MACETÃO SERÁ JULGADO NA QUINTA-FEIRA PELO TRE

Hoje estive no Pronto-Socorro para fazer algumas fotos e encontrei por lá o João Missoni, secretário de Planejamento e presidente do diretório municipal do PMDB. O João me disse que o Tribunal Regional Eleitoral marcou para o dia 31 de março, quinta-feira, o julgamento do vereador Luiz Henrique Viotto, o mais votado nas eleições de 2008, com mais de 2.300 votos.

Macetão está sendo processado pelo PMDB, por infidelidade partidária. Eleito pelo partido, ele desfiliou-se coisa de um ano depois das eleições, com o argumento de que estaria sendo perseguido pelos peemedebistas. João Missoni acredita que Macetão poderá perder a vaga de vereador, uma vez que o partido está requisitando o mandato para um suplente peemedebista, junto à Justiça Eleitoral.

Evidentemente que ninguém do PMDB vai confirmar, mas a iniciativa de processar o vereador foi do prefeito Humberto Parini que, incomodado com as frequentes críticas de Macetão ao seu governo, tratou de “estimular” o partido de João Missoni a tomar medidas contra o desafeto político.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *