MULHERES QUE DIZEM NÃO

“Mulher que nega, não sabe não, tem uma coisa de menos no seu coração”, é o que dizia Vinícius de Moraes em uma de suas canções. O poetinha tinha lá suas razões prá dizer isso, mas nem sempre é assim. As professoras da foto acima, por exemplo, pareciam convictas de que o momento era prá dizer ‘não’.

Goste-se ou não, o fato é que as professoras apenas praticaram o chamado exercício da cidadania, defendendo seus interesses de forma democrática e civilizada. Pessoalmente, continuo achando que não é somente o pessoal da Educação que merece ter o seu Plano de Carreira, mas tomara que o exemplo de mobilização das professoras sirva mesmo de inspiração para outras categorias do funcionalismo.  As fotos são do Roberto Timpurim:

 

4 comentários

  • APONTADOR

    Menos… Bem menos!

  • Roberto Injustus

    Com todo respeito, blogueiro, o exemplo que as professoras vem dando, ultimamente, é de egoísmo. Elas são boas para defender apenas aquilo que interessa a elas. Basta ver que, na última assembléia do Sindicato para discutir o aumento salarial, nenhuma dessas senhoras apareceu na Câmara. Sabe por que? Porque elas ganham bem. Então o resto que se exploda. Os pobres coitados que ganham uma miséria e que se dispuseram a ir até a Câmara não tiveram a solidariedade das professoras. Essas professoras se acham a última bolacha do pacote porque a imprensa domesticada vive enchendo a bola da Educação de Jales. Ora, blogueiro, nós temos cidades pequenas e médias da nossa região onde a Educação avançou muito mais. É só você pesquisar, mas parece que até você tá entrando nessa de puxar o saco desse pessoal da Educação. Os piores ônibus da região são os de Jales. Uma das piores merendas era, até o ano passado, a de Jales. É isso.

  • annonymous

    Elas não aparecem nas assembléias geral da câmara para não ficar marcadas com o prefeito, pois conseguem tudo oq querem e se apoiarem o resto dos funcionários tem medo de perder seus privilégios, é como se fosse uma troca, prefeito dá oq elas querem e elas não se juntam com o resto pra exigir nem aumento, pois o prefeito é esperto e sabe que na educação tem muito servidor enquanto nos outros setores a maioria esta sendo tercerizado, então se ele tem a educação na mão ele consegue segurar tudo, inclusive greve.

  • Servidor triste

    Os servidores municipais devem exigir posição firme do sindicato frente ao ocorrido com as professores. Por que só elas ? Cadê os secretários das demais áreas da administração de Jales para tomarem uma decisão firme como a Profª Elida ? Cadê o sindicato que deveria lutar por nossos direitos ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *