PF INVESTIGA MÉDICO DE JALES QUE TERIA COMPRADO VAGA PARA FILHO NO CURSO DE MEDICINA DA UB

Segundo notícia do portal Região Noroeste, um médico de Jales – J.F.Q. – estaria sendo investigado pela Polícia Federal, sob suspeita de ter comprado uma vaga para o filho no curso de medicina da Universidade Brasil, de Fernandópolis. A Universidade, como se sabe, foi alvo da operação Vagatomia, que, além da compra de vagas, apura fraudes contra o FIES e o PROUNI.

O médico, que atende em uma clínica no centro de Jales, teria emitido dois cheques – um no valor de R$ 15 mil e outro no valor de R$ 65 mil – como forma de pagamento pela vaga do filho. O rapaz, que acabou obtendo vaga no curso, ficou classificado na posição 618 no vestibular deste ano da UB, que oferecia apenas 205 vagas.

De acordo com o Região Noroeste, o médico – através de mensagens via WhatsApp – negou a compra da vaga para o filho, cujo nome não foi divulgado. No entanto, gravações mostram que dois homens entram na clínica do médico para receber dois cheques como forma de pagamento pela vaga.

A notícia diz, ainda, que as informações sobre o caso são da Polícia Federal de Jales.

Em tempo: abaixo, reportagem sobre o assunto, exibida ontem pelo Fantástico:

3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *