PARINI PEDE À CÂMARA PARA VOTAR PROJETO QUE AUTORIZA DOAÇÃO DO CAMPO DA FEPASA

Não sabia exatamente o que estava acontecendo, mas agora já estou começando a entender. A vereadora Tatinha recebeu um convite para uma reunião, ainda hoje, na sede da OAB. E eu recebi um e-mail que fala sobre uma nota distribuída pela assessoria de imprensa da Prefeitura. Como o pessoal da Prefeitura não manda nada prá este aprendiz de blogueiro, corri ao portal da Mais Interativa e lá estava a tal nota.

O prefeito Parini está solicitando à Câmara para colocar em discussão o projeto que autoriza a doação do Campo da Fepasa para instalação de alguns órgãos federais. Um dos argumentos para a pressa é a possibilidade de perdermos esses órgãos, caso não façamos rapidamente a doação. Curiosamente, tal possibilidade havia sido levantada pelo procurador federal, Thiago Lacerda, e desmentida pelo próprio Parini, em entrevistas ao Antena Ligada.

Vamos ao e-mail que eu recebi, com o título de “Palhaçada”:

Tendo em vista a inusitada noticia de que o Sr. Prefeito Humberto Parini encaminhou à Câmara os Projetos que tratam da doação da área de terreno onde está localizado o “campo da fepasa” para o Tribunal Regional Federal – 3ª Região (Justiça Federal) e Ministério Público Federal,  objetivando a construção de suas respectivas sedes, estamos anexando a Nota da assessoria do Poder Executivo Jalesense que cita em determinados trechos o Forum da Cidadania, OAB de Jales e o empresário que apresentou a proposta de estabelecer uma parceria com a Secretaria Estadual de Justiça e da Cidadania para a construção do novo prédio do Fórum Estadual de Jales.
 
Como todos devem se lembrar, o projeto de uma “cidade judiciária” como vem sendo denominada  contempla um projeto maior, ou seja, viabilizar junto aos POderes constituídos ( Executivo e Legislativo) gestões para que fosse adquirido uma área maior que seja possível a construção de diversos órgãos públicos de interesse da cidadania, tais como: Forum Estadual; Justiça Federal; MPF; Policia Federal; Ministério Público Estadual; Justiça do Trabalho e outros que no futuro se viabizassem.
 
Diante dessa noticia o que se depreende é que o Prefeito Parini sem antes ao menos informar  e por respeito aos integrantes do Fórum da Cidadania de Jales o quanto decidido, decidiu levar em frente o projeto originário e abotar o projeto da cidade judiciária. Procurados pela imprensa local para emitir nossa opinião sobre tais fatos, não concedemos entrevistas sem antes ouvir o Fórum da Cidadania.
 
Nossa posição foi de dizer que o Fórum da Cidadania ainda não havia se pronunciado até porque não tinhamos conhecimento do inteiro teor da Nota distribuída á imprensa.
 
Para não estabelecer um desgaste entre as instituições e não deixar comentários infundados,  decidimos procurar o Presidente Luiz Flávio Borges D’Urso da OAB/SP., oportunidade que informamos tudo o que estava ocorrendo em Jales com esse importante projeto.
 
Passamos para ele a informação de que consta no documento emitido o temor de que não sendo aprovado o projeto de doação à Justiça Federal e outros órgãos poderão sair da cidade.
 
Por sugestão do Presidente, ele pediu que encaminhassemos com a maior urgência esse expediente à São Paulo que pessoalmente em nome da OAB/SP., providenciará um pedido da Secional para o Presidente Roberto Haddad, do TRF3ª região, para que essa possibilidade ou boato de que não aprovado esse projeto da forma em que foi apresentado à Câmara,  a Vara Federal de Jales vai embora daqui, seja afastada, pelos motivos legais e de que existe um projeto maior de iniciativa da comunidade.
 
Enquanto isso, na segunda-feira, o projeto será lido na Sessão da Câmara.
 
 
Esclarecemos para aqueles que não tiveram tempo de relembrar os fatos: Após a reunião com a Secretária de Justiça em São Paulo,  o Prefeito recebeu oficio de São Paulo cobrando os projetos referentes a área de terreno para construção do novo Fórum. Sai na imprensa também a nomeação de uma comissão para encontrar uma área viável para receber esse projeto de cidade judiciária. Após foi publicado na imprensa uma reunião realizada na Prefeitura com representantes de Imobiliárias para avalairem o campo da fepasa.
 
Após esses fatos, todos sabem, houve o problema judicial com o Parini, e agora retornando ao poder o mesmo se esqueceu de dar ouvidos a comunidade, mais uma vez, já que eleito com 60% dos votos, se julga estar com o rei na barriga. 

17 comentários

  • Em defesa da Amada Jales!!!

    Tirar o campo da FEPASA é uma pena!

    Quantas pessoas passam as tardes de domingo assistindo um joguinho ou batendo uma bolinha.

    Jales já não tem lazer. Veja os jovens ficam com seus carros com o som alto e bebendo cerveja por não ter outro tipo de lazer.

    Agora tirar o campo dai é uma pena. A sociedade deve ver quem são os políticos que querem o fim do campo e lutarem contra isso.

    Já tiraram o jacaré da praça que era um simbolo de Jales. Já perdemos parte do ensino universitário para as cidades da regiao que também era um simbolo de Jales. Nosso esporte está indo mal, pois já tivemos Basquete e Futsal de primeira linha, hoje não temos nada. Nossos frigoríficos estão fechados. A FACIP está minguada… agora tirarão o campo da FEPASA? Pensem melhor!

  • Anônimo

    De quem é essa brilhante idéia de tirar o campo que já está pronto pra fazer outra coisa? Parem de complicar! Jales está se complicando demais. Tem tantos terrenos que daria pra fazer o que quisessem. Precisa ser justamente o do campo?

  • cigano do rabo solto

    verdade, tem tantos outros terrenos que dariam pra construir outros campos. Por que atrasar o progresso da nossa cidade arriscando perder órgãos federais importantíssimos por conta de um campinho?

  • Essa “coisa” chamada de prefeito é e vai ser para sempre a pior desgraça da história de Jales.Vamos esperar que a câmara use da sabedoria e não aprove esse projeto contra o patrimônio histórico de Jales. Existem tantos lugares para se fazer as maracutaias. No campinho não. Parini quando é que você vai vestir calças???????????

  • E está mais do que na hora dos pré candiDatos se manifestarem, Flá, Nice, Garça, Especiato, Viola, Pedro Callado, sobre esse crime contra o patrimônio histórico de Jales. Ou vão todos…NADA A DECLARAR?

  • MUDANÇA DE DATA.
    AMIGOS DO CAMPINHO DA FEPASA, COMUNICO QUE A DATA DO FRATERNAL ABRAÇO AO CAMPINHO FOI MODIFICADA, POIS UM DOS ARTICULADORES DESSE MOVIMENTO( QUE FARÁ TODA PARTE ESTRUTURAL/LOGISTICA) NÃO ESTARÁ NO BRASIL NESTA DATA DE 27 DE AGOSTO. FICA O DIA 24 DE SETEMBRO PARA REALIZAÇÃO DO ATO.
    PEÇO DESCULPAS E AGRADEÇO A TODOS. LEMBRANDO,SEMPRE, “QUE O HOMEM NADA MAIS É DAQUILO QUE ELE FAZ DE SI MESMO.”..

  • Anônimo

    Passou da hora… Cadê os vereadores para cassar o Parini? Isso nao pode ser permitido!

  • Em Defesa da Amada Jales!!!

    Vendo uma notícia dessa não consigo imaginar como o prefeito pensa.

    Pra que tirar o campo de lá?

    Parece que ele está com raiva do povo de Jales.
    Porque ele não gasta energia buscando empresas para a nossa amada Jales?
    Porque não busca o campus da UFSCAR?
    Porque não buscou o canteiro de obras da rodovia?
    Porque não buscou o Instituto Federal?

    Será que eu é que estou pensando errado?

    Engraçado na hora de correr atras dos benefícios particulares, como por exemplo uma liminar para permanecer no poder ele se juntou a pessoas fortes em Brasília e conseguiu.

    Agora porque não consegue absolutamente nada pra Jales?

    Aliás precisamos apurar quem são essas pessoas poderosas e o porque nunca lutaram para nossa cidade.

    • Parabéns pelo belo comentário, Em defesa da amada Jales.Aquele campinho, segundo meu tio, Prof. Neto foi terraplanado em 1951. Este ano estará completando 60 anos.
      Parini não gosta de Jales.Acho que está mais do que na hora da gente reclamar com o bispo.!!!!!!!!!!

  • Anônimo

    Pessoal:

    Tem um boato correndo nas ruas que foi um lider religioso e um senador que acompanharam o Parini na busca da liminar. Isso é verdade?

    Agora qual é o interesse deles em manter um prefeito no poder por meio de uma liminar?

    Estranho… no mínimo estranhissimo essa história.

    Deve haver interesses? Valeria a pena conferir!

  • My city

    Que dó em ver Jales sem rumo!!!

  • Anônimo

    Olha os políticos ai gente…rs

  • bom bril

    Melhor a CIDADE DA JUSTIÇA que sem teto invadindo o campinho.

  • Anônimo

    Melhor o campo continuar campo.

  • daisy aparecida romagnoli de moraes andrade

    Em nome do esporte q é um dos meios mais eficazes de prevenção contra todos os tipos de drogas entre crianças e jovens, eis a pergunta que não quer calar: tirar o campo ou tirar o time q só dá bola fora de campo???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *