EM FERNANDÓPOLIS, SEXO BARULHENTO (E DEMORADO) DE CASAL INCOMODA VIZINHANÇA

sexo orgasm-600x400

Um site de notícias de Fernandópolis está noticiando que alguns moradores do bairro Jardim Universitário, naquela cidade, estão incomodados com as longas sessões de sexo de um casal vizinho e, principalmente, com os gritos da mulher.

O detalhe é que a militância sexual do casal ocorre, normalmente, nos finais de semana e durante o dia, quando as crianças da vizinhança estão acordadas e atentas a toda e qualquer movimentação. “Penso que todo mundo gosta de fazer sexo, mas não queremos participar da vida sexual deles”, reclamou um vizinho.

Outro vizinho reclamou que, além dos gritos da mulher, a performance do casal inclui palavras de baixo calão pronunciadas em alto e bom som. “São gritos e barulhos constrangedores por mais de duas ou três horas”, reclama o vizinho, provavelmente com uma pontinha de inveja.

De acordo com a notícia, os vizinhos do casal estariam promovendo reuniões para cobrar providências enérgicas das autoridades. O caso poderá ser enquadrado como “perturbação do sossego”.  

Aqui em Jales, um amigo deste blogueiro também andava incomodado com o barulhento desempenho de um jovem casal vizinho. Há algumas semanas, a mulher do meu amigo – curiosa que é – descobriu que os gemidos e sussurros supostamente produzidos pelos vizinhos vinham, na verdade, da TV do casal, que, pelo jeito, aprecia um bom filme pornô.

6 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *