MAIS UMA DO TAVINHO: PREFEITURA DE MESÓPOLIS TERIA COMPRADO REMÉDIOS COM PREÇOS SUPERFATURADOS

A condenação por fraudes em licitações, noticiada no post anterior, não foi a única má notícia que o ex-prefeito de Mesópolis, Otávio Cianci recebeu nos últimos dias.

A Justiça local recebeu, há alguns dias, uma nova ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público de Jales, na qual Cianci aparece como acusado, dessa vez na companhia de três empresas do ramo dos remédios.

Segundo a acusação, Cianci teria efetuado a compra de medicamentos de forma direta – ou seja, sem licitação – junto às três empresas, sediadas em São José do Rio Preto, Fernandópolis e Ouroeste. A compra dos medicamentos já foi julgada irregular pelo Tribunal de Contas.

A falta de licitação não foi o único problema: a Prefeitura de Mesópolis teria adquirido os medicamentos por preços superfaturados. Investigações promovidas pelo Ministério Público descobriram que em municípios da região do porte de Mesópolis, onde foram realizadas licitações, os mesmos medicamentos foram adquiridos por preços bem menores.

De acordo com o MP, os preços pagos pela Prefeitura de Mesópolis ficaram entre 48% e 290% mais caros do que em outros municípios da região. Na média, o superfaturamento teria ficado, segundo o MP, em 144%. Na ação, o Ministério Público ressalta que os mandatos de Otávio Cianci – que foi eleito em 2004 e reeleito em 2008 – foram caracterizados por inúmeras irregularidades e diversos escândalos, principalmente na área das licitações.

Não por acaso, o ex-prefeito de Mesópolis é, disparado, o campeão da região em ações de improbidade administrativa. Mas, se ele marcar bobeira, poderá ser ultrapassado pelo ex-prefeito de Dolcinópolis, o José Luiz Inácio de Azevedo. 

2 comentários

  • DDD

    Remédios adquiridos por valor de R$2,50 em carater emergencial, para a população não ficar sem, diz o MP que custa centavos. Mas vai lá na Droga Raia e vê o preço é R$4.00. Acho que pegam muito no pé dos prefeitos. Hoje em dia é um fumo ser prefeito!!!

  • Acreditar jamais

    O mais difícil é ver o ex prefeito ser acusado por um monte de irregularidades e ver a situação financeira dele o homem hoje tem uma pequena oficina anda em um uno velho. Como se diz quem assina é o responsável como ele estaria nesta draga se tivesse feito tantas coisas erradas? ????Não vale a pena ser prefeito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *