FARRA NO TURISMO: EX-PREFEITO DE AMÉRICO DE CAMPOS É ACUSADO DE IMPROBIDADE POR MPF

zhgabO Ministério Público Federal(MPF) de Rio Preto ajuizou ação de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Américo de Campos, César Schumaher de Alonso Gil, e mais duas pessoas, por uso indevido de R$ 100 mil repassados pelo Ministério do Turismo.

O dinheiro foi utilizado na contratação da dupla Zé Henrique & Gabriel para show musical da 32ª Feira Agropecuária de Américo de Campos, em junho de 2008.

De acordo com as investigações do MPF, a nota fiscal, no valor de R$ 103 mil, foi emitida em nome da empresa Marcinho Costa Produções Artísticas Ltda, mas o cheque foi emitido para outra empresa, a Paulo Sérgio Barbosa Produções ME.

Não bastasse isso, um dos integrantes da dupla confessou ao MPF que, à época dos fatos, em 2008, o valor normal de um show da dupla ficava entre R$ 25 mil e R$ 35 mil. Na nota fiscal consta, ainda, o nome de outros artistas que nem sequer foram contratados para a apresentação.

O Ministério Público Federal pede o ressarcimento total do dano causado aos cofres públicos no valor de R$184.119,38 devidamente atualizados até a data da sentença, suspensão do direito político por cinco anos e pagamento da multa civil no valor do dano causado.

Obs.: a empresa “Marcinho Costa Produções Artísticas Ltda”, citada na matéria, não pertence ao radialista Márcio Costa.

10 comentários

  • somos contra os politicos

    Os deputados (que conseguem a verba) e os prefeitos estao fazendo “esquema” com os empresarios e esquecem de dar “um por fora” para o cantor.
    Da’ tudo errado e ai sobra para a prefeitura devolver o dinheiro, ou melhor, para o povo pagara conta.
    E’ uma vergonha.

  • somos contra os politicos

    O ministerio do Turismo e’ comandado por partido de um ex-deputado da regiao.
    Todas as festas de peao tinham o nome dele.
    Mas ele pode voltar e vai ser como era…………….

  • popó

    EXISTE A N]MAFIA DO ASFALTO.

    EXISTE A MAFIA DO ISS.

    EXISTE A MAFIA DO MENSALÃO.

    E ESTA MAFIA DO MINISTÉRIO DO TURISMO QUE FOI UMA VERGONHA O DINHEIRO ERA LIBERADO NÃO PARA AS PREFEITURAS MAS DIRETAMENTE VIA VADÃO GOMES COM UM TAL DE (ZÉ MACACO SE NÃO TIVER ENGANADO QUANTO AO NOME)E AI ENTRA OS PREFEITOS DOIDOS PARA MORDEREM TAMBEM E ASSINAVAM TUDO SÓ NA NOSSA REGIÃO SÃO VARIOS PREFEITOS E EX PREFEITOS CASO DE POPULINA,PARANAPUÃ,MIRA ESTRELA,JALES,FERNANDOPOLIS,INDIAPORÃ ETC.ETC.ETC. E AI SERA QUE VAI FICAR POR ISTO MESMO OU ALGUEM VAI PAGAR POR ESTES DESVIOS DE DINHEIRO PUBLICO. VAI CHEGAR UMA HORA QUE PESSOAS SÉRIAS JAMAIS VÃO QUERER ENTRAR EM POLITICA POIS É SÓ FERRO. AI QUEM VAI LEVAR VANTAGEM OS MALANDROS DE SEMPRE

  • DESOCUPADA

    A mafia dos prefeitos,tá ai MP.

  • fora politicos corruptos

    PARABENS AO MINISTERIO PUBLICO
    O TRABALHO DE FISCALIZAR DEVE SER PERMANENTE PARA NÃO DAR ESPAÇO PARA POLITICOS CORRUPTOS FAZEREM SUAS FALCATRUAS.

  • anônimo

    estão pegando os prefeitos corruptos, mal assessorados, que fazem esse tipo de lambança… agora tem os prefeitos organizados e bem assessorados… estes se transformam em deputados, senadores…

  • Preto Véio

    Festa de Peão rima com corrupção!
    Contratação de dupla sertaneja rima com safadeza!

  • Anônimo

    Por isso que a maioria dos Prefeitos, inclusive nossa ungida, não abre mão da contratação da grade de shows, ta explicado, são todos iguais.

  • anonimo

    cade a justiça para pagar quem tem de receber da exposhow

  • povo

    cade os vereadores uqe foram usufruir do camarote da prefeita, o povo é quem paga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *