DEU NA FOLHA NOROESTE DE HOJE

O jornal Folha Noroeste deste sábado está trazendo a surpreendente informação de que Jales consumiu mais energia em 2016 do que as vizinhas Votuporanga e Fernandópolis, que possuem muito mais habitantes. Os dados constam do Anuário de Energéticos por Município do Estado de São Paulo. É importante ressaltar que o consumo inclui todo tipo de energia, inclusive de derivados de petróleo. Quando se trata apenas de energia elétrica, Jales consumiu menos que as vizinhas, mas, quando se considera todos os tipos, os consumidores jalesenses superam fernandopolenses e votuporanguenses.

O jornal está informando, também, que a Polícia Civil do Estado recebeu um reforço de 588 novos policiais, que irão atuar nas unidades estaduais da Polícia Judiciária. Ao todo, são 169 investigadores, 346 escrivães e 73 delegados de polícia, que passaram por quatro meses de curso de formação na Academia de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”. Pelo menos 249 novos policiais (33 delegados, 104 investigadores e 112 escrivães) irão atuar no interior do Estado. Segundo o deputado Itamar Borges(PMDB), Jales deverá receber 05 novos policiais civis.

Na coluna FolhaGeral, o resoluto editor-chefe Roberto Carvalho está noticiando que oTribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) determinou a cassação do mandato do deputado estadual Carlão Pignatari (PSDB) e o colocou na lista de políticos fichas sujas. A sentença é do desembargador Magalhães Coelho, que reformou decisão de primeira instância que havia livrado o parlamentar de condenação por improbidade administrativa na época em que ele era prefeito em Votuporanga. Carlão foi acusado de descumprir ordem judicial que mandou a Prefeitura fornecer medicamentos a um cidadão. O cidadão morreu, sem receber os medicamentos.

1 comentário

  • Ricardão

    SÓ PARA NÃO PERDER O COSTUME:*******

    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) cresceu cinco pontos percentuais e se isolou ainda mais na disputa pela Presidência da República nas eleições de 2018. Segundo a pesquisa mais recente do Instituto Datafolha, o petista acumula 35% das intenções de voto. Lula somou 30% no levantamento anterior, feito em junho — antes da condenação a nove anos e seis meses de prisão pelo juiz federal Sergio Moro.
    A íntegra da pesquisa será divulgada neste domingo. A prévia do estudo mostra que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e a ex-senadora Marina Silva (Rede) continuam empatados na segunda posição. Bolsonaro oscilou entre 16% e 17%, enquanto Marina variou entre 13% e 14%. Os números correspondem às medições feitas com Lula na disputa e são semelhantes aos índices de junho.
    Tanto o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, quanto o prefeito paulistano, João Doria, somaram 8% das intenções de voto. Os tucanos travam uma disputa pela indicação do PSDB para as próximas eleições presidenciais. Alckmin manteve seu índice sem oscilações, enquanto Doria caiu dois pontos percentuais na comparação com a pesquisa de junho. O resultado é frustrante para o prefeito, que tem viajado pelo país para ampliar seu capital político.
    Outro ponto de destaque é o crescimento de Lula em todos os cenários testados para um eventual segundo turno. Pela primeira vez o petista vence todos os seus adversários — antes, ele empatava tecnicamente com Marina Silva. A exceção é uma disputa com o juiz Sergio Moro, que nega ter pretensões de disputar a Presidência. O juiz federal, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, continua empatado tecnicamente com Lula.
    Sempre Lula na cabeça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *