A TRIBUNA: PREFEITURA CONSEGUE BAIXAR PREÇOS E OBRAS ESTIMADAS EM R$ 11 MILHÕES SERÃO FEITAS POR R$ 9,2 MILHÕES

No jornal A Tribuna deste final de semana, destaque para a licitação realizada pela Prefeitura de Jales na semana passada, para contratação das obras que serão feitas com o empréstimo de R$ 11 milhões obtido junto à Caixa Federal. Seis empresas participaram da licitação e, ao final, a Prefeitura conseguiu um desconto de 16% no preço das obras, o que significará uma sobra de quase R$ 1,8 milhão, dinheiro que poderá ser investido em outras prioridades. As obras licitadas irão beneficiar os distritos industriais I e III, o Jardim do Bosque e o Parque das Flores. As empresas Noromix e Carvalho Garcia, ambas de Votuporanga, foram as vencedoras.

Destaque, também, para o dinheiro que deverá entrar no caixa da nossa Prefeitura, por conta da cessão onerosa do pré-sal. Projeto aprovado pelo Senado Federal na terça-feira, 18, prevê que os recursos – mais de 100 bilhões – que serão obtidos pela União com o leilão do pré-sal, deverão ser partilhados com estados e municípios. Cálculos da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) estimam que Jales deverá receber cerca de R$ 3 milhões. O leilão está marcado para o dia 06 de novembro mas ainda não foi definida a data em que os recursos destinados aos estados e municípios estarão disponíveis.

O caso da empregada doméstica que furtou joias e semijoias da patroa, estimadas em cerca de R$ 40 mil e o caso do rapaz de Fernandópolis, que se desequilibrou ao fazer algumas manobras com sua moto, aqui em Jales, e acabou morrendo; a denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal de Jales contra 32 pessoas envolvidas nas fraudes no curso de Medicina da Universidade Brasil de Fernandópolis; a história dos dois cantores sertanejos que vendem suco em semáforos de Jales, para financiar a gravação do primeiro CD da dupla; e o lamentável estado em que se encontra o ônibus que transporta pacientes de Jales para Barretos e Rio Preto, são outros assuntos de A Tribuna.

Na coluna Enfoque, destaque para o piti do vereador Chico do Cartório, que, durante a discussão de um requerimento na sessão de segunda-feira passada, subiu o tom ao pedir que alguns colegas parem de puxar o saco do prefeito. Na página de opinião, os costumeiros artigos do doutor Valmor Bolan e do blogueiro Hélio Consolaro. E no caderno social, destaque para a coluna do Douglas Zílio e para a cantora Bia Ferraz, que participou do programa The Voice Brasil, da Globo, e ficou a apenas dois passos da final. Ela foi entrevistada pelo Daniel Zílio – irmão do Douglas – no programa que ele apresenta às sextas-feiras, na Rádio CBN Grandes Lagos (99,3 FM).

10 comentários

  • Eu

    Com essa sobra daria para fazer uma nova rodoviária.
    Igual a de Fernandopolis.

  • Grobo

    Da para reformar o aeroporto….

    • Parece que o cérebro desse povo de Jales está morrendo junto com a cidade, a cidade n tem nem o ônibus pra levar paciiente ao médico e o cara pensando em aeroporto .pra que aeroporto se não tem nem avião e muito menos demanda de passageiros? Acorda grobo,essa cidade acabou , já virou lagoa de politicos pescar votos.

        • Clarice

          Até político Que não conseguiu nada sua cidade já e cotado. Terra de ninguem

          • Tchau Brigado!!!!

            Não é que ele não conseguiu nada na cidade dele,talvez descobriu que Jales já virou lagoa de politicos então resolveu vir tentar a sorte em Jales, cai na rede quem quer. Pescador de fora come o onde ele mora

      • Pelo que parece voce eh um leitor consciente,,,,a nossa JALAO…estah se acabando, estamos perdendo ateh da cidadezinha com 35,000 habitantes a menos, no quesito geraçoes de empregos(URANIA), e se formos confrontar nesse quesito com tbm cidade menor 17.000 pessoas; perderemos de goleada(SANTA FE DO SUL), aquela cidade chamada por alguns nativos desta METROPOLE de CURRUTELA, hoje tem a maior fabrica de capotas maritimas da A.L.(FLASH COVER), molas SANTA FE. exclusiva fabricante da FIAT BETIM, frigorifico que emprega 650 pessoas. POLO CLIMA que tbm estah ampliando + 5.000 mts2 de fabrica p/ ser a maior do BRASIL no segmento de climatizadores(depois de pronta seu quadro de func.irah p/ + de 350), e a RAGUIFE que estah preparando para ser a maior fabricante de raçoes p/ peixe do BRASIL(hj ela fabrica + de 300.000 quilos e a partir de NOVEMBRO irah fabricar 500.000 quilos/dia, (leia-se GRUPO AMBAR AMARAL, soh ela hj jah emprega 555 pessoas e com a 4@ linha pronta seu quadro irah aumentar + de 100 pessoas, e sua logistica serah de + de 50 caminhoes. a CATUPIRY tbm irah ampliar logo q. o SAAE desative a lagoa de tratamento alih proxima dela, reabertura da antiga ZIPPY(hj. jah eh GLOBAL FOODS(gr.MARFRIG)), + 200 pessoas,(OBS. esta fica em STA CLARA D OESTE, mas lah nao tem toda essas maos de obras), a FLASH COVER CAPOTAS hj emprega 550 pessoas e ela irah montar a FLASH COVER ALUMINIO + 350 pessoas, lah naquela CURRUTELA dita por alguns jalesenses jah tem curso de MEDICINA e a partir do inicio de 2020 jah estarah c/ 125 alunos e a partir de agosto irah p/ quase 200 alunos isso X a R$ 7.000,00, esse montante sozinho quase cobre toda arrecadaçao mensal da nossa UNIJALES…e o q. mais me entristece eh que nunca teremos representantes no cenario politico estadual nem federal…A nossa JALAO soh teve um politico influente e foi qdo a cidade ganhou todos esses ORGAOS PUBLICOS…ele se chamava DR. ROBERTO DO VALLE ROLLEMBERG,… EM TEMPO….cade o dinheiro q. a laranjinha da ERICA surrupiou??? e o SUPER faturamento dos seguros da frota??? e do desvio do H.A…juntando esses dinheiros a nossa JALAO nao precisaria de se endividar ainda +, INFELIZMENTE o futuro da nossa JALAO eh tenebroso, as empresas estao encolhendo, isso quer dizer – arrecadaçao e + desempregados, espero q.o proximo EXECUTIVO tenha uma carta na manga da camisa p/ tirar a JALAO do fundo do POÇO….AHHHH…a fabrica de embutidos irah ampliar…..mas irah gerar uns miseros 60 postos de trabalho.

  • Clarice

    Concordo em quase tudo. Eu nasci aqui. Amo a cidade. Ficamos sempre esperando governo. Quem sabe faz a hora. E preciso lutar. Buscar. Fortalecer o que temos com um planejamento. A Unijales por exemplo precisa de ajuda política forte. As outras tiveram por isso cresceram. P Dr Rollemberg já dizia. Aproveitem a rodovia. A ponte. O fluxo será grande. Infelizmente viramos passagem. Mato Grosso Goiás. Minas passam direto. O que está segurando e o hospital câncer. Agora aparecem ineteressados prefeitura fazendo churrascos p ganhar eleição e rede social. Fundo poço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *