ESTUDANTE DENUNCIA SUPOSTA RETALIAÇÃO NA PROMOÇÃO SOCIAL DA PREFEITURA

Uma estudante de Serviço Social mandou-me um email com o vídeo de uma conversa que ela teve com uma das assistentes sociais da Secretaria de Promoção Social, gravado há dois anos. Ela alega que, recentemente, ao solicitar um estágio remunerado na Prefeitura de Jales, teria sofrido “retaliação pessoal”, por conta da gravação do vídeo. A estudante fez outra denúncia grave: segundo ela, pessoas de outras cidades estariam estagiando na Prefeitura de Jales, utilizando-se de endereços falsos. Deixo de postar o vídeo, por problemas técnicos. E deixo de citar o nome da assistente social porque não foi possível ouvi-la e também porque eu sei que, muitas vezes, os funcionários de carreira apenas seguem orientações de seus superiores. Sei também que a secretaria da Promoção Social não conta com muito respaldo do prefeito Humberto Parini, que prefere apoiar o Fundo Social de Solidariedade, presidido pela primeira-dama. Quanto ao chefe de gabinete da secretaria, ex-vereador Jediel Zacarias, citado no email, devo salientar – por uma questão de justiça – que, todas as vezes em que ele foi acionado por este aprendiz de blogueiro(quando eu trabalhava na Educação) ou pela vereadora Tatinha, sempre foi muito atencioso e, quando pôde, procurou resolver os problemas que apresentamos. Dito isso, vamos ao email que me foi enviado pela estudante Cláudia: 

“Cardosinho, como prometi, estou enviando o e-mail com o vídeo da assistente social da Promoção Social, que, há dois anos, prometeu-me uma visita à minha casa, para ver a possibilidade de doação dos medicamentos que eu necessitava para minhas sérias crises de dor de cabeça, constatadas pela Drª. Adriana Sato, neurologista, que me receitou os medicamentos, os quais por sinal eram caros, e eu não tinha condições de comprá-los. A assistente social não cumpriu a visita e, segundo ela mesma, não compareceu à minha casa por falta de um carro. Deixo aqui o lembrete de que, na época, eu morava a dois quarteirões do prédio da Promoção Social. Meia hora após a filmagem do vídeo, feita por mim, o então gestor da Promoção Social, Jediel Zacarias, veio até minha casa com os medicamentos.

Agora, após dois anos do ocorrido, eu que faço faculdade de Serviço Social e necessito do estágio remunerado para a conclusão de meu curso, tive a oportunidade de uma entrevista para ser estagiária do Conselho Municipal de Assistência Social desta cidade. No entanto, infelizmente, o Conselho se localiza no prédio junto à Promoção Social, e eu acabei não sendo aprovada, creio eu que por motivos pessoais do então gestor, juntamente com a assistente social já citada e com a drª. Claudia da secretaria de Promoção Social. Por esse motivo, continuo estagiando na Prefeitura da cidade de Aspásia, viajando até lá três vezes por semana, para cumprir o estágio.

 Lembrando, que existem pessoas fazendo o estágio remunerado, pela Prefeitura de Jales, que são de outras cidades, com endereço falso de Jales. Ou seja, existem vagas para estagiários de outras cidades, e pros pratas da casa, nada. Abraços, Cláudia.”

9 comentários

  • bom bril

    O SUS garante medicamentos aos seus usuarios, mas não atravez da Promoção Social, lá não tem farmácia.Neste caso se a consulta foi feita por médico do SUS, teria de ter procurado a Secretaria de Saude do municipio para providências e se a resposta for negativa procure o Ministério Publico.

    • Desanimada com Jales

      Caro Bom bril, neste caso a assistente social deveria er informado a usuaria que não fornecia os medicamentos, e não prometido uma visita, este é apenas mais um caso dos muitos ocorridos, nos outros as vitimas se calram, fico lizongeada em ver alguem que tenha tido coragem de gravar uma denuncia, dado a cara a tapa para as retaliaçoes posteriores, e fico plenamente invergonhada de ver q alguem ainda é capaz de criticar uma estudante que denuncia iregularidades na adm municipal.

  • bom bril

    Prezada Desanimada,Será que a assistente social sabe alguma coisa do SUS?, Acho que não, senão teria indicado o caminho, O Ministério Público é o parceiro fiel do SUS

  • Descaminhos… E o Conselho Municpal de Assistencia Social que tem o DEVER de fiscalizar as ações desenvolvidas na secretaria? Saúde é Direito de Todos e Dever do Estado, lógico que os profissonais do Serviço social sabem disto, que é o SUS que banca. Mas se a “Promoção Social” continua a agir assim é por que “alguem com Poder de Mando” está sendo favorecido pelo desvio de conduta, afinal sabe-se que os cheques precisam ser assinados para a compra de medicamentos mediante apresentação das Notas Fiscais. E sim, somos todos mais que parceiros do SUS, somos donos do SUS. O dinheiro é público, do povo, por isto temos o Direito de fiscalizar e cobrar e o Conselho de Assistencia tem o DEVER, assim como A Câmara e o Ministério Público.

    • Desanimada com Jales

      Meu caro Murilo gostei muito do sei comentário, eu te conheço a tempo e gosto de saber a sua opinião hoje, é assim mesmo a nossa cidade esta jogada as moscas, só não ve quem não quer,este é um dos poucos casos que esta moça teve coragem de dar a cara a tapa e os muitos que não ficamos sabendo, isso porque vcs não sabem que a cesta basica que é doada na promoção social é um terço de uma cesta basica, e quem precisa de uma é huminhado, espera a doa vontade das otimas funcionarias que trabanham na promoção, sem conta que tem pessoas que ja se formarão e continuã trabalhando la pela frente de trabalho que já era para ter acabado, mas esta é Jales que muito bem administrada, pro quem mesmo qual é o nome do nosso prefeito iiiiiiiiiiiii esqueci, bom está é uma outra historia

  • bom bril

    Prezada Desanimada, O SUS, segundo a Constituiçao Brasileira, é nosso, de todos.
    Todos nós temos direitos e obrigações para com ELE e uma delas é procurar conhece-lo para, aí sim, ajuda-lo e fiscalizar os operadores do SUS para que sejamos bem atendidos.
    A Conferência Municipal vem aí, será a oportunidade de aprender alguma coisa, PARTICIPE

    • desanimada com jales

      Eu não estou precisando aprender nada, quem precisa é você e a Assistente Social que atendeu esta usuario, acho que vc é uma pessoa muito equivocada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *