VEREADOR ZANETONI QUESTIONA PREFEITURA SOBRE PROBLEMAS EM CASAS DO CONJUNTO ‘HONÓRIO AMADEU’

O conjunto habitacional “Honório Amadeu”, com 99 casas, começou a ser construído em 2012, ainda no governo Parini, e só foi concluído em 2019. O local, totalmente inapropriado, obrigou a empresa a fazer muros de arrimo que não estavam no projeto original. A construção das casas custaria R$ 6,6 milhões, mas acabou custando cerca de R$ 8,5 milhões.

A notícia é da assessoria de imprensa da Câmara:

O vereador João Zanetoni (PSB) apresentou, na última sessão da Câmara, um requerimento questionando se a Prefeitura sabe dos problemas de infraestrutura que há nas casas do recém-entregue Conjunto Habitacional “Honório Amadeu”.

O vereador justificou que os moradores reclamam que as casas apresentam infiltrações nas paredes, goteiras, a água escorre por tubos da fiação elétrica e pisos de cerâmica que descolam. A situação é grave, causa prejuízo para os moradores e  já foi matéria em uma rede de televisão regional.

Zanetoni falou sobre a propositura: “Faz um ano da inauguração, teve reportagem na TV e temos acompanhado fotos e vídeos que são enviados para nós. É um descaso. A pessoa não ganhou aquilo, ela está pagando, apenas foi sorteada. Espero que a administração municipal, através do órgão competente, possa buscar a solução”.

O vereador Vanderley Vieira – Deley comentou o requerimento: “A população merece respeito e o nosso apoio. Eu estive lá, vi que muitas casas estão com rachaduras e outros problemas. Um engenheiro precisa ir lá, fazer um relatório para levarmos à CDHU e ela cobrar da empresa construtora”.

Zanetoni indagou quem é responsável por solucionar os danos nas casas e o que a Prefeitura pretende fazer quanto ao problema.

O requerimento foi aprovado por unanimidade e encaminhado ao Poder Executivo, que tem até 15 dias úteis para enviar resposta ao Legislativo.

2 comentários

  • Já vi esse filme!

    Certamente a “novela do CDHU” volta a passar em Jales. Este é um velho filme! Os políticos faturaram na entrega das chaves, na inauguração das casas, denominação das ruas, etc, Para subir os valores da obras, rolaram muitas propinas.
    Como sempre vieram os problemas que certamente demorarão para se resolver. Prefeitura deveria ter feito uma pré vistoria nas casas. Não fez? Tinha pressa …… Porem não é a primeira vez que ocorre isso.
    Burocracia da CDHU vai retardar o conserto das casas. Poderá ter até a justiça. Ai ferrou!
    Infelizmente cada morador deveria corrigir os defeitos na construção. Será que pode?

  • Marlene Quintela

    Cardosinho eu aproveito o assunto para sugerir um post em seu blog.
    Moro no Honório Amadeu e eu não sabia que aqui passava circular, pois é muito mais barato do que ir de moto táxi para os lugares, já que o nosso bairro é distante.
    Sabe pq eu não sabia? Pq nunca vi (e não tem mesmo) nenhum PONTO DE PARADA por aqui. Eu não sei quem é que é responsável sobre isso, mais devem instalar pelo menos uma sinalização para sabermos onde é que devemos esperar e também nos informar os horários. É um descaso o jeito que a circular vem sendo tratada em jales, principalmente para os moradores do Honório!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *