JORNAL DE JALES: BISPO QUER MAIOR PARTICIPAÇÃO DOS CATÓLICOS NAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS DESTE ANO

Eis a capa do Jornal de Jales deste domingo, cuja principal manchete destaca a ganhadora do prêmio de R$ 1 milhão do Saúde Cap, a serventuária do 2º Cartório de Notas, Nicinha Saura. Em entrevista, ela disse que ainda não sabe o que vai fazer com o dinheiro, mas já tem certeza de que irá doar parte dele (10%) para as entidades sociais de Jales. Nicinha contou que sempre compra as cartelas de um vendedor que vai até o Cartório todas as semanas, mas, dessa vez, ela estava muito ocupada e quem escolheu o número do bilhete foi sua colega de trabalho Norma. Ela contou, também, que a primeira pessoa que ligou para dar a boa notícia foi uma prima, mas, em princípio, ela achou que se tratava de um trote. Ela só acreditou quando recebeu ligações de outros familiares e amigos e do próprio Saúde Cap.

O jornal está destacando, também, a informação passada pelo delegado Marcos Negrelli, da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes, dando conta de que uma nova droga conhecida como MD, consumida por jovens com maior poder aquisitivo, já chegou a Jales. Segundo a notícia, a MD, também conhecida por “Michael Douglas”, “Madonna” ou “Molly”, é uma das drogas mais perigosas produzidas em laboratório e vem sendo consumida há cerca de 10 anos em baladas, shows, raves e festas de faculdades em vários pontos do país.

O caso dos dois funcionários da Coopersol que faleceram no mesmo dia, enquanto trabalhavam, vítimas de problemas cardíacos; o caso do jovem de 16 anos que se suicidou na manhã de quarta-feira, 08; as expectativas de alguns empresários jalesenses com relação a 2020; a posse do novo dirigente regional de ensino, Geraldo Niza da Silva; a emenda parlamentar de R$ 500 mil que o deputado federal Geninho Zuliani, aliado do prefeito Flá Prandi, está destinando para a Santa Casa; e a palavra do pré-candidato a prefeito, Luiz Henrique Moreira, garantindo que desta vez Jales não terá candidatura única, são outros assuntos do JJ.

Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior comenta que o bispo diocesano dom Reginaldo Andrietta surpreendeu os fiéis presentes à missa do domingo que antecedeu o Natal. Durante a homilia, o bispo pregou abertamente a participação dos católicos nas eleições municipais deste ano. Na opinião do bispo, é preciso que os católicos participem mais ativamente das eleições até como forma de garantir que, depois de eleitos, possam influir na implementação de políticas públicas que sejam do interesse da maioria, especialmente no campo social.

2 comentários

  • Igreja na politica

    A Igreja sempre esteve ligada a politica. Historicamente, esteve ligada aos ricos quando fez um grande patrimônio. Atualmente, é dona das melhores áreas de todas as cidades do Brasil. Alem de ser proprietária de universidades, escolas, canal de tv, emissoras, partidos políticos, etc
    Na politica, ajudou a fundar o PT mas com a eleição de Bolsonaro, perdeu o seu poder que tinha com a derrota da esquerda. A classe politica conhece muito bem a força que a Igreja tem com os seus fieis e anda ao lado dos católicos e principalmente os evangélicos que são mais “obedientes”.
    Em Jales, certamente o bispo petista quer ter os candidatos católicos para dar o seu apoio. E assim, manter um canal de comunicação com o futuro prefeito.
    Parece que o jornal de Jales é o seu canal de propagação de noticias.

  • Patriota conservador da depressão

    https://revistaforum.com.br/politica/prefeito-mao-santa-do-piaui-inaugura-retrato-de-bolsonaro-com-solenidade/ então olha que obra boa pro Prefake Fra inaugurar é o tio dele coloca no jornal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *