A TRIBUNA: CALLADO VAI RECAPEAR RUAS COM RECURSOS ANUNCIADOS POR NICE

capa tribuna 28.02.16O jornal A Tribuna deste final de semana está destacando a falta de empresas interessadas em vender massa asfáltica para a Prefeitura de Jales, o que vai atrasar o início da operação tapa-buracos que o prefeito Pedro Callado planeja fazer. O jornal está informando, também, que a Rua das Palmeiras e algumas ruas do bairro Roque Viola – todas muito esburacadas – deverão ser recapeadas com recursos anunciados ainda nos tempos da ex-prefeita Nice Mistilides.

E por falar em Nice, o TJ-SP julgou recurso do Ministério Público de Jales e negou o pedido dos promotores que pretendiam bloquear bens dos envolvidos no caso Facip 2013, entre eles a ex-prefeita e os assessores Adriano Lisboa, Angélica Boleta, Renato Preto e Roberto Timpurim. O bloqueio dos bens já tinha sido negado pela Justiça de Jales, em novembro de 2014. A Ação Civil Pública em que os envolvidos são acusados de improbidade administrativa segue tramitando na 4ª Vara Cível de Jales.

O concurso público que a Câmara vai fazer ainda no primeiro semestre; o 8º Festival Nacional de Teatro marcado para abril/maio, em Jales; a prisão de um golpista que estava aplicando o “boa noite Cinderela” em idosos de Jales; a inauguração de um Clube de Pôquer na cidade; e a trajetória do comerciante Jayme Pedro Pêgolo, que faleceu na terça-feira, 23, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, comentários sobre as críticas que os vereadores de Jales receberam por conta da aprovação do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. Na página de opinião, o elétrico Marco Antônio Poletto escreve sobre a arte de escrever, enquanto o Victor Pereira escreve sobre a falta de bons centroavantes no futebol brasileiro. No caderno social, destaque para o aniversário da enfermeira Celma Crepaldi e para o belíssimo sorriso da Cristiane Belini, registrado pela coluna do Douglas Zílio. 

8 comentários

Deixe uma resposta para Anônimo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *