PARINI REÚNE A TROPA

O prefeito Humberto Parini mandou convocar todo o secretariado para uma reunião às 15:00hs desta quinta-feira. Não se sabe, ainda, qual será o teor da conversa que o prefeito pretende ter com seus assessores. Mas eu aposto um pirulito que o prato de resistência deverá ser a propalada contenção de gastos.

É possível, no entanto, que o premiado estadista vá pedir aos seus colaboradores que mantenham um pé no freio, mas, ao mesmo tempo, que pisem no acelerador. Resumindo: é preciso fazer mais com menos dinheiro. Não vai ser fácil! 

8 comentários

  • anônimo

    pra fazer acerto com o shima, ronaldo e chiaparin ele tem dinheiro. PT em jales nunca mais!

  • Anônimo

    Amigo Cardoso Notaste que em alguns lugares da cidade estão sendo colocadas placas de fiscalização eletronica?Em frente ao antigo posto Brasil por exemplo.Será que nosso premiado estadista está planejando uma ”verbinha extra” no seu ultimo ano, Abraços

    • Notei sim! Aliás, falei hoje com o João Missoni sobre esse assunto. Segundo ele, o objetivo é apenas de coibir o excesso de velocidade mesmo. Ele alegou inclusive que a Prefeitura estaria desobrigada, segundo resolução do Contran, de sinalizar a existência do radar móvel, mas, como o objetivo – de acordo com o João – é apenas preventivo, e não punitivo, a secretaria de Planejamento e Trânsito preferiu optar por avisar os motoristas sobre a presença do radar. O problema é que o João não deve ficar muito tempo mais na Secretaria de Planejamento e aí as coisas podem mudar.

  • patricia

    verbinha!!!!…o fdp ta querendo é encher os bolsos!!!!
    e depois vem com essa historia que estava tendo muitas reclamações da população do excesso de velocidade nas principais avenidas…a tá….conta outra!!!

  • lucenzo

    Que coibir excesso de velocidade?

    Instala lombada!

    Radar é sinônimo de dinheiro, dinheiro este que pode vir a ser utilizado para pagamento de férias não gozadas no tempo devido.

  • Anônimo

    no site mais interativa esta dizendo que o radar ja foi instalado nas avenidas

  • Joao Missoni Filho

    Duas coisas é importante esclarecer sobre os comentarios acima, a primeira é de que qualquer recurso arrecadado com multa de transito só pode ser utilizado no transito( sinalização, orientação, campanha educativas, etc ) é verba carimbada. segundo: lombada de acordo com a Resolução do CONTRAN é diferente do antigo quebra molas, a lombada na area urbana não pode ultrapassar 8 cm de altura e convenhamos com esta altura não inibe velocidade, nas cidades onde foram instaladas de acordo com a norma legal, acabou por propiciar que maus motoristas, principalmente alguns motoqueiros, acabassem utilizando como rampa ( rampar na giria popular ) como preferem alguns. A outra situação de lombada é que é duramente criticada por equipes de Socorro, leia-se SAMU e Bombeiros, pois dificultam o resgate rapido ( imagine voce numa maca de viatura e tendo que passar em velocidade maior pelos referidos quebra molas ). Outrossim, dizer que a população não reclama do excesso de velocidade praticado por alguns ( poucos ) é no minimo ignorar a opinão da maioria. Finalmente querer impor ao radar ou outro controle de velocidade como o responsavel pela multa, é o mesmo que querer atribuir ao vendedor de arma de fogo a responsabilidade pelo crime e não a quem puxou o gatilho.

  • Joao Missoni Filho

    E.T. – os radares estão em fase de teste e ainda não estão em operação, o que deve ocorrer em aproximadamente 10 ( dez) dias, ocasião em que toda a publicidade será dada, como determina o CONTRAN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *