ DE PRISÃO DE PROMOTOR POR MENTIR EM AUDIÊNCIA

A notícia é do EPTV:

Um vereador de Leme foi levado para a delegacia na terça-feira (26), pois, segundo o Ministério Público, deu um falso testemunho durante uma audiência pública. Ele é uma das testemunhas de um processo que investiga desvio de verbas na Câmara Municipal. 

A denúncia foi feita pelo Ministério Público. O vereador José Giacomeli é acusado de peculato, por ter desviado verbas públicas. Entre 2006 e 2008, período em que foi presidente da Câmara, ele contratou dois funcionários para cargos de confiança, mas, segundo a promotoria, eles nunca exerceram as funções.

Somados os valores pagos em salários, a quantia chega a R$ 75 mil. A assinatura dos supostos funcionários fantasmas estão em holerites e também no documento de posse, mas em nenhum ofício, o que para a promotoria é a prova de que eles nunca trabalharam. “Além de documentos, o MP apresentou oito testemunhas que confirmaram que eles não frequentavam diariamente a Câmara. Só apareciam para tomar café ou para receber os pagamentos”, disse o promotor Daniel Serra Azul.

Em uma audiência pública sobre o caso na terça, duas das testemunhas ouvidas contaram uma versão diferente. O vereador João Carlos Cerbi e um porteiro da Câmara disseram que viam sempre os supostos funcionários trabalhando.

Como os depoimentos eram opostos à maioria das testemunhas, o promotor deu voz de prisão aos dois. O porteiro voltou atrás no que disse, mas o vereador foi parar na delegacia.

PLAYBOY DIVULGA CAPA COM ADRIANE GALISTEU

A principal atração da edição de 36 anos da Playboy é a Adriane Galisteu. Mas, reparem na manchete sobre a entrevista da Sandy. E não é que a menina tá ficando mesmo meio devassa. Por sinal, a declaração dela gerou polêmica na internet e, no twitter, ficou em segundo lugar no Trending Topics, que elenca os assuntos mais comentados na rede social. Voltando à Galisteu, eis a notícia do Extra on Line:

A “Playboy” divulgou nessa quinta-feira a capa da edição de agosto, que comemora os 36 anos da publicação Na imagem, Adriane Galisteu aparece deitada sobre um sofá vermelho.

As fotos da revista foram feitas em Positano, na Itália, local onde Adriane foi pedida em casamento por Alexandre Iódice, pai do seu filho, Vittorio. Esta é a segunda vez que Galisteu posa para a revista.

“Ficou lindo. Estou muito feliz. Na minha primeira vez, foi criada uma polêmica (por causa da famosa foto da apresentadora raspando a virilha com uma gilete), mas o objetivo desse segundo ensaio não é polemizar. Ficou chique”, disse Galisteu em recente entrevista à coluna.

Em 1995, a revista com Galisteu vendeu quase 1 milhão de exemplares e ocupa a terceira posição entre as mais vendidas no país (a primeira é de Joana Prado, a Feiticeira; e a segunda, de Suzana Alves, a Tiazinha).

PARINI EM SÃO PAULO

Segundo fontes confiáveis, o prefeito Humberto Parini teria viajado a São Paulo, onde encontra-se reunido com seus advogados, tentando uma saída jurídica para permanecer no cargo. Há quem diga que ele vá recorrer a Brasília, mas as chances de sucesso seriam muito pequenas. Dizem, também, que alguns assessores do prefeito estariam bastante desanimados diante dos reveses que ele sofreu nos últimos dias.

Na Câmara, o combinado entre os vereadores aliados é evitar declarações. Entre os vereadores da oposição, ninguém arrisca um palpite sobre o que pode acontecer nas próximas horas. Estão todos em compasso de espera. Por outro lado, dizem que o vice Clóvis Viola também não quer dar declarações e teria até agendado uma viagem para amanhã, a fim de ficar afastado dos burburinhos.

CASAL DE APOSENTADOS DE SANTA ALBERTINA DOA TERRENOS AVALIADOS EM R$ 700 MIL PARA SANTA CASA

Em meio ao nosso baixo-astral com os problemas político-judiciais, eis uma notícia que vale a pena ser lida:

(por Vívian Curitiba)  

O casal de aposentados de Santa Albertina, Bortolo Antônio Dettoffi, conhecido como Debordo, de 89 anos e sua esposa, Adelaide Marques Dettoffi, de 80 anos, doaram 8 terrenos e 2 sítios, avaliados em aproximadamente R$700 mil, para a Santa Casa de Jales. 

O provedor do hospital, José Devanir Rodrigues, o Garça, o administrador hospitalar, Carlos Henrique Di Bernardo Merighe e o diretor tesoureiro Juracy Merighe estiveram na terça-feira, dia 26, em Santa Albertina, para conhecer os terrenos e assinar o termo de doação. A escritura de doação com reserva de usufruto vitalício, prevê a doação ao hospital somente após a morte do casal. 

Para o provedor Garça, esse é um exemplo de solidariedade e amor ao próximo a ser seguido e admirado por todos. “Mais uma vez a cidade de Santa Albertina saiu na frente. A administração municipal já nos doou um aparelho de Raios-x, no último arrastão a população arrecadou mais de 9 mil quilos de alimentos e agora um gesto tão nobre como esse. Sou muito grato a este casal e tenho certeza que o dinheiro dessa doação será bem aplicado e revertido em serviços para população de Jales e região”, afirmou. 

Também estiveram presentes na assinatura de doação o vereador de Santa Albertina João Messias dos Santos, o presidente da Câmara Municipal, Sebastião Rocco, o vice-prefeito João Gadoti e o prefeito Antônio Pavarini de Matos.

DENÚNCIAS NA SAÚDE DO MUNICÍPIO

Por interessante, reproduzo, abaixo, o comentário-denúncia enviado por um visitante do blog, sobre as filas na Saúde e outras supostas irregularidades. Este aprendiz de blogueiro já tratou da questão das filas nos postos de Saúde do município, inclusive do Jardim Oiti, em um post de fevereiro (veja aqui), mas, infelizmente, os problemas continuam. A ADERJ, responsável pela operacionalização dos postos, ao invés de tentar uma solução, afirma que os problemas estão nos usuários, que, segundo ela, gostam de ficar em filas, sem necessidade. Vamos ao comentário-denúncia:

Anônimo
28 julho 2011 às 9:28

Caro blogueiro… gostaria aqui de deixar uma denuncia a ser investigada, nao sei se a faço no lugar correto, mas quero compartilhar.
Hoje pela manha minha mãe precisou ir ao Posto de Saúde do Jardim Oiti e 3 casos intrigantes aconteceram no local.
1º – As pessoas precisam chegar antes das 6 hrs da manha para tentarem encontrar vaga para serem atendidas, e além disso, ficam na rua, e olhe que espaço coberto nao falta naquele Posto de Atendimento na parte de dentro.
2º – Quando ela estava na fila, percebeu que pessoas vão chegando e entrando na frente, com a desculpa de que ja tinham ido até la (loucura ou sacanagem), posso ir la as 00:30 e depois voltar de manha e dizer que também ja estive la, ou seja, nao existe controle da fila.
3º – (pior de todos) A atendende havia dito que minha mae poderia pegar uma guia e meu sobrinho outra guia, acontece que na hora ela nao queria fornecer o atendimento e para tanto só poderia ser efetuado se ele assinasse o nome dele, o problema é que a criança tem 6 anos, como pode uma coisa destas.
Peço desculpa, pois sei que esse post nao tem nada haver com a noticia, mas precisava usar um canal para fazer essa denuncia e quem sabe vc consiga destrinchar melhor essa noticia. 

A DECISÃO SOBRE A LIMINAR, NO RÁDIO

Um dia desses, critiquei o Antena Ligada, que, a meu ver, foi bastante confuso em uma entrevista com o Léo Huber. E, de outro lado, afirmei, naquela ocasião, que a cobertura do Jornal do Povo, da Assunção, sobre o mesmo assunto (a sentença da juíza da 4a. Vara) havia sido muito mais esclarecedora.

Hoje, aconteceu exatamente o contrário. O doutor Wanderley Garcia, sem estardalhaços (penso que a situação, realmente, não é para isso), leu, no Antena Ligada, o inteiro teor da decisão proferida pelo desembargador Nogueira Diefenthäler, e, ao final, deixou claro que a liminar concedida ao prefeito havia sido cassada. O doutor explicou, também, que a 4a. Vara Judicial de Jales deverá receber, nas próximas horas, um fax com a decisão e, a partir daí, deverá expedir um ofício à presidência da Câmara para que se dê posse ao vice Clóvis Viola. Tudo dito de maneira clara, sucinta e comedida.

Por outro lado, o Jornal do Povo também anunciou a cassação da liminar e a provável posse de Clóvis, mas o fez de maneira um pouco confusa, ao misturar a decisão do TJ-SP com um outro caso que está rolando na Justiça de Jales, onde também foi pedido o afastamento do prefeito. Com certeza, na segunda edição do JP, logo mais às 11:30, o pessoal da Assunção vai dissecar o assunto com um pouco mais de clareza.   

PASSANDO PELA PRAÇA

Essa vida de aposentado e blogueiro me obriga, de vez em quando, a dar uns bordejos pela cidade, a fim de esticar as pernas e saber as novidades. Ontem, pela manhã, dei uma esticada até a Banca do Edu. Não há lugar melhor para ficarmos sabendo das novidades. As que saem no jornal e, o que é melhor, aquelas que não podem ser publicadas.

E, para chegar à Banca do Edu, passei pela Praça do Jacaré, onde fiz alguns registros fotográficos. Eis dois deles:

Depois de defecar na areia, o cachorro aproveitou a sombra.                Pela 3a.vez, o assentamento das pedras está sendo refeito. 
1 1.122 1.123 1.124 1.125 1.126 1.243