JORNAL DE JALES: RELAÇÕES ENTRE A DEPUTADA ANALICE E A PREFEITA NICE SOFREM NOVO ABALO

DSC01681A principal manchete do Jornal de Jales fala do fim do mistério sobre o desaparecimento do caminhoneiro Marcos Adriano Longo, o Curió, cujo corpo foi encontrado na sexta-feira. De acordo com o jornal, Curió teria sido contratado no domingo, 25/01, para fazer o transporte de cinco cavalos e cinco bezerras, mas, acabou se desentendendo com o contratante, R.S.M., que confessou o crime à polícia.

O JJ está destacando, também, a assembleia geral dos servidores municipais, realizada na quarta-feira, 28/01, quando eles aprovaram uma proposta de reajuste salarial de 10% e de aumento do valor da cesta básica. Ficou decidido, ainda, que se a prefeita Nice Mistilides não se manifestar até amanhã, 02/02, o Sindicato convocará nova assembleia onde poderá ser aprovada uma greve por tempo indeterminado.

A garantia da Prefeitura de que haverá vagas para todas as crianças nas creches do município; o projeto “Mães Participativas”, que visa humanizar o atendimento da Santa Casa de Jales; e as novidades sobre o processo que está sendo movido contra a prefeita Nice Mistilides, na Câmara, são outros assuntos do JJ deste domingo.

Na coluna Fique Sabendo, o jornalista Deonel Rosa Júnior está informando que as relações entre a deputada Analice Fernandes e a prefeita Nice Mistilides, que já não eram boas, sofreram um novo estremecimento nos últimos dias. O motivo foi uma notícia distribuída pela assessoria de imprensa da prefeita, sobre o início da pavimentação de um trecho da marginal que leva ao Distrito Industrial III. A notícia não inclui uma única linha sobre os esforços da deputada para liberar os recursos – R$ 790 mil – junto ao governo estadual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *