PREFEITO TUCANO PODE SER AFASTADO DO CARGO POR FRAUDES EM LICITAÇÕES

Enquanto o PT divulga que o Ministério Público do Estado de São Paulo persegue prefeituras petistas, o blog Amigos do Presidente Lula divulga notícia sobre investigação do MP contra prefeito do PSDB. Reparem que o promotor da 3a. Vara de Jales, André Luís de Souza, é um dos proponentes da Ação Civil Pública contra o tucano:

O prefeito de Bom Jesus dos Perdões, Carlos Riginik Júnior(PSDB-SP), acusado de fraude em licitações, deve se afastar de suas funções sob pena de multa diária de R$ 5 mil. A decisão da juíza Fernanda Gonçalves Grabert foi divulgada pelo Ministério Público (MP) de São Paulo nesta quarta-feira, 29.
 
 
O MP pediu o afastamento e a decretação da indisponibilidade de bens do prefeito Carlos Riginik Júnior e de mais quatro pessoas que integram a Comissão Permanente de Licitação da Prefeitura de Bom Jesus dos Perdões. No final de 2008, o prefeito determinou a abertura de dois procedimentos licitatórios para a realização das festas de final de ano no município, segundo a ação. Segundo os promotores, os dois procedimentos tinham o mesmo objeto, com contratação para o mesmo evento, local e datas coincidentes.
 
 
Feitos na modalidade carta-convite, os procedimentos foram vencidos por uma mesma empresa, a Frezan Locação e Eventos Ltda., sediada em Suzano, que recebeu R$ 61,1 mil por um contrato e mais R$ 55,1 mil pelo outro contrato.
 
 
O processo licitatório foi, na verdade, uma fraude porque as propostas encaminhadas pelas empresas participantes foram produzidas por uma mesma pessoa, defendeu o MP. Além disso, erros de grafia foram comuns em todos os documentos juntados na ação mesmo oficialmente sendo de empresas diferentes. Uma funcionária do Setor de Compras e Licitações da Prefeitura afirmou em depoimento na Polícia Federal que as cartas convites foram entregues diretamente ao prefeito e que ele as devolveu preenchidas.
 
 
A ação civil de responsabilidade civil por ato de improbidade administrativa foi proposta na semana passada pelos promotores de Justiça Jacqueline Aparecida Casado Navajas, André Luís de Souza, Cleber Rogério Masson e Ernani de Menezes Vilhena Junior.

7 comentários

  • Juju 1030

    Será que o tucano também vai alegar perseguição?

  • zÉ DAS cOVES

    Acho que o promotor deveria analisar o caso da lanchonete portal, lá no portal de saída de Jales. Alem de dar aquele lugar de mão beijada para iniciativa privada explorar, agora pintaram com a cor do PT. Propaganda da DESadministraçao Parini.
    Mas confesso que se eles quiserem me dar uma mamata destas, um lugar bom daqueles pra eu montar uma lanchonete, escola, boteco, estacionamento de bicicletas, zona ou qualquer coia eu aceitaria na hora e ainda me filiaria ao PT.

  • Anônimo

    Anota aí, Cardoso: O vereador Macetão foi flagrado pela Polícia Ambiental cortando árvores nativas na Chácara da Mãe dele.Os policiais fizeram a autuação, multaram ele e apreenderam as árvores cortadas. “O pau torou”.Dizem que ele foi preso.

  • Chiquinho

    Cardosinho, isso é verdade??? Outra coisa, ouvi falar que o macetão está organizando uma parada gay em Jales. É verdade?? Tanta coisa importante pra ele correr atrás, vai se meter com parada gay. aff

  • Chiquinho

    ouvi falar que o macetão está organizando uma parada gay em Jales. É verdade?? Tanta coisa importante pra ele correr atrás, vai se meter com parada gay

  • Anonimo

    O DR ANDRÉ NÃO VAI DEIXAR DE TRABALHAR NUNCA,NÃO IMPORTA AONDE ELE VÁ, SEU TRABALHO É MARAVILHOSO.QUEM ESTA PERDENDO SÃO AS PESSOAS QUE NECESSITAM DO MINISTÉRIO PÚBLICO. ELE FAZ FALTA.

  • Anônimo

    O Chiquinho,vc não sabe que gay também vota… se juntar os assumidos e os enrustidos de Jales, o cara leva até pra PREFEITO!!! entendeuuuuuuuu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *