O DNIT DE SÃO PAULO NA IMPRENSA

Depois de se deixar fotografar com o nosso estadista, Humberto Parini, e virar notícia em O Globo, o superintendente do Dnit em São Paulo, Ricardo Madalena, virou personagem da coluna do Augusto Nunes, na revista Veja:

27/07/2011

às 19:20 \ Sanatório Geral

Pecadores redimidos

“Acho que sou uma pessoa de ficha limpa. Eu não tenho nada a esconder. Isso faz 20 anos. Foi um lapso que ocorreu na minha vida e pelo qual eu já paguei”.

Ricardo Rossi Madalena, superintendente do Dnit em São Paulo por indicação do PR, sobre a condenação a dois anos e quatro meses de prisão sofrida em 1991, quando era secretário de Obras e filho do então prefeito da cidade paulista de Ipauçu e desviou cimento comprado para obras públicas, explicando que, como só tem ficha suja quem pecou neste século, não vê nada demais em ocupar desde 2006 o cargo de chefão das estradas federais em território paulista.

E, por falar no Dnit de São Paulo, vejam aqui uma notícia do Correio Braziliense sobre a atuação de um amigo do mensaleiro Valdemar Costa Neto.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *