OS GLADIADORES DO TERCEIRO MILÊNIO

Reproduzo, abaixo, um trecho do artigo “Violência x Violência”, do Marco Antonio Poletto, publicado pelo jornal A Tribuna, de domingo:

Dia desses assistia ao Globo Esporte quando escutei Galvão Bueno desesperado gritando: Um, dois, três… ACABOU, ACABOU, ACABOU, É O BRASIL! O BRASIL É CAMPEÃO DO MUNDO! Pensei: Mas o que será? Futebol não pode ser. Basquete e vôlei não são.

Curioso olhei para a tela. Qual não foi minha admiração quando vi que o desespero do Galvão era por causa da vitória brasileira no tal do MMA ou UFC, nova febre do esporte em que dois indivíduos trocam sopapos, chutes e cabeçadas.

Sai sangue pra todo lado e vence quem derruba seu oponente. Os gritos do Galvão me levaram a refletir:- Como podemos apreciar um esporte tão brutal e violento como esse UFC? Mesmo depois de milênios será que ainda nos comprazemos com as arenas romanas agora chamadas de octógonos?

O artigo do Poletto, por inteiro, pode se lido aqui. E abaixo, um vídeo com a narração do Galvão:

You need to a flashplayer enabled browser to view this YouTube video

10 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *