O ESTADISTA MENTIROSO

O prefeito Humberto Parini tem se revelado um grande mentiroso. Infelizmente, algumas de suas mentiras são aceitas como verdades, não apenas por setores da imprensa, mas até por pessoas que deviam zelar pelo interesse comum. Dêem uma olhada no documento acima, que foi reproduzido pelo jornal A Tribuna, da semana passada. Vejam se ele se parece com um orçamento. Observem se nele está inserida alguma pesquisa de preços.

Agora vejam o que escreveu o prefeito, em resposta à matéria escrita por este aprendiz de blogueiro e publicada pelo jornal: “esclareço que é praxe comum e o bom senso recomenda, que diante da necessidade de fazer qualquer aquisição se faça uma boa pesquisa de preços e assim comprar o que é de custo menor e de maior benefício. Antes de qualquer encaminhamento é necessário ter informações sobre o custo do que se está pretendendo”.

Qualquer pessoa que tenha um mínimo de conhecimento, pode constatar que o documento mostra exatamente o contrário do que o prefeito está dizendo. O e-mail é a negação de tudo o que o prefeito escreveu acima. Ele demonstra claramente que o senhor Parini “acertava” licitações em seu gabinete. Ou não? Este blog é visitado por advogados, servidores públicos de todas as esferas e até por promotores de Justiça. Então, fiquem à vontade para me corrigir, se eu estiver escrevendo alguma mentira.

O e-mail, enviado para a caixa do prefeito, impresso em papel timbrado do município e enviado ao setor de licitações para providências é claro: “Caro prefeito, conforme nossos entendimentos em seu gabinete, segue empresas para carta convite. Seria interessante me avisar quando pode (sic) retirar o edital, para que eu possa pegar pessoalmente e como isso ganhar tempo com a documentação”. Dizer que isso se assemelha a uma pesquisa de preços é mais do que uma mentira: é uma falta de respeito para com a inteligência de quem lê o jornal. Só um grande cara-de-pau poderia escrever uma sandice dessas.

E por falar em sandices, eis outra, também da lavra do prefeito: “a posse de cópia de e-mail, de meu e-mail particular, sugere que meu computador e meu e-mail (sic) tenham sido invadidos até pelo próprio denunciante”. Nem vou tomar o tempo do prezado visitante desmentindo essa e as outras tolices escritas pelo prefeito.  

8 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *