POLÍCIA AMBIENTAL APLICA MULTA DE R$ 5 MIL NA PREFEITURA DE JALES POR ‘CEMITÉRIO DE PNEUS’

DSC03779-edNão vai terminar em pizza a denúncia feita pelo elétrico Matogrosso – também conhecido como Lauro Figueiredo – junto à Polícia Ambiental, por conta do “cemitério de pneus” inaugurado pela nossa Prefeitura na vicinal “Osório Donda”, a Estrada do Café.

A CETESB, por exemplo, deu trinta dias para que a Prefeitura retire os pneus enterrados na margem da vicinal. De seu lado, a Polícia Ambiental decidiu aplicar uma multa de R$ 5 mil, por conta dos danos ao meio ambiente.

O lado ruim da história é que a multa está sendo aplicada à Prefeitura. Ou seja, a conta vai sobrar para os contribuintes, quando deveria ser paga pela prefeita Nice Mistilides e pelos assessores de confiança  nomeados por ela, como a secretária Sandra Gigante e o eletricista  Mauro da Silva Soares, que recebeu uma promoção da prefeita para cuidar das estradas rurais.

Sandra Gigante, por exemplo, alegou à polícia que o soterramento dos pneus tinha o intuito de promover a contenção de erosões existentes no local. Ela confirmou, ainda, que a sua Secretaria não tinha projeto nem autorização para enterrar os pneus.

Depois da CETESB e da Polícia Ambiental, resta saber, agora, o que poderá acontecer na esfera criminal. Sabe-se que a Polícia Civil foi acionada e registrou um B.O., enquanto o Ministério Público, de seu lado, também está acompanhando o caso.

13 comentários

  • AMIGO DA UNGIDA

    NÃO É O CONTRIBUINTE QUE É CULPADO POR ESTA
    IRRESPONSABILIDADE E SIM FUNCIONÁRIOS DESCLASSIFICADOS.
    ACREDITO QUE ATRAVÉS DESTA NOTICIA NOSSO MF QUE TOMAR
    AS DEVIDAS PROVIDENCIAS DESSA INJUSTA APLICAÇÃO NA
    POPULAÇÃO E DIRECIONAR NOSSA PREFEITA E SUBORDINADOS.

  • Neca Pedregulho

    Imagina que a Secretaria de Agricultura Pecuario e MEIO AMBIENTE, portanto responsavel por cuidar do meio ambiente fala uma asneira desta, teremos quatro anos de retrocesso na defesa do meio ambiente. Acho que SABESP, ECOAÇÃO, OAB, etc. devem urgentemente convocar uma dicussão acerca do assunto, antes que seja tarde de mais.

  • Bolo de Aniversário

    Na minha opinião a responsabilidade e tanto da Prefeita como de seus assessores que incompetentes para administrar o dinheiro público, eu acho que o MP vai tomar as devidas providências inclusive na esfera criminal, pois ambos cometeram um crime ambiental e não podem ficar impunes.

  • Nada

    Crime ambiental não é inafiançável?? A alguns anos atrás rapazes mataram pombinhas e usaram como desculpa a alimentação, eles ficaram presos até o julgamento se não me engano. Agora qual é a diferença?

  • Engenheiro

    Sem falar que há um TAC entre o Ministério Público e a Prefeitura que deve ser cumprido até 2014 e que nada foi feito. No aterro sanitário não há tratamento do chorume, vai para o córrego sem tratamento. O Aterro de Resíduos da Construção Civil não foi implantado de acordo com o projeto. O antigo lixão não foi encerrado. A PM Jales polui mais que qualquer industria e não está nem aí. É um descaso. Culpa de funcionário!!!! Conversa para boi dormir.

  • Pit Bull

    Espero que nossa justiça julgue o caso na mesma velocidade que concedeu o alvará para esta desastrosa festa e dentro do senso de justiça, não prejudique a população, através do pagamento da multa pela prefeitura, mas aos mandantes que irresponsavelmente desafiaram os princípios legais e o fez de maneira soberana, implementando leis e atitudes próprias.

    Que os responsáveis sejam expostos à luz da lei !!!

  • sqn

    A incompetencia, a falta de conhecimento e a falta de senso falta pra essa sandra e pro mauro, incrivel. maltratar os outros, eles sabem. Se colocassem um engenheiro agronomo ou ambiental pra cuidar daqele lugar talvez as coisas fossem melhor, mais não colocam uma zé ninguem. q não entende de nada. da nisso mesmo. ano q vem o IPTU vai vim o dobro ou o triplo né.

  • ZÉ MANÉ

    Cardosinho,eu já vi esse filme a muitos anos atrás,administração GUIZZO,mandou enterrar descarte de pneus na ROSALINA,tinha uma EROSÃO GRANDE em um sitio,sei onde é mas não sei o nome do proprietário,e foi para lá que se deu a destinação…alguém apreendeu a lição de casa e não esqueceu…colocou-a em pratica agora.

  • Um produtor rural

    Eu queria ver se fosse um produtor rural que tivesse tomado essa iniciativa.
    No mínimo levaria uma grande multa ou poderia até ser preso, mas como se trata da prefeita Nice e de seus apaniguados, vai uma simples multa e adeterminação para retirar os pneus.
    É realmente um Brasil incoerente, com dois pesos e duas medidas…..sempre.
    Isso mostra que aqueles que estão no poder, eleitos pelo povo e que DEVERIAM DAR EXEMPLO, pisam nas leis, rasgam a constituição e enterram tudo o que querem, pois o SENTIMENTO DA IMPUNIDADE é que norteia suas ações.
    Parabéns aos responsáveis pela fiscalçização por utilizarem dois pesos e duas medidas e assim vamos tocando nossa Jales, aos trancos, barrancos e buracos no asfalto.

  • Anônimo

    A Polícia Ambiental ta brincando tbm, multar a instituição é o mesmo que deixar como esta!

  • marina da silva soares

    ACHO ENGRAÇADO QUANDO O NOSSO ANTIGO PREFEITO DESVIO VERBAS ENORMES DA PREFEITURA DE JALES, CONSTRUINDO PISTAS DE SKATE, QUE HOJE SAO USADAS PARA MACONHEIROS USAREM DROGAS NINGUEM ACHOU RUIM, E AS OBRAS DO TREVO QUE ESTAVAM PARADAS E SO AGORA COMEÇARAM NINHUEM FALOU NADA
    E AS RUAS QUE NAS VESPERAS DA ELEIÇOES ELE COMEÇOU A ARRUMAR E DEPOIS DEIXOU QUE FOI ELEITO PAROU!!!
    ESSE POVO DEVE SER TODOS AKELES QUE PERDERAM AS TETAS COM SAIDA DO PARINI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *