BOLSONARO E FILHOS MULTIPLICAM PATRIMÔNIO NA POLÍTICA

A Folha de S.Paulo, a Veja, a Globo e outros membros do PIG, que propagaram o discurso do ódio e a criminalização da política, são os responsáveis pela criação do “fenômeno” Bolsonaro. E agora os criadores tentam cortar as asas da criatura. A notícia é do Brasil 247, com informações da Folha:

O deputado federal e pré-candidato à presidência da República Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e seus filhos multiplicaram seu patrimônio desde que entraram na política, segundo levantamento do jornal Folha de S.Paulo.

Bolsonaro e seus três filhos que exercem mandato, Eduardo, Carlos e Flávio, são donos de 13 imóveis com preço de mercado de pelo menos R$ 15 milhões em pontos valorizados no Rio de Janeiro, como Copacabana, Barra da Tijuca e Urca.

Os apartamentos e casas foram comprados, na última década, com preço abaixo da avaliação da Prefeitura à época na cidade, segundo a Folha. Quando entrou na política, em 1988, Bolsonaro declarava ter apenas um Fiat Panorama, uma moto e dois lotes de pequeno valor.

Até 2008, a família declarava à Justiça Eleitoral bens em torno de R$ 1 milhão, o que incluía apenas 3 dos atuais 13 imóveis. As principais aquisições ocorreram nos últimos dez anos. A evolução patrimonial dos quatro se mostra, portanto, acelerada. Todos se dedicam hoje apenas à política.

9 comentários

  • Acreditar jamais

    Já que o povo quer se fuder mesmo principalmente a classe menos favorecidos, se o Lula não for candidato vou votar no bolsonaro, aí neguinho vai urrar mesmo.

  • Marcos R Mota

    Povo sem instruçao procura herois e optam por essas coisas aí. Lamentável.

    • ...FRATELLO..."""YOUNGER BROTHER"""

      NOSSO FUTURO

      DEPUTADO

      VAMO RecicFla-ELE-?0??(2022)…. PENSEM NISTO … KKKkkkkkkkkk Aha Aha Aha kkkkkkkkkkKKK……

  • COM CERTEZA

    NUM E…

    NUM E…

    … …BRINKKKADEIRA… …

    N A O

    … …E V E R D A D E… …S I M… …Aha Aha Aha…

  • Conversa mole

    Não acredito que A Folha de S.Paulo, a Veja, a Globo e outros membros do PIG, que propagaram o discurso do ódio e a criminalização da política, são os responsáveis pela criação do “fenômeno” Bolsonaro.
    Até porque menos de 1% da população leem a Folha e a Veja portanto não interferem no fenômeno Bolsonaro. Na Globo, assisto o JN sendo um jornal informativo baseado nos fatos publicados pela mídia.
    O ódio foi criado em função dos eleitores “petralhas e coxinhas” quererem transferir a culpa para os outros e não assumir a culpa.
    O exemplo do ridículo disso foi aparecer uma denuncia contra Lula e os petralhas “lembrarem” FHC, depois de mais de 13 anos atras.
    A criminalização da politica é normal depois da classe politica assaltarem o pais

  • CONVERSA MOLE—-só pelo fato de não acreditares que a Globo, a Folha, a Veja e de você assistir o Jornal Nacional já da para perceber o quanto instruído sua pessoa é sobre politia e a mídia brasileia, antes de continuar uma pergunta: 1***a Globo ajudou a dar início a Ditadura no Brasil ? Vais dizer que não. então preste atenção:
    ——Documentos dizem que Roberto Marinho (Rede Globo) foi principal articulador da Ditadura Militar. , Publicado por Wagner Francesco em 20 outubro de 1.969.
    Em telegrama ao Departamento de Estado norte-americano, embaixador Lincoln Gordon relata interlocução do dono da Globo com cérebros do golpe em decisões sobre sucessão e endurecimento do regime.
    Documentos dizem que Roberto Marinho Rede Globo foi principal articulador da Ditadura Militar
    No dia 14 de agosto do 1965, ano seguinte ao golpe, o então embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Lincoln Gordon, enviou a seus superiores um telegrama então classificado como altamente confidencial – agora já aberto a consulta pública. A correspondência narra encontro mantido na embaixada entre Gordon e Roberto Marinho, o então dono das Organizações Globo. A conversa era sobre a sucessão golpista.
    Segundo relato do embaixador, Marinho estava “trabalhando silenciosamente” junto a um grupo composto, entre outras lideranças, pelo general Ernesto Geisel, chefe da Casa Militar; o general Golbery do Couto e Silva, chefe do Serviço Nacional de Informação (SNI); Luis Vianna, chefe da Casa Civil, pela prorrogação ou renovação do mandato do ditador Castelo Branco.
    No início de julho de 1965, a pedido do grupo, Roberto Marinho teve um encontro com Castelo para persuadi-lo a prorrogar ou renovar o mandato. O general mostrou-se resistente à ideia, de acordo com Gordon.
    No encontro, o dono da Globo também sondou a disposição de trazer o então embaixador em Washington, Juracy Magalhães, para ser ministro da Justiça. Castelo, aceitou a indicação, que acabou acontecendo depois das eleições para governador em outubro. O objetivo era ter Magalhães por perto como alternativa a suceder o ditador, e para endurecer o regime, já que o ministro Milton Campos era considerado dócil demais para a pasta, como descreve o telegrama. De fato, Magalhães foi para a Justiça, apertou a censura aos meios de comunicação e pediu a cabeça de jornalistas de esquerda aos donos de jornais.
    No dia 31 de julho do mesmo ano houve um novo encontro. Roberto Marinho explica que, se Castelo Branco restaurasse eleições diretas para sua sucessão, os políticos com mais chances seriam os da oposição. E novamente age para persuadir o general-presidente a prorrogar seu mandato ou reeleger-se sem o risco do voto direto. Marinho disse ter saído satisfeito do encontro, pois o ditador foi mais receptivo. Na conversa, o dono da Globo também disse que o grupo que frequentava defendia um emenda constitucional para permitir a reeleição de Castelo com voto indireto, já que a composição do Congresso não oferecia riscos. Debateu também as pretensões do general Costa e Silva à sucessão.
    Lincoln Gordon escreveu ainda ao Departamento de Estado de seu país que o sigilo da fonte era essencial, ou seja, era para manter segredo sobre o interlocutor tanto do embaixador quanto do general: Roberto Marinho.
    Documentos dizem que Roberto Marinho Rede Globo foi principal articulador da Ditadura Militar no Brasil.
    O histórico de apoio das Organizações Globo à ditadura não dá margens para surpresas. A diferença, agora, é confirmação documental.
    https://thumbs.jusbr.com/filters:format(webp)/imgs.jusbrasil.com/publications/noticias/images/1424258012.jpeg

    https://thumbs.jusbr.com/filters:format(webp)/imgs.jusbrasil.com/publications/noticias/images/1424258103.jpeg

    https://thumbs.jusbr.com/filters:format(webp)/imgs.jusbrasil.com/publications/noticias/images/1424258103.jpeg

    Quanto a população que leem a Folha é de mais de 38% e é o primeiro jornal com maior números de eleitores e de circulação e sua origem remonta ao início do século passado e a média de circulação em 2018 foi de 308. 735 exemplares dias. Tá por fora em COISA.
    e O DISCURSO DE INVEJA E ÓDIO CONTRA O PT E LULA VEM SIM DA FOLHA MAIS PRINCIPALMENTE DA GLOBO E SÓ PARA TERES UMA IDEIA E NÃO FICAR DANDO UMA DE IMBECIL POLITICO, DOMINGO PASSADO A GLOBO PRATICAMENTE LANÇOU LUCIANO HUCK NO FAUSTÃO, A PRESIDÊNCIA POIS A MESMA TEM CERTEZA QUE ALKIMIN NÃO EMPLACA. TA POR FORA COISA.
    Ó ódio foi criado por pessoas como você que são da direita golpista, fascista, burguesa e capitalista e tem medo de se mostrar perante a sociedade. Um conselho vai bater panelas e fazer passeatas. Sabe por que lembramos de FHC, pois foi o único presidente da direita num período que foi até 2002. TA POR FORA COISA.
    VEJA ALGUMAS REALIZAÇÕES DO GOVERNO LULA:
    )***Reduziu a inflação de 12,5% (2002) para 4,3% (2009) ao ano; a taxa média anual de inflação no governo Lula (6% ao ano) é menos da metade da que tivemos no governo FHC (12,5% ao ano);
    ***Aumentou o salário mínimo para o seu maior patamar em 40 anos, com um aumento real de 74% entre 2003/2010;
    ***Aumentou as exportações de US$ 60 Bilhões/ano (2002) para US$ 198 bilhões/ano (2008) acumulando um crescimento de 230% em 6 anos; Em 2010, as exportações deverão superar os US$ 200 bilhões, o que acontecerá pela primeira vez na história do Brasil.
    ***A concentração de renda e as desigualdades sociais diminuíram sensivelmente; o índice de Gini atingiu o menor patamar da História;
    ***Gerou 15 milhões de empregos formais entre 2003/2010;
    ***Reduziu o percentual da população brasileira que vive abaixo da linha de pobreza de 28% (2002) para 19% (2006), segundo o IPEA;
    ***Criou programas sociais inclusivos, como o Bolsa-Família, ProUni, Brasil Sorridente, Farmácia Popular, Luz Para Todos, entre outros, que beneficiaram aos pobres e miseráveis e contribuíram para melhorar a distribuição de renda;
    ***Anulou portaria do governo FHC que proibia a construção de escolas técnicas federais e iniciou a construção de dezenas de novas unidades e que foram transformadas em Institutos Superiores de Educação Tecnológica (são 214 novas escolas técnicas federais construídas entre 2003/2010);
    VAI PESQUISAR BOIOLA. TA POR FORA COISA.

  • O Bolsonaro e suas diatribes:Em um passado não muito distante o deputado disse que sonegava impostos mesmo,e recentemente ao ser perguntado o que fazia com o dinheiro que recebia do auxílio-moradia (mesmo tendo imóvel em Brasília) o nobre parlamentar disse que por ser solteiro na época,usava para ”comer-gente”.

  • JAIR

    É melhor JAIR se acostumando!!!!

    MITO! MITO! MITO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *