TODOS OS PALAVRÕES DO PRESIDENTE

O jornalista Joaquim Carvalho, do DCM, teve a pachorra de contar as palavras de baixo calão ditas durante a reunião ministerial do governo Bolsonaro. É possível que nem as reuniões do “escritório do crime” alcancem um nível tão baixo. E o que é pior: o gado bolsonarista gostou do que ouviu.

As palavras PORRA e PORRADA, por exemplo, foram mencionadas 23 vezes, quase todas por Jair Bolsonaro. O ministro Paulo Guedes também recorreu a uma delas ao falar em privatizar “essa porra” do Banco do Brasil.

Para não ficar atrás, o presidente da Caixa Federal, um tal Pedro Guimarães, também citou uma delas ao falar da “ladroagem do PT, PMDB e PSDB”. Ele deve saber do que está falando, já que é genro do ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, que, para escapar da prisão, delatou Lula no caso do apartamento.

A palavra PUTA foi falada oito vezes. Já o termo BOSTA foi lembrado sete vezes, inclusive para se referir à Folha de S.Paulo, ao governador Dória e ao prefeito de Manaus, o tucano Arthur Virgílio.

O governador do Rio, Wilson Witzel, mereceu um xingamento exclusivo – ESTRUME, que é a bosta do gado – que foi dito apenas uma vez, para se referir a ele.

MERDA foi dita cinco vezes, todas pela boca de Bolsonaro. A diarreia verbal do Bozo incluiu ainda a palavra CACETE, que, convenhamos, nem é de tão baixo calão assim. CARALHO também foi citada, mas pelo ministro Braga Neto.

O jornalista reparou, também, que a palavra PANDEMIA foi lembrada apenas quatro vezes, nenhuma delas por Bolsonaro. E Damares a citou não para lamentar as mortes ou propor alguma saída, mas para pedir a prisão de governadores e prefeitos que estão tentando reduzir a circulação de pessoas.

AMOR foi dita duas vezes. Uma quando Bolsonaro falou que não tem amor pelo mandato e a outra quando gritou “pelo amor de Deus”, ao advertir os ministros de que eles deveriam defende-lo das críticas da imprensa.

Aliás, um governo que citou DEUS na campanha eleitoral o tempo inteiro, foi econômico no uso da palavra durante a reunião ministerial. Além do “pelo amor de Deus” presidencial, o Altíssimo só foi lembrado mais uma vez, quando Bolsonaro fez lá uma ameaça não sei a quem.

JESUS CRISTO? Bem, esse passou ao largo da reunião. Nem a ministra Damares, que já o viu em uma goiabeira, se lembrou de invoca-lo, mesmo que fosse para expressar espanto – “Jesus Cristo!” – diante dos palavrões que estava ouvindo.

A charge lá de cima é do Sponholz.

12 comentários

  • Bolsodoria da depressão

    Cardosinho por favor faça uma matéria do pedido de dinheiro pra Band do puxa saco do Datena!

    • Rapizodia

      Viu como o mundo da voltas!? Vê-se que Datena entrevistou o Presidente e alisou o governo a pedido, pois havia interesses envolvidos e socorro para mídia, só a condescendente ao governo ou alinhada. Depois ele vem com aquela cara de biscoito traquinas defender a empresa dele como se a tivessem aviltado. A Band e o Datena trabalham alinhados com a ocasião, melhor seria explicitar como Sílvio Santos, seria mais honroso e soaria menos hipócritas.

  • Meu nome é Enéias.

    Chora mais que tá pouco .
    Depois desse vídeo Bolsonaro já está reeleito em 2022.

    • Rapizodia

      Enéias, você viu a reunião!? É sério que são esses tipos que você quer para governar o Brasil!? Você acredita que não temos escolha ou que não temos melhores!?
      Estes alinhamentos como o seu é que sustentaram petistas, peessedebistas, emedebistas e tantos outros ‘istas’ que ferraram e ainda ferram com a gente. Nós somos o Brasil, o verdadeiro, e não essa desordem corrupta, burra e ignorante que este governo quer implementar a título de ser melhor que governos anteriores. Nós temos e queremos mudar este país, mas este caminho está torto demais, vamos ter que escolher outro, e claro, correr novos riscos, mas principalmente, não sermos idiotas de novo.

  • A Globolixo, abismada, também contou os palavrões do Presidente, só que em suas novelas a putaria rola solta.

  • Está na hora de discutir o impeachment

    Bolsonaro deve ter arrependido de demitido Moro. Perdeu um pouco de sua popularidade que está muito pequena. Já briga com o congresso porem teve que negociar com o Centrão. O “toma lá, dá cá” voltou. Com mais de 30 pedidos de impeachment Bolsonaro exigiu de seus ministros defende-lo. Está desesperado!
    Brigou com o STF que agora com o video, a relação piorou. Bolsonaro deverá procurar Toffoli para diminuir mal-estar e evitar retaliação no STF após vídeo.
    Gravação é citada por Moro como evidência de que presidente tentou interferir politicamente na PF. Palavrões, baixarias, com tom agressivo não me surpreendeu porem é total desespero!
    “Por mim, botava esses vagabundos todos na cadeia. Começando no STF’, disse Weintraub em reunião. Agora o ministro está com medo de ser processado pelo STF.
    ‘Vamos pedir a prisão de governadores e prefeitos’, afirmou Damares em vídeo. Que vergonha! Explica isso, ministra?

  • Bolsonaro : de reu de facada à acusação de interferência na PF, pedidos de impeachment e ações eleitorais

    Com mais de 500 dias de governo, Bolsonaro já tem mais de 30 pedidos de impeachment já protocolados. Além de inquérito, a participação de Bolsonaro em seguidas manifestações antidemocráticas e sua atuação diante da pandemia do novo coronavírus.
    No TSE. tem cinco ações que questionam a chapa Bolsonaro-Mourão por supostos crimes criminosos, no whatsapp, cometidos durante a campanha da eleição.
    Acusações de que teria tentado interferir em investigações tocadas pela PF. A acusação, feita pelo Moro, levou à abertura de uma investigação. Tudo isso pode culminar com o afastamento do Bolso.
    Bolsonaro depende de Rodrigo Maia e do Centrão que foram “comprados” pelo “toma lá, dá cá”. Rodrigo parou de criticar o Bolso e não analisa os pedidos de impeachment. Só arquiva! Até quando?
    Bolsonaro deu emprego aos generais e acha que tem as Forças Armadas, ao seu lado. Acho que Bolsonaro embora bem-intencionado, fala muitas impropriedades. Não estava preparado para ser presidente. Parece um presidente de botequim! Vejam o nível da reunião ministerial.
    Bolsonaro, faz um favor a nação, pede para sair. E não esqueça das malas. Deixa o Mourão ficar na sua casa.

  • PRODUZ, OU TÁ FORA

    KKKKKKK
    VÃO TRABALHAR NO SISTEMA COCA COLA, VÃO TRABALHAR NO SISTEMA AMBEV, KKKKKKKKKK, ISSO QUE PRESIDENTE FALOU, OU FEZ, “É CAFÉ PEQUENO”.

    • Tá na hora de discutir o impeachment 2

      Produz ou tá fora
      o Lula fez pior que isso e tem gente que quero que ele volte

    • rapizodia

      Você pontuou bem, em reuniões empresariais as palavras são duras, mas tem direção, e a direção é a organização do lucro ou apontamento de uma forma de obtê-lo a qualquer custo. Me aponte no vídeo da reunião ministerial um único participante que não tenho só bajulado o Bozo e que tenha apresentado aos seus pares alguma ação ou plano de sua atuação na pasta sob seus cuidados. O que foi mostrado é um bando de despreparados, mafiosos, lambe botas e pior, conspiradores do povo brasileiros que esperam a 14 meses alguma mínima iniciativa de organização do Estado. E o Presidente!? Ele liderando a reunião e só preocupado com a política, exigindo alinhamento no enfrentamento de problemas que são particulares dele, são seus filhos, seus parentes e amigos e não tem qualquer relação com os problemas do povo brasileiro. Que tivessem xingado e soltado todos os cachorros, mas que apresentassem alguma saída estratégica para nossos problemas. E alguns ainda vem aqui debochar de uma desgraça que ele está fazendo parte, é praticamente canibalismo.

  • Tá na hora de discutir o impeachment 2

    Produz ou tá fora
    o Lula fez pior que isso e tem gente que quero que ele volte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *