Categoria: Sem categoria

EDUCADORA É DEMITIDA POR MAUS TRATOS A CRIANÇAS EM JALES

Deu no portal de notícias da Rádio Assunção:

Uma funcionária foi exonerada do quadro de servidores da Secretaria de Educação de Jales neste mês de agosto por agressões praticadas em uma creche, confirmou a própria secretária da pasta, Lourdes Marcondes Resende.

De acordo com a secretária, a conduta da servidora não estava sendo conveniente ao que é solicitado aos servidores que tem contato e responsabilidade com as crianças e adolescentes nas unidades de ensino da cidade.

Lourdes Marcondes afirmou que a funcionária exonerada já havia sido denunciada outras vezes e flagrada pelo sistema de monitoramento com um comportamento que demonstrava falta de paciência e inaptidão para a função, sendo advertida anteriormente.  

Desta forma os protocolos que são adotados em todas as creches e EMEIs de Jales não estavam sendo cumpridos. Contudo não existiram graves agressões que gerassem lesões para as crianças.

Assim que a Secretaria tomou conhecimento das ações da servidora, a mesma foi afastada de suas funções. O departamento jurídico da Prefeitura chegou a ser consultado, sendo que um processo administrativo foi instaurado, apurando assim as agressões. O resultado foi à exoneração da servidora. Todas as medidas cabíveis foram tomadas, o Conselho Tutelar também foi comunicado das ações.

De forma enfática Lourdes Marcondes, afirmou que este comportamento não condiz com a atuação dos demais servidores, lembrou ainda que todas as unidades estão equipadas com sistema de monitoramento. Caso a população tenha conhecimento de comportamentos deste tipo à secretaria deve ser imediatamente informada, para que ações como essa sejam tomadas.

BLOG SUSPENDE ATIVIDADES

Amigos leitores, ontem eu tirei um feriado pessoal para reflexão e concluí que devo suspender as atividades deste modesto blog por um tempo. Talvez até definitivamente. Problemas com a minha saúde – física e, dizem, mental – requerem que eu dedique mais tempo a mim mesmo.

Além dos atropelos com a saúde – nada graves, creio –  venho passando, também, por contratempos pessoais – estes bem mais graves – que estão me tirando o equilíbrio emocional e a concentração necessários para escrever. Sei que vocês não tem nada com meus problemas, mas creio que tenho a obrigação de dar esta explicação aos amigos que me acompanharam até hoje.

Foram seis anos completados agora em janeiro, 10.158 posts e mais de 100.000 visitantes únicos. Não sei se fiz por merecer a atenção e a amizade anônima de tanta gente, mas posso garantir que foi gratificante estar com vocês. Abraços e até quem sabe.

HOMENS ARMADOS ROUBAM FARMÁCIA NO CENTRO DE JALES

A notícia é do Jornal do Povo, da Rádio Assunção:

Dois homens armados assaltaram no final da tarde de ontem, sexta feira, uma farmácia que fica na avenida João Amadeu, próxima a Santa Casa de Misericórdia em Jales. De acordo com informações colhidas pela reportagem do Jornal do Povo, da Rádio Assunção, os rapazes estavam usando capacete no momento do crime.

Foram levados R$ 1.300 do caixa e, após o roubo, eles fugiram em uma moto de cor prata. Ninguém foi preso.

TEMER, O BRINCALHÃO

doidao

O comentário é do jornalista Fernando Brito, no Tijolaço:

A manchete de O Globo, agora à tarde, é de dar gargalhadas.

O país acaba de viver um impeachment com todas as características de um golpe político parlamentar.

O ex-presidente da Câmara dos Deputados foi afastado e cassado.

Metade dos integrantes do Governo está pendurado na Lava Jato.

Em quatro meses, tudo o que o Governo conseguiu aprovar foi o aumento do déficit público.

A crise econômica só melhora nos jornais e já não se descarta ter de fazer um “puxadinho” no déficit.

O líder brasileiro de maior prestígio político no mundo está denunciado e virou réu de um juiz-açougueiro.

As manifestações de hostilidade ao presidente golpista duram meses sem sinal de arrefecer.

O presidente da República não pode aparecer em público.

E o país “possui uma estabilidade política extraordinária”?

O homem está tomando os remédios direitinho?

JULIANO MATOS COMUNICA SUA SAÍDA DO IAMSPE DE JALES

O advogado Juliano Matos, presidente do PPS local, enviou nota à imprensa comunicando sua saída do Escritório Regional do IAMSPE de Jales. Ei-la:

juliano-matos-iamspeSenhores (as);

Venho através deste, comunicar que a partir deste dia 15 de setembro, estarei deixando a administração do Escritório Regional do Iamspe em Jales.

Foram 02 anos e 06 meses onde reestruturamos o escritório regional, aproximamos o órgão dos nossos prestadores de serviços, aumentamos a rede credenciada e garantimos mais opções aos usuários Iamspe.

Minha saída dá-se por opções profissionais, haja vista que na vida precisamos fazer escolhas, buscar e priorizar maiores e melhores oportunidades.

Agradeço o apoio que sempre tivemos do Iamspe em São Paulo e em São José do Rio Preto, bem como o apoio que a prefeitura municipal nos deu cedendo excelentes funcionárias. 

De momento, o escritório continuará apenas com servidora cedida pela prefeitura municipal, servidora esta que por sinal faz um excelente trabalho! 

Saio muito feliz com a experiência de gerir um escritório que me deu uma grande bagagem administrativa.

Obrigado a todos pelo apoio de sempre.

Juliano Matos

Iamspe Jales

PARINI É ALVO DE MAIS UMA AÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO

parini (1)O portal do Tribunal de Justiça publicou, na terça-feira, o ajuizamento de mais uma ação civil pública contra o ex-prefeito Humberto Parini, por ato de improbidade administrativa. Segundo o Ministério Público, apesar de alertado oito vezes pelo Tribunal de Contas, Parini fez dívidas em seu último ano de mandato para que fossem pagas por seus sucessores, o que é proibido pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

Não bastasse isso, Parini deixou de pagar, nos dois últimos meses de seu mandato, as contribuições devidas ao Instituto Municipal de Previdência, num total de R$ 852 mil O promotor Horival Marques de Freitas Júnior, que assina a ação, está pedindo que o ex-prefeito seja condenado, entre outras coisas, a ressarcir os prejuízos causados aos cofres públicos.

Mais detalhes sobre o caso, na edição desse final de semana do jornal A Tribuna.  

AOS AMIGOS E LEITORES: FELIZ NATAL!

DSC01131

Minha nora, a fotógrafa Lívia Cardoso, juntou os três sobrinhos – meus netos Samuel, Alice e Letícia – para um clique especial que ela inseriu no cartão de Natal que está sendo distribuído à família e aos amigos.

Aproveito a iniciativa da Lívia – que já era Cardoso antes de se casar com meu filho Igor – para retribuir as mensagens que chegaram, via email e celular, e desejar aos amigos e leitores deste modesto blog um Feliz Natal! 

PREFEITURA ATRASA SALÁRIO DE MÉDICOS. E O ESF DO JARDIM MUNICIPAL VAI CONTINUAR SEM MÉDICO POR MAIS ALGUM TEMPO

DSC00705-tribunaFontes do blog informam que a Prefeitura de Jales ainda não pagou o salário dos médicos que atuam nos postos de saúde do município. O pagamento deveria ter sido feito, segundo as mesmas fontes, no dia 10. Este seria o terceiro mês, consecutivo, em que ocorre o atraso.

Por outro lado, na Prefeitura a versão é de que o atraso não está ocorrendo por conta de falta de dinheiro nos cofres municipais. Ele seria decorrente de entraves burocráticos. Em outras palavras, da falta de um ou outro documento.

E já que estamos falando sobre médicos, as últimas informações dão conta de que o ESF do Jardim Municipal ainda vai continuar sem médico generalista por algum tempo. No Pregão realizado na quinta-feira passada, para contratação de médicos para o programa de Saúde da Família, não apareceram interessados em trabalhar naquele ESF.

Todos os demais postos do ESF – inclusive do Uni-América e do JACB, que também estavam sem médicos – tiveram interessados, os quais deverão assinar contrato nos próximos dias. Cada médico deverá receber cerca de R$ 13 mil mensais.

Para resolver o caso do Jardim Municipal, a Prefeitura deverá abrir uma nova licitação nos próximos dias.

AMIGO É COISA PRA SE GUARDAR

DSC02193-pq

O refletor lá atrás não contribuiu para a qualidade da foto. Mas ela mostra o grupo de amigos que se reuniu ontem no Albatroz Clube, para matar saudade dos velhos tempos, quando tínhamos um time de futebol quase imbatível.

De São Paulo, veio o amigo Luiz Antônio Gonçalves de Gouveia, o Peixão, que se aposentou no Banco do Brasil. De Rio Preto vieram o José Carlos Dan e o Manoel Nogueira, de Pereira Barreto o Edgar Colombo, e, de Fernandópolis, o Fernandinho Pereira.

Os demais continuam morando aqui em Jales. O prato de resistência foi um carneiro temperado pelo Maurício Teté.

O Albatroz Clube foi fundado em 1985 por 27 amigos que gostavam de jogar futebol e se juntaram para construir um campo de futebol society. Além dos já citados, outros fundadores – Favaron, Celso Silveira, Sílvio Botina, Edivaldo Paz Landin, Dario Mazzi, Deva Rossafa e o simpático professor Nelson Jr – também estão na foto.

O ex-gerente do Banco do Brasil, Paulo Esperandio, o funcionário da Câmara, Luisinho Abra, os empresários Dagoberto, Viscard e Flávio Amaral, e o corintiano Caio, filho do Celso, completam a foto.

PREFEITO DEFINE ALGUNS SECRETÁRIOS

O jornalista Francisco Melfi, que estava assessorando o prefeito de São Francisco, Maurício Honório de Carvalho, já começou a atuar como novo secretário de Comunicação da Prefeitura de Jales. Ele deverá,  ainda, responder interinamente pela Secretaria de Administração.

Chico Melfi já atuou em ambas as funções, em administrações anteriores, inclusive no governo Parini. Além dele, Callado está nomeando outros assessores. Consta que José Magalhães Rocha, ex-Frigo Estrela, deve assumir a Secretaria de Fazenda, enquanto o engenheiro Manoel Andreo de Aro deverá voltar a comandar a Secretaria de Obras.

O tucano Carlos Roberto Cardoso da Silva, o Cardosão, vai mesmo para a Secretaria de Promoção Social, enquanto o igualmente tucano Francisco Leonel Teixeira, o professor Chico, deverá ser o novo comandante da Secretaria de Educação.

Ainda no reino do tucanato, Ivan Bertucci Nunes aguarda a publicação de sua exoneração como assessor parlamentar da deputada Analice Fernandes, para ser nomeado como chefe de gabinete do prefeito Pedro Callado.

Ainda falta definir os nomes para o Esporte, a Procuradoria Geral, e para a Saúde, onde, por enquanto, Nilva Rodrigues continua como secretária.

1 2 3 5