MESMO MORANDO EM IMÓVEIS PRÓPRIOS, MORO E BRETAS JÁ RECEBERAM MAIS DE MEIO MILHÃO EM AUXÍLIO-MORADIA

Deu na coluna do Domingos Fraga, no R7:

A Folha de S.Paulo revelou hoje que o juiz Sérgio Moro, principal responsável pela operação Lava Jato, recebe, desde 2014, o auxílio-moradia no valor de R$ 4.378, mesmo tendo imóvel próprio, localizado a 3 Km do local onde trabalha, em Curitiba.

Moro não é o primeiro juiz da maior operação anticorrupção do Brasil a ser alvo de polêmicas envolvendo o auxílio-moradia. Marcelo Bretas, responsável pelos julgamentos realizados no Rio de Janeiro, foi severamente criticado por receber o valor do benefíco, (um pouco menor) R$ 4.377,73, mesmo tendo residência própria. 

O caso do carioca chama mais atenção, pois sua esposa, também juíza, recebe, desde 2015, o mesmo auxílio, apesar de morar na mesma casa do marido, ou seja, eles recebem o valor duplicado.

Ao se defenderem sobre os casos, Moro e Bretas usaram a mesma justificativa para continuarem recebendo o benefício: o auxílio seria para compensar a falta de reajuste no salário nos últimos 3 anos. 

Somando os valores recebidos pelos dois magistrados, desde 2014, temos a quantia de R$ 358.984, sendo 179.498 pelos 41 meses de beneficio de Moro e R$ 179.486 pelo mesmo período de Bretas. Se computarmos, ainda, o valor duplicado recebido pelo juiz do Rio com sua esposa, este total salta para R$ 516.582, mais de meio milhão de reais.

1 comentário

  • É legal mas imoral

    A muito tempo que mais de 17 mil juízes, desembargadores e ministros de tribunais superiores recebem auxílio-moradia no país
    .Criado em 1972, o auxílio-moradia foi regulamentado pelo CNJ, em 2014, após a decisão liminar de Fux. O CNJ estabeleceu o valor máximo de R$ 4.377.
    Determinou que a verba seja concedida a todos os juizes que moram em locais onde não há imóvel funcional, mesmo os que tem residência própria.
    Agora esse benefício, no entanto, deve ser analisada pelo STF, mas não realidade, este beneficio virou salario, pois o salario dos juizes não recebe aumento, a 3 anos, que pela lei deveriam ser aumentados anualmente.
    Essas lei são uma vergonha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *