1 comentário

  • Eles vão brigar mas um precisa do outro. Acabaram os" negócios"

    O governo do PT do Lula e Dilma sempre fizeram negócios com o governo da esquerda da Argentina. Pois Lula pressionou o BNDES a emprestar US$ 2 bilhões a eles, com o aval do governo. ou melhor, o contribuinte. Sempre para beneficiar a Odebrecht. Acabaram os negócios!
    Agora elegemos um presidente da direita que certamente apoiou o candidato da direita. Nas eleições primarias, o eleitor argentino votou na candidata da esquerda, como vice Cristina. A maior surpresa da corrida presidencial foi a decisão de Cristina de concorrer à vice. A ex-presidente já era a favorita para vencer o pleito. Não por causa do apoio do Bolso ao outro candidato que não se envolveu diretamente. Certamente porque a turma da Cristina Kirchner, amiga de Dilma Rousseff, juntou com os Peronistas.
    A senadora concorreu em uma chapa com Alberto Fernández, ex-chefe de gabinete durante o mandato de Néstor Kirchner e, durante um ano, do governo da própria Cristina. Mas, se a (Cristina) Kirchner quiser entrar e fechar a economia deles? Se isso acontecer, o Brasil sairá do Mercosul.
    Agora vamos ficar preocupados com a relação comercial entre os dois governos pois Argentina é um grande parceiro comercial com o Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *