EX-PREFEITA NICE MISTILIDES SE MUDOU PARA SANTOS

Boatos espalhados pela cidade dão conta de que a ex-prefeita Nice Mistilides estaria disposta a se candidatar a uma cadeira de vereadora nas eleições deste ano, pelo PTB.

Tudo indica, porém, que o boato não passa disso mesmo: um boato!

Como se sabe, para ser candidato a vereador, a pessoa precisa estar morando na cidade há pelo menos um ano. E a nossa ex-prefeita já não mora em Jales há algum tempo.

Até onde se sabe, Nice se mudou para Santos e alugou para um médico a casa que possui aqui em Jales, no condomínio Alpha. A transferência da ex-prefeita – que ocupa um cargo na Vigilância Sanitária Estadual – foi publicada no Diário Oficial do Estado do dia 05 de novembro de 2019.

Ainda sobre Nice: nos corredores da Prefeitura, comenta-se que ela e o ex-prefeito Humberto Parini já não poderão ser processados criminalmente por conta participação culposa de ambos nas estripulias da ex-tesoureira Érica Carpi. O crime já teria prescrito com relação a eles e a alguns ex-secretários.

Abaixo, a portaria que transferiu a ex-prefeita para Santos:

6 comentários

  • Grobo

    Melhor prefeito a Jales teve, como disse o Trump cassassao é golpe….

  • Thomaz

    Palhaçada esses crimes prescrever.

  • De Nice até a Dilma

    Se a Nice fosse petista, ela diria que sua cassação foi um golpe. Diria que foi traída pelos vereadores. Ela não dividiu “os lucros” com eles. Tiraram! Ao contrario dos petistas que inventaram um salario.
    Fico lembrando porque o presidente do sindicato fez greves contra ela? Ela não os lucros a ele? A muito tempo, ele está quietinho……….Aumento salarial é resolvido em uma reunião com o prefeito. Rápido!
    Lembro de seu ex guru, o Aldo! Este sim teve muitos lucros. kkkk Era o manda chuva. Grandes viagens com a patroa. Onde estará o Aldo?
    Será que ela sabia do roubo da Érica? Acho que não! Se não, ela teria pegado o negócio para ela

  • BOTELHO PINTO

    sera canditata a sindica do predio que vai morar. pelo menos com ela tinhamos praça limpa com fonte funcionando.

Deixe uma resposta para De Nice até a Dilma Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *