SANTA CASA PEDE APOIO DOS MUNICÍPIOS NA PROMOÇÃO ‘NA SANTA CASA EU BOTO FÉ’

A notícia é da assessoria de imprensa da Santa Casa de Jales:

Representantes da Santa Casa de Jales iniciaram na última semana as visitas aos municípios vizinhos atendidos pelo hospital, para pedir a colaboração na divulgação e venda dos bilhetes da promoção: “Na Santa Casa eu boto fé”, lançada no dia 30 de janeiro.

Na quinta-feira (31), Adriana Mariano dos Santos e Cristiane Fachola, do Setor de Captação de Recursos do hospital, representando o provedor José Pedro Venturini, se reuniram em Mesópolis com o prefeito Leandro Polarini, coordenadora de Saúde, Inês de Oliveira e o presidente da Câmara, Lauvir de Souza.

Na ocasião, foram apresentadas algumas sugestões para que o município seja um grande parceiro da Santa Casa, como a organização de um leilão beneficente, aumento do repasse do CONSIRJ (Consórcio Intermunicipal de Saúde da Região de Jales) e apoio de Deputados Estaduais e Federais na destinação de emendas para o hospital.

Também foram apresentadas as melhorias feitas na Santa Casa e os objetivos da Provedoria para este ano. Empenhados em colaborar, o município já se responsabilizou pela venda de 1.000 bilhetes da promoção: “Na Santa Casa eu boto fé”.

MUDA JALES! NICE PROMOVE MUDANÇAS NOS POSTOS DO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA

A prefeita Nice Mistilides está mesmo disposta a mudar Jales! Nesta semana, por exemplo, o posto do programa de Saúde da Família do Uni-América, que funcionava em uma casa alugada, nas proximidades da rotatória da Vila União, mudou-se para esse prédio aí do lado, do antigo Pronto-Socorro.

Outra medida, ainda não confirmada pelo blog, teria sido a dispensa de todas as gerentes das unidades de Saúde. O cargo é de confiança e ao menos duas das gerentes foram, com certeza, dispensadas.

A ex-gerente da unidade do Jardim Oiti, por exemplo, é filha de um ex-petista e foi exonerada. Segundo estou sabendo, a moça fazia um bom trabalho e a dispensa dela não foi bem recebida pelos colegas de trabalho e pelos usuários daquela unidade de Saúde.

São 12 os cargos de gerente das Unidades Básicas de Saúde. Certamente que a prefeita Nice usará esses cargos para pagar algumas promessas de campanha.

Por sinal, a nova coordenadora do programa Estratégia de Saúde da Família é a enfermeira Gisele Murta Gobbi. Trata-se de profissional competente. No governo Parini, ela trabalhou no ESF Arapuã, mas acabou sendo exonerada por mera retaliação à atuação do pai dela – Gilberto Lauer Murta – no Conselho Municipal de Saúde.

Gilberto foi um criterioso presidente do tal Conselho e suas decisões, por vezes, contrariava os interesses de Parini e sua turma.

PROCURANDO A ESPOSA

Hoje é sexta-feira, dia em que tenho de me concentrar nas minhas matérias para A Tribuna. Falando nisso, estou escrevendo uma matéria sobre a nossa UPA, que ainda não está habilitada pelo Ministério da Saúde.

A falta de habilitação seria, segundo informações, consequência de uma decisão errada do ex-prefeito Parini e, por conta dela, o Ministério da Saúde estaria deixando de repassar R$ 100 mil mensais para a manutenção da UPA. Mais detalhes na edição de domingo de A Tribuna.

Mas, que tal descontrair um pouco? Divido com vocês, a piada que me foi enviada pelo amigo Edmílson, lá de Brasília: 

Em um supermercado, dois homens distraídos se esbarram com seus carrinhos:

— Desculpe, mas eu estava distraído… Estou procurando a minha esposa; não sei onde ela está…

— Que coincidência! Também estou procurando a minha esposa!

— Mesmo? E como ela é?

— Bem, ela é loira, 1,70m de altura, olhos verdes, bronzeada, coxas grossas, ombros largos e uma bundinha arrebitada! Está usando uma calça jeans surrada e bem justa e uma camiseta um pouco transparente que realça os seios….! E a sua?

— A minha que se lasque!!! Vamos procurar a sua !!!

VICE-CAMPEÕES DO FUTSAL ‘ESQUECEM’ TROFÉU E CHEQUE

Terminou ontem e de modo pouquíssimo olímpico o 42º  Campeonato Aberto de Futsal, que é disputado todos os anos na quadra do “Euphly Jalles”. Consta que a equipe vice-campeã, a Gil Acessórios, não quis saber de subir ao pódium para receber suas medalhas de prata.

Na verdade, nem eram medalhas. O vice-campeonato deu à equipe do Gil Acessórios o direito de levar o troféu e o cheque da foto aí do lado. Mas os vice-campeões – sabe-se lá por quais razões – preferiram ir embora, deixando para trás os prêmios que conquistaram.

Eu não vi o jogo final e nem sei os motivos para tão drástica e pouco esportiva atitude. O que eu sei é que o time de futsal do Gil Acessórios tinha vencido o primeiro jogo da final, de goleada, contra o Taboado Futsal. No segundo jogo, o de ontem, ela foi derrotada no tempo normal por um placar apertado e, na prorrogação, perdeu novamente.  

Pode ser que a revolta seja por conta do regulamento, mas isso não se justifica, já que as regras para a decisão do campeonato são conhecidas desde o início da competição. Pode ser, também, que o problema tenha sido a árbitro, mas erros de arbitragem – se houve – acontecem sempre e o pessoal do Gil Acessórios já deveria estar acostumado com isso.

Sugiro que encaminhem o cheque para alguma instituição de caridade.  

BOATO FALSO “MATA” DEPUTADO ITAMAR BORGES

Um boato sem procedência agitou a cidade de Santa Fé do Sul, ontem, segundo o amigo Ilson Colombo, da rádio Mega FM. O boato dava conta de que o elétrico deputado Itamar Borges(PMDB), teria sofrido um acidente fatal, durante uma de suas incontáveis viagens.

Os rumores, felizmente, eram falsos. Ontem à tarde, Itamar estava dando expediente, normalmente,  em seu gabinete, na Assembléia Legislativa de São Paulo. 

BEXIGA VAI AO RÁDIO E DESMENTE CALLADO

Começou bem a Facip 2013! Ontem, o vice Callado foi ao rádio e, entre as justificativas para a celeuma sobre a venda de mesas e camarotes, mencionou que os organizadores da festa anterior (BX Eventos) teriam se negado a fornecer a relação dos festeiros tradicionais.

Hoje, foi a vez do empresário Osvaldo Costa Júnior, o Bexiga, comparecer ao rádio e, em entrevista gravada, desmentir que tenha sido procurado pelo vice, Pedro Callado, ou pela prefeita Nice Mistilides para fornecer a tal relação.

Perguntado se achava normal a rapidez com que as mesas e camarotes foram vendidos, Bexiga não foi direto ao ponto, mas, nas entrelinhas, deixou no ar que, nas festas realizadas por ele, a venda era um pouco mais demorada.

A pergunta do entrevistador não foi por acaso: nos bares, padarias, lanchonetes, mercearias, bazares, barbearias e açougues da cidade correm rumores de que especuladores teriam adquirido boa parte das mesas e camarotes para revendê-los no chamado “câmbio negro”.

E, apesar da rapidez demonstrada na venda das mesas, a Comissão da Facip continua incompleta. Na terça-feira, o vice Pedro Callado foi ao escritório do agropecuarista Deva Rossafa e convidou-o para assumir a presidência do rodeio. Até onde se sabe, Deva declinou do convite.    

NOVA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO: NICE MANDA RETIRAR TERRA COLOCADA POR PARINI

Jales é mesmo uma cidade curiosa! Em abril de 2011, nosso ex-prefeito Humberto Parini lançou, com toda pompa e circunstância, a pedra fundamental da nova Secretaria Municipal de Educação, que seria construída em um terreno “adquirido” junto ao Clube do Ipê, onde funcionava um campo de futebol.

O estadista chegou a anunciar que pretendia inaugurar a obra em 2012. Não deu! Aliás, ele não conseguiu nem iniciar a obra, já que, em agosto do ano passado, a contratação da empresa CA2 Engenharia e Construção Ltda, por R$ 1,2 milhão, foi parar na Justiça.

A única coisa que o ex-prefeito conseguiu fazer, além de lançar a pedra fundamental, foi estragar o lazer de quem jogava futebol naquele espaço, já que a nossa Prefeitura descarregou por lá vários caminhões de terra.

Ontem, notei uma movimentação no local (foto acima) e busquei informações. E o que fiquei sabendo é que o novo governo municipal mandou retirar a terra colocada pela administração Parini. Ou seja, tudo indica que a prefeita Nice Mistilides deve ter mandado ao cesto de lixo a idéia de se construir, ali, a nova Secretaria de Educação.

Seria de bom alvitre retirar, também, a pedra fundamental.

 

 

 

 

 

Em abril de 2011, o lançamento da pedra fundamental e, em agosto de 2012, o aterramento. O novo prédio da Secretaria de Educação não passou disso. E agora, em 2013, a nova administração mandou retirar a terra.  

RESOLUÇÃO QUE ENDURECE LEI SECA ENTROU EM VIGOR ONTEM

A notícia é do site Consultor Jurídico:

Está vigorando desde ontem, (29/1), a Resolução 432/13 do Conselho Nacional de Trânsito que endurece a Lei Seca, sancionada em dezembro. A nova regulamentação baixou os limites de tolerância de álcool no teste do bafômetro. A partir de agora, o limite é de 0,05 miligrama de álcool por litro ar. Antes, o limite era de 0,1 miligrama. No caso de teste sanguíneo, nenhum nível de concentração de álcool será tolerado.

O motorista autuado responderá por infração gravíssima, pagará multa de R$ 1.915,40, terá a carteira de habilitação recolhida, o direito de dirigir suspenso por 12 meses, além da retenção do veículo. Se o teste apontar concentração de álcool igual ou superior a 0,34 miligrama, o ato de dirigir passa a ser considerado crime. Comprovada a embriaguez, o condutor pode ser condenado de seis meses a três anos de detenção.

De acordo com a resolução, a embriaguez pode ser comprovada pelo teste do bafômetro, exames laboratoriais, vídeos ou testemunhos. Os policiais deverão preencher um questionário indicando possíveis sinais de embriaguez — como, por exemplo, vômito, soluços, odor de álcool no hálito, agressividade, exaltação ou ironia.

Caso o condutor apresente esses sinais, está sujeito às penas administrativas mesmo que se recuse a fazer o teste do bafômetro ou o exame de sangue. Para a infração ser considerada crime, é preciso a comprovação por meio de exames.

Com a medida, o governo espera reduzir em 50% o número de acidentes de trânsito até 2020. De acordo com dados do Ministério da Cidades, a redução tem por base o número de mortes registrado em 2010: 42 mil.

OBRA DO JARDIM SÃO FRANCISCO: BURACOS REAPARECEM A CADA CHUVA

Há algum tempo venho falando aqui sobre uma das últimas obras do governo Parini – a instalação de galerias na Rua Oderço Francisco de Matos, no Jardim São Francisco – sem que o assunto cause indignação em ninguém.

Tampouco ouvi dizer que alguém tenha tomado providências para investigar essa obra suspeitíssima. Como eu já noticiei, ela foi licitada e executada em tempo recorde. O pagamento à empresa – com recursos da própria Prefeitura – também foi providenciado com uma rapidez espantosa.

E menos de dois meses depois de concluída, uma parte da “obra” já estava destruída. Antes de deixar o trono, o premiado estadista providenciou um conserto “meia-boca”, mas os problemas reaparecem a cada chuva. E olhem que nem está chovendo tanto assim.

A situação de hoje, no trecho da “obra” em frente à igreja do bairro, é essa que pode ser vista nas fotos. Como se vê, até para confessar os pecados ao padre está complicado.

Por fim, como já foi dito em posts anteriores, essa “obra”, que custou R$ 149 mil, merecia uma investigação bem feita.  

VENDA DE MESAS E CAMAROTES DA FACIP CAUSAM CELEUMA

Desde ontem, venho recebendo ligações e e-mails sobre a celeuma instalada na Prefeitura, por conta da venda de mesas e camarotes da Facip. Acho lamentável que – diante dos problemas que a cidade enfrenta – algumas pessoas só consigam se indignar quando se trata de um assunto desses.

A falta de bons empregos, os roubos, os acidentes no trânsito, os desvios da merenda, os políticos malandros, o preço da gasolina… nada disso é capaz de arrancar um naco de indignação do populacho. Já a falta de mesas e camarotes…

Pessoalmente, acho que a Comissão Organizadora da festa está começando muito mal, mas, como a Facip é um tema que não me empolga, valho-me do e-mail enviado por um leitora do blog, cuja opinião – por equilibrada – reproduzo abaixo:   

Bom dia Cardosinho,

Acredito que este não seja o assunto prioritário da cidade, mas enfim, quero registrar o outro lado da situação.

Hoje pela manhã, no Antena Ligada, o Dr. Pedro comunicou que todas as mesas haviam sido vendidas e que a “tal” prioridade não foi respeitada pois não tinham em mãos o mapa da festa anterior, o povo ficou revoltado e bla bla bla…

Mas e o outro lado? Eu por exemplo compro mesas sempre de terceiros, pagando preços abusivos. Isso porque? Todos os anos é a mesma ladainha, de que existem pessoas na frente que tem prioridade.
Sou a favor de que não existe prioridade, quem chegar primeiro chegou e pronto, e outra coisa estão alegando que esse ano existem pessoas comprando mesas para revender (coisa que não concordo) mas todos os anos existiu, conheço pessoas que tinham 3 ou 4 mesas para revender.

A questão é que nessa cidade as pessoas estão acostumadas a ter prioridade por causa de seus sobrenomes e títulos, e quem não se utiliza deles acaba saindo no prejuízo.

Concordo que a divulgação foi pequena, mas assim que eu fiquei sabendo já liguei na prefeitura a moça me passou o telefone da responsável, e tive que correr atrás porque senão teria ficado sem.
É muito comodo pagar mais barato todos os anos pelas mesas e ficar esperando porque existe a bendita “prioridade”.

Só em Jales mesmo!!! 

MPF DE JALES COBRA EXPLICAÇÕES SOBRE OBRA DA ALL EM PASSAGEM DE NÍVEL NO JARDIM PARAÍSO

O procurador da República Thiago Lacerda Nobre enviou, ainda ontem, um ofício à presidência da América Latina Logística, cobrando explicações sobre a obra que está sendo realizada na passagem sobre a linha férra, no Jardim Paraíso.

A obra, como já foi noticiado pelo blog, inclui a duplicação dos trilhos que passam por aquele trecho, o que deverá tornar o citado cruzamento – onde já aconteceram alguns acidentes – ainda mais perigoso.

O MPF está concedendo o prazo de cinco dias para que a ALL preste alguns esclarecimentos, inclusive se a obra está sendo executada com a autorização dos órgãos competentes, como o Dnit e a Prefeitura Municipal de Jales.

O procurador pergunta, também, se a ALL já iniciou o cumprimento de decisão judicial que determina, entre outras coisas, a preservação da segurança e da tranquilidade pública no entorno da ferrovia, o que inclui a não obstrução das passagens de nível, com composições, de forma a impedir o livre trânsito dos cidadãos. Abaixo, cópia do ofício encaminhado pelo MPF:

ATRIBUIÇÃO DE AULAS NA REDE MUNICIPAL DE ENSINO

A notícia é da Secretaria Municipal de Comunicação:

Nos dias 28 e 29 de janeiro, aconteceu nas dependências da E.M. Professora Elza Pirro Viana, a atribuição de aulas dos professores efetivos e temporários para o ano letivo de 2013, dessa forma, definindo suas jornadas de trabalho na Rede Municipal de Ensino de Jales.

O processo de atribuição seguiu um cronograma especial. Na segunda-feira, no período da manhã, foi a vez dos titulares de cargo de PEB I, de Educação Física e Educação Musical, da rede municipal e titulares de cargos PEB I e PEB II afastados conforme pareceria município-estado. À tarde, titulares de cargos PEB I e professores de Educação Especial participaram das atribuições.

Na terça-feira, logo pela manhã, a atribuição de aulas foi feita para docentes efetivos, conforme resolução do SME. Em seguida foi feita a atribuição de carga suplementar aos docentes efetivos da rede municipal de ensino (projetos especiais de educação integral e aulas remanescentes de classes comuns).

No período da tarde, a atribuição foi feita aos docentes admitidos em caráter temporário (PEB I, PEB I de Atendimento Educacional Especializado, Educação Física, educação Musical, Projeto de Educação Integral), classificados nos Processos Seletivos em vigor.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Simone Aranda, “estão sendo atribuídas salas de aulas de Educação Infantil e Fundamental Ciclo I, para atender aproximadamente 3500 mil alunos da rede municipal que possui atualmente 26 professores pelo convênio de municipalização de ensino e 136 professores efetivos”.

Segundo ela, o processo de atribuição de aulas ocorreu como planejado pela Equipe da Secretaria Municipal de Educação, sem nenhuma anormalidade.

CASAL DE EMPREENDEDORES DE JALES SE DESTACA NO MERCADO DE PROCESSAMENTO DE EMBUTIDOS E DEFUMADOS

A notícia da assessoria de imprensa do Sindicato Rural de Jales, sobre o casal da foto acima, é interessante. Abaixo, apenas um resumo da história que, certamente, estará nos jornais locais, no final de semana:

Coragem e perseverança. Assim se resume a história de sucesso do casal Adir Buch Simão e Roselídia Berceline Simão.

O casal de empreendedores por natureza, ou melhor, por persistência, trabalha há 4 anos no Comboio de Jales vendendo principalmente carne suína defumada e embutida. Especialistas no ramo, os dois começaram juntos no próprio negócio em 2008, a partir do curso de Processamento Artesanal de Carne Suína, oferecido gratuitamente pela FAESP/SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), através do Sindicato Rural de Jales.

De lá para cá, devido a problemas de saúde, Adir decidiu mudar de profissão, depois de trabalhar por 18 anos como serralheiro industrial de frigorífico. A iniciativa aliada à busca por um sonho antigo, o motivou a buscar outra atividade, para isso, ele completou os estudos com os cursos de Processamento Artesanal da Carne de Frango, Processamento Artesanal de Ovinos, de Peixe, entre tantos outros oferecidos pelo Sindicato Rural.

 “Apesar de ter boas condições financeiras, eu não tinha qualidade de vida, estava sempre longe da minha família e hoje, além de ter meu próprio negócio, ainda estou perto de todos que amo e isso não tem preço”, disse Adir.

CARDOSÃO FAZ ANIVERSÁRIO E AGENDA VISITA DE ALCKMIM A JALES

O presidente do PSDB local, Carlos Roberto Cardoso da Silva, o Cardosão,  aniversariou ontem. Como o Cardosão foi meu colega de ginasial, na EE “Euphly Jalles”, eu acredito que ele já esteja chegando aos cinquenta anos de idade. Certamente que o tucanato se reuniu,  ontem à noite, para comemorar a data festiva.

Por sinal, há alguns dias, Cardosão empreendeu viagem a São Paulo onde se reuniu com o secretário estadual de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Júlio Semeghini. Na pauta, a vinda do governador Geraldo Alckmim a Jales, para inauguração de mais um trecho da duplicação da “Euclides da Cunha”.

A data ainda não está definida, mas tudo indica que o governador poderá estar em Jales até o final de fevereiro. Cardosão não disse, mas fontes fidedignas garantem que Semeghini está empenhado em fortalecer o PSDB de Jales e a vinda do governador seria apenas o passo inicial.  

OBRA DA ALL MOBILIZA VEREADORES

A notícia é da assessoria de imprensa da Câmara Municipal:

Na manhã de ontem, terça-feira, os vereadores André Macetão e Luís Rosalino visitaram obra de interdição da ALL – América Latina Logística, no Jardim Paulista, após o recebimento de reclamação dos munícipes. 

Desde o dia anterior, segunda-feira, 28, a equipe da ALL está efetuando as medidas necessárias para construção de um novo trilho de passagem para trem de carga. 

No local, os vereadores, indignados com a falta de planejamento do trabalho que está sendo executado, solicitaram a imediata produção de uma passagem para os pedestres, visto que as máquinas estão bloqueando completamente a travessia. 

Vale ressaltar que durante a visita não foi apresentada aos edis a autorização da Prefeitura de Jales e por motivos de segurança, os vereadores permaneceram no local até que a solicitação fosse atendida e a população recebesse mais informações sobre a obra. A previsão é de que a ALL entregue o trabalho finalizado ainda hoje. 

A Câmara de Jales, a pedido do vereador Gilberto Alexandre de Moraes, está protocolando requerimento solicitando diversas informações à ALL e ao Poder Executivo com relação à execução da obra. O mesmo deverá ser apreciado na próxima sessão ordinária, prevista para segunda-feira, dia 04 de fevereiro.

1 351 352 353 354 355 615