CÂMARA DE BEBEDOURO APROVA CRIAÇÃO DE 11 CARGOS COMISSIONADOS

Este aprendiz de blogueiro já disse por aqui, que nós podemos até fazer críticas à atuação dos nossos vereadores. Os de agora e os do passado. Mas uma coisa é certa: a Câmara de Jales é uma das mais enxutas da região e também uma das mais transparentes no que diz respeito à votação dos vereadores, uma vez que no nosso Legislativo não existe o tal voto secreto.

Vai longe o tempo em que, na Câmara de Jales, vereadores sem escrúpulos traíam seus companheiros e vendiam seus votos nas eleições para a presidência da Casa, protegidos pelo voto secreto. De outro lado, podemos afirmar que a nossa Câmara é uma das mais econômicas do Estado.

Por exemplo: em muitas cidades por aí, cada vereador tem direito a nomear um, dois, três ou até quatro assessores parlamentares. Aqui em Jales, a Câmara possui apenas um assessor parlamentar para atender a todos os vereadores. Agora, vejam essa notícia do Diarioweb:

Vereadores da Câmara de Bebedouro aprovaram projeto para criação de 11 cargos de apadrinhados no Legislativo, o que vai gerar impacto financeiro anual de R$ 264 mil. Os parlamentares articulavam apresentação da proposta desde o começo da atual legislatura, em janeiro, mas não tinham votos suficientes até então.

Na semana passada, porém, nove – dos 11 vereadores – apoiaram a proposta. Os cargos são para assessoria dos vereadores. “Não tinha assessores. Se (os vereadores) se ausentam, o gabinete fica fechado”, afirmou o advogado da Câmara, Antônio Salvatti.

O salário previsto é de R$ 2 mil, sem os descontos. Apenas Luis Carlos de Freitas (PT) e Nasser José Delgado Abdallah (PV) não apoiaram o projeto. Nasser, que se absteve na votação, disse que pediu para ter acesso ao projeto, o que foi negado pelo presidente Angelo Daólio (PSDB).

Ainda segundo Nasser, a proposta não passou pela Comissão de Finanças da Casa. “Agora, o departamento jurídico vai ter que responder por isso”, afirmou. Com a aprovação, o Legislativo de Bebedouro passa a contar com 14 cargos em comissão.

E podem escrever: os dois vereadores que não apoiaram o projeto também vão nomear seus assessores. É só uma questão de tempo.    

6 comentários

  • Pit Bull

    E a população ? É omissa !!!?

    Então merece o que tem, como nós no executivo.

  • Felpudo

    Parabens aos vereadores do G6 que evitou tal absurdo em Jales.

  • Zé da Roça

    Enquanto isso, o nosso funcionalismo está sendo mal remunerado em detrimento aos apaniguados, dito cargos de confiança, com remuneração superior ao dos funcionários sem entender bulhufas da função à qual foram destinados, lógico é claro a não ser o cargo de motorista que é só dirigir…, vou para a roça carpir tiririca em homenagem ao nosso nobre deputado.

  • anonimo

    A farra – Vereadores recebem Bolsa Família no Maranhão

    Por Raimundo Garrone, Odilon Rios E Cristiane Sampaio, no Globo:
    A investigação sobre a origem da onda de boatos levou a denúncias contra vereadores de pequenos municípios maranhenses que também estão recebendo o Bolsa Família. Em Coroatá, a 247 quilômetros de São Luís, o vereador Juscelino do Carmo Araújo (PT) foi denunciado por receber o benefício mesmo tendo declarado à Justiça Eleitoral possuir patrimônio de R$ 320 mil. O caso foi denunciado na Câmara Municipal pelo vereador Júnior Buhatem (PMDB).

    Já em Fortaleza dos Nogueiras, a 661 quilômetros de São Luís, a denúncia também foi em sessão da Câmara, contra o vereador Edimar Dias (PSD). O prefeito do município, Elimar Nogueira (PR), que fez questão de acompanhar a sessão, disse que tem provas. “ O cidadão está, desde o seu primeiro mandato, recebendo auxílio da Bolsa Família junto com sua esposa? Isso não precisa ser apurado, tenho documentos, fomos à Caixa, e o dinheiro está sendo depositado na conta do vereador”, acusou Elimar. A Polícia Federal, que está investigando os boatos no Maranhão, não quis se pronunciar sobre o assunto.

  • anonimo

    estive no upa prefeita e lá só tinha uma médica , para uma cidade do nosso porte onde deveriam ter no maximo 2 a 3 dres atendendo aos doentes,enfermeiros estão de parabens são o suficiente e até vemos que ficam p e parados por falta de médicos, oláaaa nice cade suas equipes que cuidam da saude em jales ou vai ficar só na proméssa de campanha politica…foram duas horas esperando com um filho e esposa dento do carro…deê mais atenção a saude pref…acorda nice ou vamos reunir a população e chamar o favio prandi para popr a cidade de jales em pé…

  • anonimo

    apareça mais assim como era antes de ser pref. ou tem mais gente te orientando de como governar uma cidade pequena como jales…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *