PETIÇÃO PÚBLICA QUER REDUZIR SALÁRIOS DE VEREADORES JALESENSES PARA R$ 1,5 MIL

Algum cidadão jalesense está divulgando e pedindo apoio para um abaixo-assinado, no site Petição Pública, cujo objetivo é a “redução do salário dos vereadores de Jales, de R$ 5 mil para R$ 1,5 mil“. Eis o inteiro teor da peça:

Para a mudança acontecer, é preciso ter coragem. E é essa coragem que move o coração dos Jalesenses que há mais de 20 anos estão abandonados pelo poder público.

Contraposto a isso teremos uma das câmaras municipais que melhor paga seus vereadores: R$ 5.000,00 mensais para cada um dos 10 edis comparecerem na casa do povo duas vezes por semana.

R$ 5.000,00 representa mensalmente para o município R$ 50.000,00 – (Cinquenta mil reais) e anualmente esse valor chega a R$ 500.000,00 – Sim, meio milhão de reais.

Mas isso se os gastos forem só com os vereadores, o aumento foi dado também para os Secretários Municipais, valor este de R$ 5.000,00, se colocarmos na ponta do lápis o nosso Município terá um gasto de aproximadamente quase R$ 170.000,00 mensal e anual R$ 2.040,000,00 diga não ao aumento, redução já. O suficiente para resolver muitos problemas de sua rua ou de seu bairro, bem como de toda a cidade.

O nosso objetivo inicial é mobilizar a população e derrubar o salário de vereadores e secretários (que são iguais) para R$ 1.500,00 – (Um mil e quinhentos reais) mensais. Para isso precisamos de 10 mil assinaturas que serão colhidas nas ruas (no papel) e na internet. É importante que você faça valer seu papel de cidadão.

JUNTAMENTE TAMBÉM PEDIMOS a redução do número dos Secretários. Recentemente a Câmara de Jales aprovou sorrateiramente o aumento dos Salários de todos os Secretários. Uma afronta aos Jalesenses que sequer foi ouvido se gostaria ou não do aumento dos salários dos Senhores vereadores e secretários .

Precisamos SIM de mais escolas, creches, hospitais, infraestrutura – E não de aumento salarial. POR ISSO, EXIGIMOS junto com este abaixo assinado a REDUÇÃO do salários de vereadores e secretários.

Vamos juntos MUDAR o nosso destino! JALESENSE ACORDOU!

Sinceramente, acho que – considerando a quantidade absurda de informações erradas contidas na tal “petição” – o jalesense em questão deveria continuar dormindo.

Nem vou tomar o tempo dos prezados leitores com os equívocos, inclusive matemáticos, da petição. Fixemo-nos na informação de que a Câmara aumentou “sorrateiramente” os salários dos secretários municipais.

A afirmação é mentirosa, primeiro porque não houve nada de sorrateiro: a lei que tratou do assunto foi discutida inclusive nas emissoras de rádio. Segundo, porque a lei – equivocada, a meu ver – na verdade reduziu os salários de secretários e chefes de gabinete.

Atualmente, o salário de um secretário é de R$ 5.946,93. No início de 2016, se a inflação ficar em 10%, ele passará para R$ 6,5 mil. Ora, a lei aprovada “sorrateiramente” estabelece que, a partir de 2017, os secretários ganharão R$ 5 mil. E os chefes de gabinete, que ganham mais de R$ 4,5 mil, passarão a ganhar R$ 3,5 mil. Onde o aumento?

FEIRA DO AGRONEGÓCIO DA UVA E DO MEL ESTÁ MARCADA PARA O INÍCIO DE SETEMBRO

Uva e Mel 002

A notícia é da Secretaria Municipal de Comunicação:

Está tudo pronto para a 11ª Feira do Agronegócio da Uva e do Mel. O prefeito Pedro Manoel Callado esteve na Secretaria de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Meio Ambiente para uma reunião que definiu os últimos detalhes da festa que acontece na próxima semana, nos dias 4 e 5 de setembro, no Centro Pastoral, a partir das 19h. 

O evento, aberto para toda a região, vai reunir cerca de 150 viticultores e terá apresentações culturais, sorteio de brindes e praça de alimentação. A Feira do Agronegócio da Uva e do Mel é conhecida pela grande variedade de produtos derivados da uva e do mel. 

O objetivo da feira é dar oportunidade aos produtores de expor seus produtos e as novidades no setor do plantio de uva e na produção de mel. Para participar os produtores precisam comprovar atividade na área através da Inscrição Estadual de Produtor (DECA). Todos os expositores concorrem a brindes que serão sorteados durante os dois dias de evento. 

Entre as atrações, haverá a apresentação de grupos culturais da região, como a Violada 5 Estrelas, Catira, João Antonio Teixeira e seu acordeon,  João da Viola. A praça de alimentação será comandada pelo Rotary Grandes Lagos. 

A exposição é realizada pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Meio Ambiente e tem apoio do Sindicato Rural de Jales, FATEC e do comércio local.

SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE CIDADE GAÚCHA DECIDEM DOAR PARTE DOS SALÁRIOS

Aqui em Jales, sempre é bom lembrar, os vereadores do período 1997-2000 assinaram, em 1999, um papelucho onde abriam mão de aumentos salariais. Passadas as eleições de 2000, eles requereram as tais diferenças e levaram cerca de R$ 5 mil, cada um. 

Vejamos, agora, a notícia do jornal gaúcho Zero Hora, sobre os secretários municipais de Santa Cruz do Sul(RS), que estão abrindo mão de parte dos salários:

Os secretários municipais de Santa Cruz do Sul decidiram doar parte dos salários para garantir a manutenção de serviços essenciais para a cidade nas áreas da saúde e da educação. Em vez de receber R$ 13.101,89, o valor passará para R$ 10 mil a partir do próximo mês.

O projeto de lei já estava na Câmara de Vereadores quando a prefeitura entendeu que a proposta era inconstitucional. Segundo a lei orgânica do município, propor a redução dos salários desses funcionários só pode partir da Câmara de Vereadores, e não do Executivo. Além disso, se aprovada, a redução só valeria para o próximo mandato.

Foi então que os próprios secretários decidiram pelo corte. Com a medida, a prefeitura pretende economizar R$ 200 mil até dezembro deste ano.

Um novo pacote, com mais medidas para corte de gastos, está a caminho. O secretário de administração de Santa Cruz do Sul, Edemilson Severo, diz que o prefeito analisa reduzir contratos com prestadores de serviços e que as medidas já tomadas resultaram de um levantamento: em julho deste ano, a prefeitura já havia empenhado 51% do orçamento.

Com as novas ações, que serão anunciadas ainda nesta semana, a prefeitura vai evitar o gasto de R$ 1,5 milhão até o final do ano. A adoção do turno único deve fazer parte do pacote.

CPI DA PETROBRAS: UOL SUBSTITUI MANCHETE QUE CITAVA PROPINA A AÉCIO

uol-aécioEm matéria sobre a acareação entre os delatores Albert Youssef e Paulo Roberto Costa, na CPI da Petrobras, o portal de notícias UOL deu como manchete que eles – os delatores – confirmaram repasse de propinas ao senador Aécio Neves(PSDB).

Minutos depois, a manchete foi trocada e o nome de Aécio foi retirado. Essa proteção ao nome de Aécio não é novidade. Há algum tempo, o Fantástico produziu uma matéria sobre a venda de habeas corpus a traficantes de Minas Gerais.

Os principais envolvidos no esquema eram um sujeito chamado Tancredo Tolentino, conhecido como Quedo, e um desembargador do TJ mineiro, cujo nome não me lembro.

A reportagem do Fantástico, feita pelo repórter Valmir Salaro, tinha mais de 11 minutos e mostrou em detalhes como funcionava o esquema intermediado por Quedo, que colocava em liberdade os traficantes.

Pois bem, apesar dos 11 minutos e de todos os detalhes, quem assistiu a reportagem não ficou sabendo que o tal de Quedo é primo de Aécio e filho de Múcio Tolentino, o dono da fazenda onde Aécio – quando governador de Minas – construiu um aeroporto de R$ 14 milhões.

Não bastasse isso, o governador Aécio e o primo Quedo eram – segundo matéria da revista Época sobre bebidas – sócios em uma Cachaçaria. Querem mais? O desembargador envolvido no esquema foi nomeado por Aécio. Normalmente, o governador nomeia o primeiro de uma lista tríplice apresentada a ele, mas, nesse caso, Aécio nomeou o segundo.

Agora, vocês já imaginaram se o esquema de venda de habeas corpus a traficantes fosse liderado por um primo do Lula? ou por uma vizinha da Dilma? Com certeza, o nome deles seria mencionado a cada minuto da reportagem.

Durante a campanha do ano passado, a reportagem foi misteriosamente retirada do Youtube, mas algum sujeito precavido gravou e a colocou novamente na internet. Se o amigo tiver 11 minutos para perder, o vídeo está aí abaixo:

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video  

CÂMARA IRÁ REPASSAR R$ 110 MIL PARA PREFEITURA CONFECCIONAR DECORAÇÃO NATALINA

Decoração Natalina

A notícia é da assessoria de imprensa da Câmara:

O chefe do Poder Legislativo jalesense, vereador Nivaldo Batista de Oliveira – o Tiquinho, participou na manhã desta terça-feira, 25 de agosto, de reunião na Prefeitura Municipal de Jales, onde entregou ao prefeito, Dr. Pedro Manoel Callado Moraes, um cheque de R$ 55.000,00 (Cinquenta e cinco mil reais).

O montante repassado aos cofres públicos é oriundo das verbas que a Câmara Municipal devolve anualmente à administração municipal, referentes à economia feita pelo Poder Legislativo durante o ano. Neste caso, a quantia foi repassada como um adiantamento do que será devolvido até o encerramento do exercício.

A Câmara Municipal irá repassar ainda outros R$ 55.000,00, somando assim a quantia de R$ 110.000,00 (Cento e dez mil reais) a serem utilizados pela administração, através de sua Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Turismo, na confecção da decoração natalina na área central da cidade.

Na reunião também estiveram presentes o vereador Tiago Abra, o Presidente da ACIJ – Associação Comercial e Industrial de Jales, Sr. Carlos Roberto Altimari e representantes do órgão, os Secretários Municipais de Esporte, Ademir Molina e de Planejamento, Sr. José Magalhães Rocha, além de convidados.

“Nós sabemos que o comércio precisa desse incentivo. As vendas de fim de ano são importantes, pois acabam por injetar maior volume financeiro na economia do município. Se podemos atrair, através de uma decoração natalina mais elaborada, mais consumidores da região para nossa cidade, isto acaba por ser muito significativo. De qualquer forma a Câmara devolveria esse dinheiro à Prefeitura ao final do ano, como sempre fizemos. Achamos justo adiantar uma parte desta quantia e auxiliar o Poder Executivo” – disse o presidente da Câmara de Jales, vereador Tiquinho, após a reunião.

ADVOGADOS DO MÉDICO LUIZ SEMEGHINI TENTAM LEVAR JULGAMENTO PARA OUTRA COMARCA

semeghini2A defesa do médico Luiz Henrique Semeghini está preocupada com o clima de comoção que envolve o julgamento de seu cliente, marcado para a próxima sexta-feira, 28, em Fernandópolis.

Como se sabe, ele está sendo acusado de matar a esposa, Simone Maldonado, com sete tiros, em crime ocorrido há quinze anos. Luiz Henrique já foi julgado uma vez, mas o julgamento foi anulado por conta de um erro na contagem dos votos dos jurados. 

Conforme registrou o Jornal de Jales, no domingo passado, “além da campanha movida pela família de Simone, clamando por justiça nas redes sociais, Luiz Henrique vem enfrentando uma dura batalha na mídia, como aconteceu na terça-feira, 18, quando simone maldonado missao apresentador Marcelo Rezende, do programa ‘Cidade Alerta’, da Rede Record ficou 10 minutos no ar classificando o caso como exemplo típico de impunidade”.

Além da campanha nas redes sociais, a família mandou publicar em órgãos de imprensa, o convite para uma missa de intenção pela alma de Simone, marcada para amanhã, quarta-feira, a apenas dois dias do julgamento. Por conta de todo esse clima, a defesa de Semeghini está pleiteando a transferência do julgamento para outra Comarca, como se pode ver na notícia de hoje, do site Região Noroeste:

Os advogados de defesa do médico Luiz Henrique Semeghini impetraram na manhã desta terça-feira, dia 25, no Tribunal de Justiça, pedido para desaforamento do júri popular que está previsto para acontecer no próximo dia 28 de agosto.

O caso será analisado pela Segunda Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça e uma possível liminar poderá ser expedida, se o TJ acatar as alegações do advogado Alberto Zacharias Toron com base nas declarações do presidente do júri, juiz Vinicius Castrequini Bufulin e no trabalho de mídia da família Maldonado.

A defesa tentará colocar o caso em outra comarca do Estado de São Paulo onde o caso poderá ser julgado sem interferências e comoções públicas.

Nesta segunda-feira, dia 24, a Justiça negou pedido de suspeição do juiz Vinicius Castrequini.

JUSTIÇA CONDENA EMPRESA A DEVOLVER R$ 1 MILHÃO PARA PREFEITURA DE PONTALINDA

A juíza da 4ª Vara de Jales, Maria Paula Branquinho Pini, julgou parcialmente procedente uma ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público local, condenando a empresa Juripe Engenharia e Construção Ltda a ressarcir a Prefeitura de Pontalinda em R$ 937 mil, mais juros e correção monetária.

A encrenca começou em maio de 2012, quando a empresa ganhou uma licitação para a construção de 89 casas populares da CDHU, em Pontalinda, por R$ 6,1 milhões.

De acordo com o Ministério Público, a empresa – que foi a única a participar da licitação – teria sido beneficiada, uma vez que um de seus sócios tinha ocupado cargo de confiança na Prefeitura de Pontalinda até um mês antes da abertura do certame licitatório.

De acordo com a decisão da Justiça, além da devolução do dinheiro, a empresa ficará proibida de contratar com o poder público pelo prazo de cinco anos. A empresa e seus sócios poderão recorrer às instâncias superiores.

ENTRE OS MELHORES: ALUNOS DA E.E. ‘DOM ARTUR’ PARTICIPAM DE ENCONTRO NACIONAL DE MATEMÁTICA

alunos dom arthur

Os alunos William Zaniboni Silva, Henrique H. Sakashita, do 2º ano do ensino médio e Leonardo Zaniboni Silva, da 7ª série do ensino fundamental, estão participando no Oceania Park Hotel, em Florianópolis, no período de 23 a 28 deste mês, do encontro denominado “Hotel de Hilbert”, em homenagem a David Hilbert, um dos maiores matemáticos do século XX.

Realizado pelo IMPA- Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada – o encontro reúne os 200 alunos com melhor desempenho no Programa de Iniciação Científica Junior – Matemática, de todo o país. Cerca de 6.500 alunos participaram do programa nas principais universidades públicas do Brasil e, no caso dos jalesenses, a UNESP-Ilha Solteira.

O evento acontece desde 2011, com o objetivo de incentivar o estudo da matemática e revelar talentos. O EHH promove palestras, oficinas, minicursos, gincanas e jogos matemáticos, com os mais renomados professores das universidades brasileiras.

Vale destacar que a E.E. “Dom Arthur Horsthuis” é uma das únicas com três representantes entre os 200 melhores.

Mais detalhes em matéria do Diário Catarinense.

SANTA CASA: 2o. PASSEIO CICLÍSTICO JALES-SANTA ALBERTINA ACONTECE EM SETEMBRO

A notícia é da assessoria de imprensa da Santa Casa:

2 º Passeio Ciclistico Santa CasaA equipe Trinaveia, juntamente com os organizadores Rafael Freitas, Mair Gama e Fernando Pavan, com apoio da Santa Casa de Jales e a Prefeitura Municipal de Santa Albertina, anunciam que já estão abertas as inscrições para o 2º Passeio Ciclístico Santa Casa de Jales a Santa Albertina, que será realizado no dia 13 de setembro, com concentração às 7h em frente o hospital.

A adesão custa R$ 30,00, que será destinado 100% para o hospital, afim de, custear despesas. Este valor inclui café da manhã, almoço, um bilhete contendo quatro números para concorrer o novo Ford Ka, 0km, da Campanha “Na Santa Casa eu Boto Fé III”, e a volta de ônibus para a cidade de Jales. O percurso será de aproximadamente 56 km até o Balneário de Santa Albertina, e a idade mínima para participar é 16 anos.

Em 2014 cerca de 80 atletas participaram, envolvendo cidades de Dolcinópolis, Fernandópolis, Paranapuã, Santa Albertina, Santa Fé do Sul, Santana da Ponte Pensa, Santa Salete, Urânia, Votuporanga e Jales, a ideia desta edição é expandir o convite para outras cidades.

O passeio terá a parceria do prefeito de Santa Albertina Vanderci Novelli e o vice Aparecido Cerezzo, o apoio das empresas Saboraki, Transportadora Peval, Jales Festas, Loja Porto, New Gráfica Urânia, Roda Livre de Araçatuba que irá montar uma estrutura, inclusive um bikeFit para demonstração, e a colaboração da fotógrafa Dara Freitas.  

Os interessados podem se inscrever no setor de Captação de Recursos da Santa Casa, e também na loja Porto. Já àqueles que residem em outras cidades, podem acertar a inscrição por meio de depósito bancário identificado na conta da entidade: Banco do Brasil, Agência 0411-1, Conta Corrente 29047-5. Informações pelo telefone (17) 99613-6273 com Cristiane.

PARA ATINGIR TIAGO ABRA, CÂMARA VAI CRIAR REGRA SOBRE USO DE PALETÓ E GRAVATA

DSC00019

A Câmara Municipal de Jales volta a reunir-se nesta segunda-feira, 24, em sessão extraordinária, a partir das 20:00 horas. Na pauta da “Ordem do Dia” consta a votação de cinco projetos, dos quais, dois dizem respeito ao funcionamento das próprias sessões.

Um deles acresce mais um inciso ao longo artigo das proibições impostas pelo Código de Ética. O projeto visa proibir o uso indevido ou abusivo, pelos vereadores, de aparelhos celulares durante as sessões.

O outro projeto altera o capítulo do Regimento Interno que trata das vestimentas dos nobres parlamentares. A nova regra diz que, durante as sessões, vereadores e funcionários deverão permanecer no plenário em trajes sociais. No caso dos homens, “com terno e gravata”.

Nos bastidores, comenta-se que este segundo projeto – o dos trajes – tem como alvo o vereador Tiago Abra. Segundo consta, o vereador só veste o paletó para cantar o hino. Depois, ele pendura a peça e permanece a sessão inteira em mangas de camisa.

Francamente…. Nossos vereadores bem que poderiam utilizar o tempo deles com coisas mais produtivas. 

1 351 352 353 354 355 1.169