RAPAZ QUE AGREDIU AMBULANTE ATÉ A MORTE DIZ QUE NÃO É MÁ PESSOA

images-cms-image-000528455

O “Maníaco do Parque” também não era má pessoa. A notícia é do Jornal do Brasil:

Ricardo Martins do Nascimento, de 21 anos, disse estar arrependido de ter agredido e matado o vendedor ambulante Luiz Carlos Ruas, 54 anos. Ele falou rapidamente com os jornalistas enquanto era levado do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) para a Delegacia de Polícia do Metropolitano (Delpom), em São Paulo, onde passará por um reconhecimento das testemunhas.

Ricardo lamentou o ocorrido e disse que, se pudesse, faria algo para ajudar a viúva do ambulante. “Eu não sou má pessoa”, alegou. O acusado foi preso às 21h desta terça-feira (27) na casa de um amigo numa favela do município de Itupeva, região de Campinas. 

Caso seja reconhecido nesta quarta-feira (28) pelas 14 testemunhas, incluindo duas travestis e um funcionário da bilheteria, ele será levado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pinheiros, Zona Oeste da capital paulista.

Ricardo justificou que a confusão começou após o seu primo levar uma garrafada na cabeça. “Não acredito nisso, eles estão tentando reverter, mas as imagens estão claras, a covardia que eles fizeram”, disse o diretor do Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas, Oswaldo Nico. “Ele está contando uma história, que, para mim, não convence”, completou.

images-cms-image-000528459Em Tempo: O segundo suspeito de espancar até a morte o ambulante Luiz Carlos Ruas também foi preso nesta quarta-feira.

Alípio Rogério Belo dos Santos estava escondido na casa de um amigo na região de São Mateus, zona leste da capital paulista.

Ele será encaminhado para a Delegacia de Polícia do Metrô, na Barra Funda (zona oeste). A polícia chegou até o suspeito através de pistas.

2 comentários

  • Geroma.

    Claro que não é má pessoa! Más pessoas são as que não acreditam nele.kkkkkk…

    Se bobear, logo acham foto dele com camisa da CBF nas manifestações “Fora Dilma”, como a do moço de Minas Gerais que espancou a moça depois de confusão com a namorada delegada. Só gente fina!

  • Pior do que ser do mal,é ter a sensibilidade embotada pra não refletir sobre a gravidade do que fez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *